Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Paz à sua alma!

A familia sportinguista fica mais pobre.

Faleceu hoje, aos 98 anos, João Salvador Marques, ex-atleta e dirigente do nosso clube e sócio numero 1 do Sporting Clube de Portugal.

Acho que posso falar por todos os meus colegas de blog neste post e deixar uma sentida mensagem de condolências à familia e amigos deste nosso grande associado. Que descanse em paz!

De regresso para analisar o nosso futuro.

1

Há quase um ano que nada escrevo por aqui. Ao que parece foi no dia 6 de Abril do ano passado. Posso justificar-me com as alterações na vida profissional, na vida pessoal ou até mesmo com o afastamento que diversas situações que ocorreram no nosso clube causaram na vontade de me manifestar.

Hoje, talvez compelido pelo facto de o nosso grupo se ir reunir, sinto que devo deixar aqui umas palavras.

 

2

Nunca deixei de apoiar e ir sempre que posso a Alvalade, mas a verdade é que as informações que fui recebendo sobre acções da anterior direção, acções de Cintra e da comissão de gestão e agora sobre a atual direção me fizeram perceber por que motivo continuamos tão atrás dos nossos rivais.

Não escondo que votei Frederico Varandas. Não por o achar mais capaz, pois já por várias vezes tive oportunidade de dizer que o acho fraco, mas por confiar em elementos da sua equipa e no seu trabalho.

Não vou aqui falar sobre os negócios ruinosos que Cintra fez ou sobre algumas das já sabidas falcatruas de Bruno (atenção que há mais para vir a descobrir nos próximos tempos). Vou-me focar em quem está em funções e no que pode ser melhorado.

 

3

Para começar, parece-me inadmissível que, mesmo trabalhando com a maior empresa de comunicação nacional, a nossa comunicação seja no geral fraca.

Em segundo lugar, em nada ajuda ter o fundador dessa mesma empresa - mesmo que já não exerça vai estar sempre ligado a ela - a mandar bitaites online, ajudando a que posições suas sejam confundidas com posições do clube, mesmo que já tenha sido defendido por elementos do clube que nada têm a ver com o que é dito e que se trata da simples opinião de um adepto como outro qualquer.

 

4

Em terceiro lugar, a postura de "a direção e o treinador têm desculpa este ano, quaisquer que sejam os resultados, porque no início da época nem sabíamos se tínhamos equipa para a manutenção ou sétimo lugar", é manifestamente pouco ambiciosa para um clube que se quer vencedor.

Em quarto lugar, surpreende-me que digam que este treinador, mesmo entrando a meio da época, era uma aposta já para esta época, mesmo que isso lhe tire margem para preparar a próxima, mas que já seja visto por algumas pessoas como um erro de casting e tenha estado inclusive perto de sair, não tivesse a equipa apresentado uma agradável surpresa, tanto na exibição como no resultado frente ao Braga.

 

5

Percebo que em seis meses não se vira uma ruína numa mansão, mas a margem para dar tiros nos pés está cada vez menor em Alvalade. Precisamos urgentemente de dinheiro e por isso acredito que, mesmo tendo aliviado - e bem - a pauta salarial, dificilmente conseguiremos manter os nossos dois melhores jogadores. 

Mathieu é claramente acima da média, apesar de revelar alguns problemas físicos, mas já não vai para novo, tem um vencimento considerável e tem mercado.

Bruno Fernandes é de outro planeta. Não é formado em Alcochete mas dá lições de sportinguismo e profissionalismo. Um craque da cabeça aos pés, dentro e fora de campo. Se não for a melhor venda da nossa história, algo de muito errado se passa.

 

6

Espero que a próxima época esteja a ser já muito bem preparada e que levem em conta estas receitas e poupanças, bem como a de Acuña, jogador que para mim continua a fazer mais sentido na ala esquerda do que a lateral.

Sei que querem uma equipa made in Academia, por isso não era mau reinvestir na academia, já largamente ultrapassada pelo Seixal, bastando olhar para os juniores e sub-23 para perceber isso.

 

7

Temos de começar a dar minutos ao Max ou colocá-lo a rodar numa equipa mais competitiva para um dia assumir as redes. Renan não é mau mas Salin está longe de me convencer, sendo necessário alguém que nos assegure que a baliza fica bem entregue

Espero que olhem para as laterais e percebam bem onde têm de se reforçar. Borja é bom, Ristovski é um bom suplente, mas Jefferson e Bruno Gaspar são do pior que já vi com a verde e branca. Thierry e Abdu Conté têm potencial, mas tal como Max precisam de minutos a um ritmo competitivo mais elevado se um dia quiserem ser donos do lugar no onze.

