Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

V. Setúbal começa a limpar a casa

553083_ori_estadio_do_bonfim[1].jpg

 

A casa do V. Setúbal começa felizmente a ser arrumada: o empresário Paulo Gomes venceu as eleições para a presidência do clube, destronando o anterior titular, que sai totalmente desacreditado.

O presidente cessante, Valente só de apelido, teve o destino que merecia: foi corrido. Pelos soberanos, que são os sócios. A grande maioria já nem o podia ver pela frente. Desde logo por ter deixado um passivo que ronda os 20 milhões de euros. Uma espécie de Midas invertido.


Hoje fica ainda mais claro que esse sujeito só procurou usar o Sporting como arma de arremesso para tentar sacar uns votos já em desespero. De nada lhe valeu.

Sintomaticamente, os jogadores do Setúbal "curaram-se" miraculosamente da tal "gripe" e nem um apanha-bolas voltou a ser visto de máscara na fuça lá pelo Bonfim. Entretanto, o médico Nuno Moura, que ali prestava serviço, bateu com a porta confessando-se envergonhado com o caricato «espectáculo das máscaras» que cobriu de ridículo o velho clube setubalense, enquanto o grunho agora destituído anunciava o corte de relações com o Sporting - disparate que o novo presidente tenciona reverter.

 

Cada vez que me lembro que há dez dias não faltou no Sporting quem se prontificasse a fazer coro com essa gente, desatando aos uivos contra Varandas por ter recusado adiar o jogo de 11 de Janeiro em Setúbal, mais me convenço que os maiores inimigos do nosso clube se encontram dentro do próprio clube.

 

Leitura complementar:

Jumentude em coro com os mascarados, texto meu aqui publicado a 13 de Janeiro.

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 21.01.2020

    É uma excelente questão. Confesso que ainda não tinha pensado nisso. Hei-de pronunciar-me sobre o tema, quando tiver chegado a alguma conclusão.
  • Sem imagem de perfil

    ChakraIndigo 21.01.2020

    Caro Pedro Correia,

    Penso que tem a ver com a qualificação jurídica atribuída aos denunciantes nos processos.

    Em certos casos podemos estar a falar de denunciantes qualificados como "wistlerblowers", e noutros de pessoas com acessos a factos obtidos de forma ilegítima ou indevida.

    Se determinado individuo, a trabalhar numa organização, tem conhecimento de factos desonestos, duvidosos ou ilegais, ou má conduta,através de documentos ou de outros, e os denuncia ou expõe publicamente, beneficia, perante as entidades judiciais, do estatuto de wistleblower.

    Se um individuo, sem nenhuma ligação a uma entidade, qualquer que seja a sua motivação,acede a documentos dessa entidade, sem autorização, considera-se que acedeu ilegitimamente, ou indevidamente a esses mesmos documentos. Para as autoridades, é irrelevante os factos que constem em tais documentos.

    Neste ultimo caso, é o argumento que mantém em prisão preventiva o hacker Rui Pinto.

    Um célebre wistleblower, foi Serpico, que deu origem a um filme na década de 70, salvo erro, com Al Pacino a vencer o Globo de Ouro de melhor actor. Ele pertencia a NYPD, e lutou contra a corrupção instalada na policia da cidade de NY.
    Era conhecido pelos seus colegas policias , como o "homem mais perigoso à face da Terra".
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D