Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

A voz do leitor

«Bruno Fernandes, ao rejeitar melhoria do contrato (vamos partir do princípio que é verdade, sem prémios de assinatura nem promessas de deixar sair no final da temporada), conseguiu mitigar um pouco a mágoa que provocou e mostrar alguma boa vontade, retirando um pouco do amargo deste processo todo. Tem uma época para ajudar a passar uma esponja nisto tudo, porque de rancores também não precisamos. Mas capitão, nesta época, não.»

 

Ângelo, neste texto do Edmundo Gonçalves

A voz do leitor

«Há muitos "sócios" que nunca foram sócios do SCP. Foram "sócios" do BdC. Esses sim, continuam a apoiar o traste e as alucinações. Nem com estas últimas notícias da "imoralidade" em que viveu o SCP nos últimos meses desamparam a loja. Por mim, bem podem rasgar os cartões de "sócio" e nunca mais irem a Alvalade. Não fazem falta nenhuma.»

 

Romão, neste meu texto

A voz do leitor

«Ao treinador basta então ficar com os elementos que já deram provas reais da sua classe, receber os que ainda gozam o período de férias e, por último, saber gerir a rotatividade deste plantel. Se assim fizer teremos certamente bons resultados.»

 

António Miguel Pacheco Miranda, neste texto do Pedro Azevedo

A voz do leitor

«Não gosto da maneira de Bas Dost jogar e como condiciona a equipa. É jogador de último toque apenas, não faz tabelas e poucas assistências, não dá profundidade, não consegue fintar um defesa e toma lá. Já tivemos o Jardel mas esse tinha outra mobilidade, fintava, tabelava e rematava de longe. Mas para mim o ponta-de-lança que preferia que tivéssemos era tipo Jordão, Manuel Fernandes, Gomes ou Acosta. Será que o empréstimo de Slimani era impossível?»

 

José Neto, neste meu postal

A voz do leitor

«É uma notícia que vale a pena ser debatida, assim como as ideias dos verdadeiros candidatos à presidência do Sporting. A nossa formação, a reestruturação financeira, as modalidades, o relacionamento e protocolo com as claques, o projecto para o futebol sénior e sub-23. Tudo o resto são não assuntos, a não ser aqueles que serão resolvidos nos tribunais. Trinta já lá estão a aguardar a sentença, os outros esperam pela visita da PJ.»

 

Luís Morais, neste meu texto

A voz do leitor

«Se há consócios que merecem essa alegria, são os que de cadeira de rodas, pelo seu pé, mas de bengala e de mão dada, seguiram em direcção às urnas [no dia 23 de Junho], dando-me uma lição de dignidade e proporcionando-me uma alegria por ter oportunidade de tal observar e viver, que jamais esquecerei.»

 

CAL, neste texto do Pedro Azevedo

A voz do leitor

«Estou farto de tanta mesquinhez de sócios, adeptos, comentadores, dirigentes, ex-dirigentes, candidatos, ex-candidatos, pré-candidatos, quase-candidatos, jogadores, ex-jogadores, Severinos, Judas, Proenças, Carvalhos e todos os viciados em facebook. Porra, deixem-se de merdas e apoiem o CLUBE.»

 

Luís Barros, neste meu postal

A voz do leitor

«Na Assembleia Plebiscitária [de Fevereiro] eu já era frontalmente contra a alteração dos estatutos e a sua presidência [de Bruno de Carvalho], e defendia que estávamos a entrar num caminho sem retorno positivo. Agora é apanhar os cacos e andar para a frente, mas sem esquecer o que ele fez de bom e que é para continuar, mas também o que veio antes dele. Entre o 8 e o 80 tem de aparecer o 40 e é isso que procurarei nos futuros candidatos às eleições de Setembro.»

 

José Neto, neste meu postal

A voz do leitor

«Peseiro não esteve perto do título. Peseiro o que conseguiu foi perder o título mais fácil de sempre. Peseiro perdeu o título na época em que o Sporting tinha de longe (muito longe!) o plantel mais forte da liga. O Benfica era uma equipa rídicula onde só se aproveitava Simão Sabrosa e o Porto estava na ressaca da saída de Mourinho, tendo passado por lá três treinadores. Mesmo assim, o incompetente Peseiro só ficou em terceiro.»