 

8

No centro da defesa, sem Mathieu, temos um problema. Gosto muito de Coates, um verdadeiro líder, tal como Bruno, mas basta não ter um parceiro da qualidade de Mathieu para se notarem algumas das suas debilidades. André Pinto parece-me manifestamente pouco e Ilori, sendo rápido e alto, é uma boa opção, apenas tem de deixar de inventar na saída de jogo.

Mas fica a faltar pelo menos um. Não gosto de fazer sugestão de reforços porque os jogadores às vezes enganam. Por exemplo Borja, que achei que poderia ter problemas de adaptação ao ritmo e posicionamento, tem sido uma bela surpresa enquanto Gudelj continua a ser uma decepção.

 

9

Para o meio-campo há o homem dos livros. Geraldes entra sempre cheio de vontade, só tem de aprender a posicionar-se defensivamente. Por outro lado, há um mini-Adrien e um mini-Moutinho em potência, estou a falar, claro, de Miguel Luís e Daniel Bragança.

Há ainda um jogador que sempre gostei de ver jogar, Bruno Paz. Além de Wendel, Doumbia e o emprestado Palhinha.

Não incluí Gudelj, não por ser mau jogador - acho que, se quisesse, pelo seu físico e posicionamento, varria um meio-campo - mas pelo seu valor excessivo de opção de compra e pela atitude demonstrada em campo. Ficando ainda a faltar o útil mas limitado Battaglia e Petrovic que, na minha opinião, pode seguir viagem.

 

10

Nas alas, havendo Acuña é menos um problema; não havendo, é preciso encontrar alguém. Ficam Raphinha, Diaby, Jovane.

Raphinha tem potencial, mas precisa de ter cabeça para ser constante, sem as oscilações de forma que já apresentou. Diaby é limitado mas voluntarioso: parece-me pouco para quem quer ser vencedor. De Jovane diria o mesmo que de Raphinha, apesar de achar o brasileiro mais jogador.

Pode regressar Matheus, ainda com muito a provar, depois dos problemas ocorridos no início da época. O potencial está lá, mas a cabeça tem de ser outra. Havendo ainda dois extremos da formação com potencial por comprovar: estou a falar do Elves Baldé e do Diogo Brás.

 

11

Para a frente de ataque, há Dost que, já dizia Jesus, não pode jogar sempre e faltam opções.

Luiz Phellype foi um erro de casting, já não há Montero e, neste momento, faltam na Academia jogadores que tenham capacidade para fazer essa posição.

 

12

Esta é a minha visão do que pode ser feito. Gostava de saber as das outras pessoas, por isso venham daí as vossas opiniões.

Leitura recomendada

Para que certas pessoas não pensem e digam que escrevo com intuito de atacar Bruno de Carvalho e a sua Direção, mantendo-me ao mesmo tempo fiel à minha ideia de elogiar o que de bom tem sido feito e de criticar o que acho que deve ser alvo de melhoria, gostaria de elogiar a luta que tem travado (com os seus exageros claro, quando diz para não lermos jornais e só vermos o canal do clube) contra a falta de isenção dos meios de comunicação social e a sua subserviência face aos interesses de um clube rival do lado mau da 2ª Circular.

Mais uma prova de que o nosso presidente tem razão é o artigo escrito hoje, no Record, por Octávio Ribeiro que se encontra visivelmente incomodado pela ausência de Gelson no Dragão, atacando o nosso jogador, alegando a sua falta de educação e valores, males de que claramente padece o diretor do grupo Cofina.

Não deixa de ser curioso que seja uma página associada ao clube do sr. Octávio, Um azar do Kralj, que tantas vezes atacou e tentou ridicularizar o nosso clube e elementos que nele trabalham, a denunciar este tipo de comportamento idiota e descabido. Vale a pena ler a publicação que escreveram a esse propósito, de seu nome Educar Octávio.

E se a mensagem fosse outra?

Gelson é, depois de Bruno Fernandes, o jogador mais importante do Sporting.
Parece perigoso dizer isto tendo grandes jogadores como Coates, Mathieu, Patricio, Acuna e Bas Dost.
Mas na verdade, a seguir ao sobre-dotado que enverga a camisola 8, é um jogador que revela uma entrega incrível e menos oscilações de forma, basta ver o jogo de ontem, em que depois de ter estado agarrado a coxa meio da segunda parte, veio já nos últimos 10 minutos travar um ataque do lado contrário, o que lhe valeu o primeiro amarelo, tendo ainda corrido como se viu no lance do golo.
É verdade que não decide muitas vezes bem, faz parte da sua imprevisibilidade, mas não é menos verdade que muitas das vezes se não fosse ele a ajudar os laterais a fechar o corredor, o desfecho dos lances poderia ser outro. E o mais incrivel é que tão depressa está a fazer isso, como está a municiar com qualidade o nosso sector ofensivo.
Ontem, Gelson teve a página mais negra da sua ainda curta e promissora carreira, agindo irreflectidamente, tal eram o entusiasmo provocado pela situação e a situação conturbada que vive um dos seus melhores amigos.
Esse erro vai deixá-lo fora do jogo da próxima sexta-feira no dragão, mas, dada a humildade que já demonstrou ao logo dos anos, não tenho dúvidas que o ajudará a aprender e a crescer.

