Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Tiros nos pés

Somos efectivamente um clube sui generis.

Então, temos um jogador com uma cláusula de rescisão de sessenta milhões de Euros e o que faz o treinador?:

Desata a cascar no rapaz na conferência de imprensa. A triplicar.

(Lembrar-me que corremos com um presidente por criticar os jogadores...)

6 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Antonio_1969 02.09.2018

    Caro SportingSempre, acho que tocou na mouche quanto ao M.Pereira. Eu ainda acrescentava, se quer ser jogador de futebol que perca uns quilos... coma menos churrascos ou lá o que anda a abusar.

    Mas confesso que a sua falta de atitude, repetida mais uma vez, já me fez desistir dele. Não acredito que venha a passar de um brinca na areia, mantendo esta postura então é certinho.

    Se um treinador aderir a este tipo de comportamentos, daqui a umas jornadas os não convocados iam encher as redes sociais...

    SL
  • Imagem de perfil

    Edmundo Gonçalves 02.09.2018

    António, a questão não é se Peseiro tem ou não razão, a questão é a desvalorização de um activo, que foi o que o treinador fez na CI. A triplicar!
  • Sem imagem de perfil

    Antonio_1969 02.09.2018

    Edmundo, acho que o treinador está-lhe a indicar o caminho certo, assim ele tenha a humildade de mudar de atitude. Ao mesmo tempo passa a "mensagem". Quanto ao modo (CI), acho que seria mau se tivesse feito isso em comentários nas redes sociais, ali, não sendo desejável, achei adequado.

    Dependendo da futura atitude do jogador, veremos até se se vai valorizar, porque com a actual postura desvalorizado já ele está...

    SL
  • Imagem de perfil

    Edmundo Gonçalves 02.09.2018

    António, o que eu critico é a forma, a maneira como a mensagem é passada, não o conteúdo.
    Estamos a falar de um activo que em teoria vale 60 milhões, não seria de ter mais cuidado?

    SL
  • Sem imagem de perfil

    Antonio_1969 02.09.2018

    Edmundo, eu percebo a ideia e há muitas formas de fazer as coisas, mas como já escrevi, nada disto era desejável, por outro lado, atendendo às circunstâncias considero aceitável, mesmo a forma como o treinador passou a mensagem. Acho que o Peseiro sentiu necessidade de dar a cara na crítica porque o jogador (ou o pai, a empregada da limpeza, o empresário, o advogado... enfim, quem escreveu aquilo) não aprendeu nada com a mensagem anterior e assim que saiu voltou a fazer a mesma idiotice nas redes sociais.

    E no caso específico deste projecto de jogador, antes de se pensar no valor do activo, na minha opinião temos de o tornar um activo. Se ele não tiver uma postura profissional o mais provável é que venha a fazer parte do passivo e não do activo. Ele quis sair e fizeram-lhe o favor. Agora a bola está do lado dele.

    SL
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D