Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Viagem ao passado - Marco Aurélio

O Sporting publicou hoje nas suas redes sociais esta entrevista a Marco Aurélio, central do Sporting nos anos 90. O tempo parece não ter passado, nem por Marco Aurélio, nem pelas minhas memórias. 

Vivi muito os anos 90 no que diz respeito a futebol, com o que isso teve de bom e mau. Foram os últimos anos antes do futebol moderno que hoje conhecemos, os últimos anos dos clubes como eram, das idas ao estádio, que eram, queiramos ou não, diferentes de hoje também. Acho sempre que era tudo mais ingénuo, talvez por serem os meus anos de adolescente - fiz 13 em noventa, apanhei a década em cheio. Tenho mais facilidade em me lembrar de coisas que se passaram entre 90 e 99 do que para décadas mais tarde. 

Mas voltando a Marco Aurélio, ouvi-lo levou-me àquela altura, aos anos em que ia com amigos para o estádio, tardes de sol ou chuva, sem cobertura mas era indiferente, ver o nosso Sporting de 94/95. E era tão bom. Se há época que merecia um outro campeão era essa. É uma convicção cá muito nossa, mas é justa, digo eu muito parcialmente. 

Marco Aurélio fez cinco épocas no Sporting e, sendo um jogador elegante e discreto, marcou aqueles tempos. Gostava muito dele e hoje ao ouvi-lo falar dos jogos com o Real, "o segundo jogo lotado, Alvalade cheia cheia cheia cheia", pensei "estava lá, partilho esta memória com ele". É muito isto que me leva ao estádio, nada mais. As memórias, as emoções, bem sei que o tempo é outro, até o jogo mudou, mas ainda é possível encontrá-las. Dava tudo para voltar a um jogo de 94/95 em Alvalade. Sentir aquele ambiente, o cheiro em dia de bola, menos cinismo no ar também. 

Vale a pena ouvir para reviver. Mais, ouvir Marco Aurélio dizer que até hoje é do Sporting é maravilhoso. Nós cá sabemos. 

3 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D