Este infeliz episódio de ontem, com o qual tambem fiquei obviamente insatisfeito e incredulo, leva-me a lançar uma questão para refletirem:

 

Seriam os criticos tão duros para com o jogador caso ele, em vez de demonstrar apoio a um ex jogador com um historial problemático, tivesse sido expulso por tirar a camisola para mostrar apoio a um familiar ou amigo, sem o mesmo mediatismo, mas com um problema tão ou mais grave?

Sorteio amigo!

Ditou o sorteio de hoje que na próxima eliminatória da Liga Europa enfrentaremos os checos do Viktoria Plzen, uma equipa que teoricamente não é das mais fortes em competição, estando ao alcance do nosso atual plantel.

Outros fatores de interesse, a meu ver, passam pelos jogos Milan-Arsenal e Marselha-Athletic Bilbao que levarão à eliminação de duas das equipas teoricamente mais perigosas, e CSKA Moscovo-Lyon e Lazio-Dínamo Kiev que poderão afastar a possibilidade deslocações complicadas.

Isto aqui é só estúpido!

Eu que até tenho apoiado esta direção e o presidente, fiquei mais uma vez surpreendido pela negativa com a última posição tomada pelo nosso clube e partilhada na página de facebook do diretor de comunicação.

Tenho pena que quando os outros decidem fazer algo correto, alguns no Sporting se armem em parvos. Parece que infelizmente os tiros nos próprios pés se vão acumulando.

Esta decisão só revela mesquinhez e falta de noção. Espero que não se reflita na exibição e no resultado do jogo do próximo fim de semana, uma vez que me parece que a merecida homenagem aos campeões, à qual apenas alguns terão direito, pode influenciar a motivação e a concentração dos nossos atletas

É mau de mais e ...

A culpa é de todos.
Dos jogadores que não beneficiam espetáculo com o seu antijogo e em alguns casos falta de empenho e profissionalismo.
Dos dirigentes hipócritas que perdem mais tempo a incentivar o ódio e o clima de guerrilha.
Dos árbitros que, mesmo que com mais meios ao seu dispor, continuam a colocar o seu proprio nome e trabalho em causa com alguns erros graves e questionáveis.
Dos meios de comunicação que estão mais preocupados com a escandaleira que dá vendas/audiências do que com a informação isenta para o seu público.
Dos orgãos que devem reger e punir e acabam por ser mais uns a contribuir para as transgressões.
Dos adeptos que, muitas das vezes nada percebem do jogo e se portam como atrasados mentais, só vendo e falando do que lhes interessa, não apreciando o jogo na sua globalidade.
Agora pensem!

Ainda o Derby!

Se há coisa para que serviu o derby de ontem foi para mostrar que o futebol português (no qual se incluem os meios de comunicação social e adeptos) sofre de uma curiosa, algo "nojenta", falta de memória seletiva, vivendo na hipocrisia.

Até admito que há fora de jogo no início da jogada do nosso golo, agora tudo o resto, ao contrário do que querem fazer parecer, é choro sem razão. Até um ilustre benfiquista de seu nome Duarte Gomes já o veio confirmar. Pena é que o que se vê por aí são jornais a falar de 30 penalties quando o único que efetivamente o é, foi devidamente assinalado. Fico também com pena que ninguem fale da expulsão perdoada ao Fejsa.

O que eu gostava mesmo a sério era que os mesmos que hoje dizem que é uma vergonha e um escândalo ou que fazem insinuações acerca da seriedade da equipa de arbitragem e que estão curiosos para ver a evolução da sua carreira, se lembrem bem do que aconteceu da última vez que o Sporting jogou na luz para o campeonato.

Gostava também que quem fala em massacre e que merecia diferente sorte, dizendo que o Sporting não jogou nada (o que até é verdade), se lembrasse do que foram os outros derbies entre Jesus e Rui Pinho.

