Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Comentários ao calendário (se for mesmo o definitivo...)

Geralmente era costume atribuir os prémios da época anterior e fazer o sorteio da nova época de manhã ou ao fim da tarde. Desta vez fizeram-no depois do jantar, onde devem ter sido servidos diversos cocktails, e deu nisto. Esta imagem vai entrar para a história como mais uma piada do futebol português.

 Quando vi o sorteio original (entretanto anulado) fiquei irritadíssimo. O Sporting jogava entre a 3ª e a 7ª jornadas os dois principais jogos da época em Alvalade, com tudo o que isso acarreta em prejuízo de interesse competitivo para o resto do campeonato e em dificuldades para os sócios e adeptos, principalmente os que não têm gamebox. Ter os dois jogos em casa tão próximos obrigaria a um esforço financeiro suplementar concentrado no tempo, numa altura do ano em que também existem outras solicitações financeiras extra. O jogo com o Benfica, na terceira jornada, era em pleno mês de Agosto, numa altura em que muitos sócios e adeptos se encontram ainda legitimamente de férias. Esta é uma altura em que o campeonato não deveria ainda ter começado. Quanto muito, poderia estar a começar, mas não deveria haver jogos entre equipas grandes. É absurdo o campeonato português começar tão cedo: compare-se por exemplo com o espanhol. A isto acresciam duas deslocações seguidas (Chaves e Tondela), nas jornadas 17 e 18, muito próximas no tempo e muito distantes geograficamente de Lisboa, a fazerem lembrar uma situação semelhante há duas épocas (jogos em Chaves e na Madeira no intervalo de uma semana, com um outro jogo para a Taça em Chaves a meio da semana).

Esta situação relativa aos jogos grandes não se verificaria se tivessem sido mantidos os condicionantes razoáveis, que eram usados nas épocas anteriores, que Sporting e FC Porto queriam que se mantivessem mas que os restantes clubes da Liga rejeitaram. Seria bastante injusto ser um destes dois clubes penalizado pelo calendário por este motivo.

Felizmente houve a correção do sorteio e, no calendário entretanto corrigido, o que antes sucedia ao Sporting passou felizmente a suceder, como era justo, ao principal responsável pela alteração dos condicionantes: o Sport Lisboa e Benfica, que anteriormente votava com Sporting e FC Porto favoravelmente a um regulamento que não prejudicava nenhum dos clubes mais representativos e que movem multidões, mas recentemente passou a votar em conjunto com os clubes mais pequenos. As duas deslocações seguidas nas jornadas 17 e 18 de que falei passaram a ser, para o Benfica, ao campo do Santa Clara e a Setúbal (pena não ser a Chaves). Em contrapartida, nessas mesmas duas jornadas, o principal aliado do Benfica (e o outro grande responsável pela alteração dos regulamentos), o Sp. Braga, desloca-se a Portimão... e à Madeira. Como diria o saudoso João César Monteiro, adorei, adorei, adorei.

Hoje foi dia de sorteio

1111logo-steaua-interior.jpg

 

Venha o Steaua.

Parece que a nossa sorte está a mudar.

Primeiro o video-arbitro que faz com que não sejamos prejudicados, depois uma conjugação de resultados inesperada que nos torna cabeça de série no sorteio da Champions, agora um sorteio amigo, ao contrário do que costuma acontecer.

Não sei o que se passa mas estou a gostar e espero que as boas surpresas continuem e que seja um sinal de que as coisas nos vão começar a correr melhor.

Agora é preciso vencer já os 2 primeiros jogos do campeonato e entrar com tudo para cima dos romenos no dia 15.

Venham de lá esses jogos!

 

Erro grosseiro

Recuso ver só os erros cometidos pela incompetente arbitragem portuguesa contra o meu clube. Por isso não tenho a menor dúvida em concluir que o segundo golo do Moreirense ontem no estádio da Luz - validado pelo árbitro Jorge Ferreira - nunca deveria ter sido legalizado pois ocorre num flagrante fora-de-jogo.

Mais um erro grosseiro neste campeonato que ainda só agora começou. Mais um poderoso argumento a favor do sorteio dos árbitros, portanto.

Venha o sorteio

Com Vítor Pereira a comandar os destinos da arbitragem portuguesa, as decisões assemelham-se cada vez mais a uma roleta. O que só vem dar argumentos aos defensores do sorteio para as nomeações.