 

Tiago, neste texto do Filipe Moura

A voz do leitor

«O número de gameboxes vai com certeza diminuir, muito me surpreenderia se não fosse assim. Tirar daí ilações de quantos e quem apoia Bruno de Carvalho parece-me errado. Há quem compre a gamebox por militância, mas nem todos têm dinheiro para isso. Esses outros compram a gamebox para ver jogadores da estirpe dos que rescindiram e porque sentem que o clube pode ser campeão. E muitos desses, mesmo que estejam contra a anterior direcção, não vão comprar a gamebox

 

Luís Ferreira, neste meu postal

A voz do leitor

«Devemos a Bruno de Carvalho e Pedro Proença, intelectuais ilustres, terem introduzido no futebol português o debate filosófico sobre o sentido da vida e a dimensão moral do futebolista. O que deve ser um futebolista afinal senão compromisso, atitude, rápida superação duma ou outra coisa chata (tipo insultos, agressões, tochas, ameacas à família, etc), sempre fiel ao líder, rumo à glória? Neste tempo de meninos mimados, grandes ordenados e brutas máquinas, prémios nas putas das galas, estas reflexões faziam realmente falta.»

 

SportingSempre, neste texto da Cristina Torrão

A voz do leitor

«Mais uma vez Marta Soares foi ofendido e caluniado por uma coisa da qual não tinha responsabilidade (a publicação dos estatutos saidos da Assembleia Geral de Fevereiro), e mais uma vez Bruno de Carvalho andou a navegar no limite da irresponsabilidade e do atropelo às regras. Ou seja, mais do mesmo.»

 

SportingSempre, neste texto do António de Almeida

A voz do leitor

«O futuro Presidente do Sporting tem de ser determinado, congregador, bom gestor, ter capacidade de liderança, colocar os Interesses do Sporting e dos Sportinguistas acima dos interesses pessoais, resiliente, equidistante das diferentes sensibilidades existentes. Não acredito que, no universo de 160 mil sócios, não exista alguém com este perfil e, finalmente, o nosso Clube voltar a ser o Sporting de Portugal e não o Sporting do "Bruno", do "Marta", do "Franco", do "Godinho", dos "Notáveis", do "Manel, do "Joaquim" ou do "António".»

 

Jorge Tavares, neste meu postal

A voz do leitor

«Impõe-se na defesa do clube que Bruno de Carvalho seja expulso do Sporting Clube de Portugal. É a vergonha do mesmo, um atentado permanente aos seus valores e aos seus associados. É o responsável moral pelo atentado terrorista a Alcochete, é o responsável pelo clima de intimidação, ofensa e agressão que vivemos na assembleia geral, não tem condições de concorrer a coisa nenhuma, tem apenas condições de enfrentar a justiça pelos atropelos constantes à legalidade e de ir tratar dos problemas de saúde de que padece.»

 

SportingSempre, neste texto do JPT

A voz do leitor

«Poderia ser interessante colocar um ultimato de uma semana aos jogadores que não exigem cativações tão altas caso se avance para a via litigiosa: Podence e Leão: ou regressam ou o Sporting vai persegui-los nos tribunais até ao último recurso que houver. Precisamos de talento na equipa e eles têm-no.»

 

J. Ramos, neste texto do JPT

A voz do leitor

«Rui Patrício, Bruno Fernandes, William, Gelson e Bas Dost... Quatro internacionais por Portugal, um pela Holanda. Quanto podiam valer em transferências? 100, 150 milhões? Podence, Leão, Battaglia e Ribeiro? 20, 30 milhões? Quanto é que Bruno de Carvalho e a Juveleo deviam indemnizar a SAD pela sua responsabilidade no atentado terrorista de Alcochete? Espero que isso aconteça...»

 

SportingSempre, neste meu postal

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D