Jesus errou a mexer na equipa e fê-lo tarde. Battaglia foi provavelmente o pior jogador em campo e ainda foi fazer um penalty desnecessário quando Rui Patrício cobria a baliza e tudo indica que a bola ia por cima. Mas a verdade é que o Benfica já foi feliz no passado adotando esta postura, que na devida altura apelidei de equipa pequena, e nessa altura não se falou da superioridade do Sporting da mesma forma.

É pena é que existam pessoas com palas nos olhos e que a comunicação (altamente controlada e manipulada) contribua para que tudo assim continue, tentando fazer deste jogo algo pior que “O roubo de Jorge Sousa” ou o “Limpinho Limpinho de Capela”.

Eu dou é graças a Deus por termos o VAR, se não quer-me parecer que ontem tinha mesmo havido na Luz, 4 penalties a favor do Benfica.

Quanto ao fora de jogo, apesar de me ter parecido logo na altura, foi explicado ainda ontem pelo ilustre benfiquista Duarte Gomes que o vídeo-arbitro não tem acesso às linhas que a transmissão televisiva mostra (o que me parece errado) e que em qualquer lance duvidoso como o de ontem não deve mudar a decisão do árbitro.

Gostava ainda que Jesus tivesse adotado outra postura menos receosa, uma vez que me parece que temos equipa para bater os nossos rivais, e se era para jogar a defender e sair em contra-ataque, mais-valia ter na frente alguém mais rápido que o Bas Dost.

Além disso, parece-me que devia ter mexido mais cedo e melhor na equipa, procurando aproveitar o espaço deixado pelo Benfica para o contra-ataque, através da velocidade de Podence ou Doumbia em vez de colocar Bryan. Para ajudar a segurar a bola, já tinha colocado, e bem na minha opinião, Bruno César. Só devia era ter tirado Battaglia, que esteve perdido em campo, quem sabe por não ter uma referência para marcar como aconteceu nos jogos da Champions.

A Jesus e ao trabalho da sua equipa ontem, gostaria apenas de fazer mais uma ressalva: tendo em conta o jogo que foi o resultado é excelente, mas para o que precisávamos antes do jogo, e tendo em conta o que cada uma das equipas vinha jogando, foi horrível. Por esse motivo, parece-me que deviam evitar demonstrar satisfação.

Por último, apesar de este ser um blog do Sporting, como inexplicavelmente temos um número ainda considerável de leitores de outros clubes, (algo que já tive oportunidade de debater com colegas de blog e que temos dificuldade em compreender), não gostava de terminar sem antes deixar um conselho para algumas lamparinas excitadas ou aziadas que parece que descobriram que o seu clube tem uma equipa de futebol, quando curiosamente andaram desaparecidas durante a pior prestação europeia de uma equipa portuguesa e de uma equipa do pote 1. Se querem reclamar, façam o que sabem melhor, enviem um email!

Sem Lógica e Burros

Nos últimos tempos tenho assistido a algumas demonstrações de lógica carnidense nada surpreendentes.

Como é que um clube que apregoava aos sete ventos ser o principal defensor da verdade desportiva se declara contra uma ferramenta como o VAR que visa diminuir o erro no futebol?

Mas, para mim, a melhor é mesmo a defesa da prevaricação sem consequência, só porque no passado outros já o conseguiram. Falo, pois claro, de críticas ao pequeno castigo a um dos jogadores mais violentos do campeonato, o grego Samaris. Ao seu bom estilo defendem que, porque no passado se errou ao não castigar outros jogadores, se continue a errar.

Vá-se lá perceber o que vai naquelas cabeças. Parecem crianças que depois de levarem uma reprimenda da mãe por estarem a comer doces antes do jantar se defendem dizendo que o irmão também o fez.

A evolução é uma coisa estranha... para alguns

Digam o que disserem do video arbitro, sem dúvida que se trata de uma evolução tremenda.

Quero lá saber se mata a emoção do jogo, o que ainda hoje se viu que é mentira, pois tive uns minutos de sofrimento desnecessário.

A verdade é que este jogo, no passado, originaria choro e discussão, durante a semana inteira, por parte de adeptos de outros clubes, que afirmariam que o Sporting tinha ganho com um golo irregular, quando também teria sofrido um golo irregular, mas isso normalmente não lhes interessa.

Balanço dos 3 primeiros jogos oficiais

img_770x433$2017_07_20_02_09_31_1292049.jpg

 Após os 3 primeiros jogos oficiais gostava de debater com os leitores algumas observações que me saltam à vista.