E é mesmo a lógica da roleta que parece presidir às decisões do ainda presidente da arbitragem. Só isto explica que Carlos Xistra, Tiago Martins e Fábio Veríssimo - os árbitros que tinham sido escolhidos na primeira jornada do campeonato para apitar os jogos do Sporting, do Benfica e do FCP - fiquem agora excluídos da segunda ronda.

É um merecido castigo para as lamentáveis actuações do veterano Xistra, que validou um golo manifestamente ilegal ao Tondela contra o Sporting, e do estreante Martins, que perdoou um escandaloso penálti cometido por Luisão quando iam decorridos apenas dez minutos do jogo do Benfica frente ao Estoril.

E é também uma confissão implícita, por parte de Vítor Pereira, que as suas escolhas foram erradas. Neste aspecto o campeonato mais uma vez começou com o pé esquerdo...

Venha o sorteio. Nada pode ser pior que isto.

Sorteio

Espero que daqui a uns minutos o sorteio proporcione um Sporting x Rapid Viena.

Nenhum jogo me feriu tanto como o Rapid Viena x Sporting para a taça das taças, em 95/96. Ainda mais do que a nossa derrota em Munique.

Está na hora do leão ajustar umas contas!

 

Adenda: Não deu Rapid, mas antes CSKA Moscovo. Também são importantes contas para ajustar.

Mas alguém duvidava que assim fosse?

"O plenário do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol está contra o sorteio dos árbitros e a favor da nomeação directa."

 

Aqui pra nós, que ninguém nos ouve, não seria muito mais inteligente estar de acordo?

Afinal, ao tomar uma posição destas, os senhores do apito estão a admitir sem sombra de dúvida, que apenas um pequeno número deles está em condições de "meter o apito na boca".

 

Vamos ver no que isto dá.

O Marco está feliz

Não, não é o Marco Silva, desse apenas sei que está à espera de resolver um assunto pendente e espero que não demore muito, ca gente quer é o catadrático a roer chuínga e a valorizar os nossos Manéis e a dar uma ensaboadela ao tipo com nome do milhafre, já a nove d'Agosto!

Falo de Marco Ferreira, o árbitro de elite que apitou a final da Taça de Portugal e que ao que parece, como já aqui foi aflorado, foi despromovido. Consta que terá sido alvo de um processo disciplinar.

Está agora por aí, nas redes sociais, a malhar nos que o terão prejudicado, diz ele, que eu não conheço nada da estória desse processo (mas não me custa nadinha a acreditar, acreditem em mim!)

E a propósito de quê? Pois precisamente a propósito do sorteio dos árbitros, que foi aprovado na última reunião da Liga pela maioria dos clubes, Sporting incluído (que há muito defendia esta modalidade - isto vai demorar, mas eu tenho esperança que endireite) e com o voto contra do Benfica e de mais alguns; Propositadamente não fui ver quais, para me deitar a adivinhar e aposto que não andarei muito longe da verdade se falar em Belenenses, Estoril, Rio Ave, talvez Académica e Setúbal, mas isto são apenas exercícios de especulação, não se melindrem os adeptos destes digníssimos clubes!

E agora estou curiosíssimo para ver qual a posição da federação. E do Vitinha, essa sumidade da nomeação arbitral.

 

Bom, duma coisa eu tenho a certezinha absoluta: Vai continuar a haver erros em barda, porque a maior parte dos apitadeiros qualidade, "viste-sia"; O que provavelmente irá acontecer é que eles beneficiarão/prejudicarão a eito, sem padres-nossos e avés-Marias que salvem algumas capelas...

Amén!.

Traduzindo o sorteio

Não foi mau de todo.

O Chelsea não era, propriamente, o tubarão n.º 1 contra quem os sportinguistas desejariam jogar, mas a equipa londrina está repleta de excelentes jogadores e seguramente que irá proporcionar noite de casa cheia em Alvalade. Além de que será curioso ver Marco Silva, a nova coqueluche dos treinadores portugueses vs o monstro sagrado do banco técnico, José Mourinho.

Schalke 04 traz consigo as más memórias do Sporting contra equipas alemãs. Não é um Dortmund, mas não deixa de ser uma equipa complicada. Será o nosso rival directo para o 2.º lugar e, comparando com outros grupos, até que não é dos mais inacessíveis.

O Maribor é o adversário menos cotado do grupo. Os jogos contra a equipa eslovena são para ganhar, ponto. Haja humildade perante o adversário e poderemos conseguir pontos e € importantes nessa jornada dupla.

Agora é treinar bem, jogar melhor no campeonato, para quando começar a jornada europeia a equipa apresentar-se o melhor possível. Há qualidade para os oitavos, vamos a isso!

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D