 

1) Não seria melhor jogar com Doumbia junto a Bas Dost e ter mais presença na área, deixando Podence para desequilibrar o jogo na segunda parte como aconteceu na Vila das Aves, para não acontecer como hoje em que faltavam no banco opções para desequilibrar, uma vez que Iuri tem um tremendo potencial mas é um jogador diferente e que Mattheus Oliveira e Bruno César também estão longe de ter essas características? Bem sei que Matheus Pereira é um desequilibrador e foi emprestado, mas a verdade é que se trata de um jogador que precisa de jogar para render o que sabe, e já vimos pela época passada que não ia ter essa regularidade.

 

2) Temos uma das melhores duplas de centrais dos últimos anos. Espero que Mathieu não sofra dos problemas físicos do passado que me fizeram temer a sua contratação, pois poderá ser uma tremenda mais valia como tem demonstrado, e tambem porque a qualidade das alternativas, infelizmente não oferece segurança.

 

3) Fábio Coentrão, apesar de obrigar a uma gestão do esforço, é claramente um upgrade face aos nossos últimos laterais. Esse mesmo upgrade se verifica na ala esquerda do ataque com Acuña.

 

4) Não poderia Bryan Ruiz ser opção no plantel? Qualidade não lhe falta e num registo em que joga menos vezes, poderá render mais e ser importante para a qualidade da gestão da posse de bola em alguns jogos, algo de que a nossa equipa sofre, principalmente sem William, mesmo apesar do papel extremamente importante de Battaglia que permite à equipa recuperar a bola mais à frente.

 

5) Piccini até ver ainda não mostrou ser melhor que Schelotto. Resta esperar para ver Ristovski.

 

6) Bruno Fernandes ainda tem muito que trabalhar sem bola para ser Adrien, como se viu hoje, jogo em que o nosso capitão, mesmo não estando na melhor forma, permitiu à equipa outra capacidade de recuperação de bola e de pressão.

Hoje foi dia de sorteio

1111logo-steaua-interior.jpg

 

Venha o Steaua.

Parece que a nossa sorte está a mudar.

Primeiro o video-arbitro que faz com que não sejamos prejudicados, depois uma conjugação de resultados inesperada que nos torna cabeça de série no sorteio da Champions, agora um sorteio amigo, ao contrário do que costuma acontecer.

Não sei o que se passa mas estou a gostar e espero que as boas surpresas continuem e que seja um sinal de que as coisas nos vão começar a correr melhor.

Agora é preciso vencer já os 2 primeiros jogos do campeonato e entrar com tudo para cima dos romenos no dia 15.

Venham de lá esses jogos!

 

O novo sistema

No seguimento de ter lido que Jorge Sousa obteve nota positiva após a sua paupérrima exibição no ultimo derby, não consigo não esconder a minha preocupação. Parece que impera um novo sistema e que após o apito dourado, temos agora o apito encarnado.

Resta saber quanto tempo vamos ter de esperar até serem tomadas medidas para punir quem adultera a verdade desportiva. Urge acabar com a impunidade de que certas figuras e instituições gozam, sob pena de, qualquer dia, nem valer a pena entrar em campo, tal é a viciação do jogo. É simplesmente nojento o clima que se vive atualmente no futebol nacional, e o triste é que parece que o mal veio para ficar. É que têm sido umas atrás de outras. Resta saber qual será a próxima

O dia dos Jorges em 5 pontos

15355719_10155837546259852_5090676350669343041_n.j

15356770_10155837546244852_2066410178644576599_n.j

1- Jorge Sousa rouba o Sporting em 2 penalties, sendo que um deles dá inicio à jogada do primeiro golo do Benfica.

2 - Rui Chorão Pinho curiosamente hoje não quer falar de anti jogo e do árbitro.

3 - Parece que André Ventura sempre sabia alguma coisa, o que lhe dava tanta confiança.

4 - O Sporting teve uma primeira parte pobrezinha e uma ineficácia preocupante

5 - Jorge Jesus mexe mal na equipa ao tirar Bruno César e  Bas Dost e precisa claramente de 2 laterais como deve ser.

Fanfarronice ou será que sabe algo que nós não sabemos?

Um paineleiro afeto ao nosso clube rival Benfica, de seu nome André Ventura, usou a sua página de Facebook para afirmar que está absolutamente convicto de que o Sporting não passará no jogo de domingo, no Estádio da Luz. A referida personagem aproveitou ainda o ensejo para partilhar a fotografia da tatuagem que promete fazer e mostrar em direto na CMTV, segunda-feira, caso o Sporting vença.

Ora vejam do que falo, aqui.

Aguardo que o Pedro Guerra venha demonstrar o mesmo comportamento, prometendo comer apenas saladas, caso o Sporting vença.

Circo e Palhaços à parte, venha de lá mais um derby e mais uma vitória.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D