Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Futebol: 25 anos de títulos jovens

scp.jpg

 

Fala-se hoje muito no futebol da formação, nos pergaminhos leoninos nesta matéria e na necessidade de mantermos esta marca muito forte no nosso clube.

A propósito, trago aqui a lista dos títulos nacionais conquistados no futebol masculino pré-profissional português do últimos quarto de século (1998-2023).

Divido-os por Juniores, Juvenis e Iniciados.

E deixo também referência aos presidentes do SCP que viram as respectivas equipas sagrarem-se campeãs nacionais durante os seus mandatos.

 

INICIADOS

Sporting 9 campeonatos

Benfica 7 campeonatos

FC Porto 5 campeonatos

(O título não foi atribuído em 1999, 2001, 2020 e 2021)

 

JUVENIS

Sporting 8 campeonatos

Benfica 8 campeonatos

FC Porto 5 campeonatos

Boavista 1 campeonato

V. Guimarães 1 campeonato

(O título não foi atribuído em 2020 e 2021)

 

JUNIORES

Sporting 7 campeonatos

FC Porto 6 campeonatos

Benfica 4 campeonatos

Boavista 3 campeonatos

Alverca 1 campeonato

Braga 1 campeonato

Famalicão 1 campeonato

(O título não foi atribuído em 2020 e 2021)

 

TOTAL

Sporting 24 títulos

Benfica 19 títulos

FC Porto 16 títulos

Boavista 4 títulos

V Guimarães 1 título

Alverca 1 título

Braga 1 título

Famalicão 1 título

 

PRESIDENTES DO SCP COM ESTES TÍTULOS

José Roquette 1 (juvenis)

Dias da Cunha 5 (2 iniciados, 2 juvenis, 1 juniores)

Filipe Soares Franco 7 (2 iniciados, 2 juvenis, 3 juniores)

José Eduardo Bettencourt 1 (juniores)

Godinho Lopes 2 (1 iniciados, 1 juniores)

Bruno de Carvalho 5 (2 iniciados, 2 juvenis, 1 juniores)

Frederico Varandas 3 (2 iniciados, 1 juvenis)

 

Eis os dados, concretos e objectivos. 

Sem autoflagelações ridículas, como tanto tenho lido por aí.

Comentem se quiserem. Sintam-se à vontade. 

Parabéns ao campeão

202305282628_122526.png

Formação rima com campeão, parece que melhor formação do mundo, afinal não é a do Sch-eixal.

Famalicão 5 -  Benfica 1.

Adenda: O comentário abaixo apareceu no meu "e-mail" para ser aprovado ou rejeitado. Foi rejeitado sem a minha intervenção, não sei se a "culpa" é da plataforma ou de algum administrador com poderes.

Como não é a primeira, nem a segunda, nem a terceira, nem a décima vez, peço, publicamente, para não o fazerem.

Prefiro ser eu a fazer a gestão do que escrevo e a publicar ou não as respostas.

A época terminou e quando alguém não estiver satisfeito com algo, o meu "e-mail" está disponível para todos para os administradores da plataforma e do "blog" e para todos os leitores em geral.

Tenho muita honra em escrever neste "blog" mas quando sair saio como entrei, cabeça levantada, a pensar no jogo seguinte e a custo zero.

merd.png

Ponto de situação nas camadas jovens

Agora que vários escalões já acabaram a época e estamos quase no final dos restantes, vamos fazer outro ponto de situação.

Fazendo um balanço muito rápido, estamos na iminência de um ano com zero títulos nacionais nas camadas jovens.

 

Youth League

Perdemos na meias-finais, no desempate por grandes penalidades, com o AZ Alkmaar, a equipa que acabaria por vencer a competição, ganhando na final ao Hadjuk Split por 5-0. Fica a sensação que, tendo passado na lotaria dos penalties, os croatas estariam ao nosso alcance. 

Ainda assim foi uma prestação bastante positiva e a única de realce nas camadas jovens.

 

Equipa B

A competição acabou, tendo a equipa obtido o 1º lugar no grupo 2 de manutenção

    Pontos Jogos Vitórias Empates Derrotas
1 Sporting B 16 6 2 2 2
2 FC Oliv. Hospital 15 6 3 0 3
3 Vitória FC 15 6 3 2 1
4 Real SC 8 6 2 0 4

 

Apesar de termos partido para esta fase como a equipa com mais pontos do grupo, fruto da performance na fase regular, tivemos de chegar ao último jogo para garantir a manutenção, obtida por uma vitória pela margem mínima (2-1) frente ao Real SC, com um grande golo de Fatawu.

Um época muito má. Foi referida a ambição de subir à 2.ª Liga mas quase se desceu ao Campeonato de Portugal.

 

Sub-23

A competição acabou, ficando o Sporting em 4.º lugar no grupo dos que não foram apurados para disputir o campeonato. 

O campeão foi o Estrela da Amadora.

Das 14 equipas que ainda disputam este escalão, o Sporting foi a 5ª pior.

    P
J
V
E
D
1 Gil Vicente 35 14 8 2 4
2 Portimonense 34 14 8 3 3
3 Farense 32 14 7 3 4
4 Sporting 31 14 7 4 3
5 Rio Ave 21 14 4 3 7
6 Leixões 20 14 4 4 6
7 Marítimo 19 14 3 4 7
8 CD Mafra 15 14 2 3 9

 

Sub-19 (Juniores)

Faltam disputar duas jornadas, estando o Sporting praticamente arredado do título, com 3 clubes à sua frente.

A estocada final ocorreu no passado sábado, com uma derrota por 2-1 com o Porto, numa derrota muito à Sporting: depois de conseguir o empate aos 76 minutos, a equipa estava a ir atrás do segundo golo, quando entra Henrique Arreiol aos 86 minutos, que consegue ser expulso por ver um amarelo aos 91 minutos e logo outro aos 92, ambos justos. Três minutos depois, aos 95, o Porto faz o golo da vitória.

    P J V E  
1 FC Famalicão 25 12 8 1  
2 Benfica 23 12 7 2  
3 FC Porto 21 12 6 3  
4 Sporting 19 12 5 4  
5 SC Braga 18 12 4 6  
6 Estoril Praia 16 12 5 1  
7 FC Vizela 12 12 4 0  
8 FC Alverca 1 12 0 1  

 

Sub-17 (Juvenis)

Quando faltam três jornadas o Sporting está em 4.º lugar, com um jogo a menos que os adversários. Ganhando esse jogo em atraso fica em 2.º, a 6 pontos do Benfica.

Os jogos que faltam são com Estoril, Sp. Espinho, Torreense e Sp. Braga.

Resta ganhar os seus jogos e esperar que o Benfica perca 2 dos 3 jogos que lhe faltam, o que à partida é pouco provável, no entanto esses jogos são com Porto, Braga e Vitória SC. 

As esperanças são ténues mas ainda existem.

1 Benfica 40 15 13 1 1
2 FC Porto 33 15 10 3 2
3 SC Braga 33 15 11 0 4
4 Sporting 31 14 10 1 3
5 Vitória SC 26 14 8 2 4
6 Feirense 15 14 4 3 7
7 Estoril Praia 13 15 4 1 10
8 Torreense 10 15 3 1 11
9 SC Espinho 9 16 3 0 13
10 Académica OAF 6 15 2 0 13

 

Sub-15 (Iniciados)

É a competição que está mais atrasada, já que ainda faltam 6 jornadas, mas o nosso destino já está mais ou menos traçado. Estamos em 3.º lugar a 10 pontos do 1.º, o Benfica, mas se calhar temos é de ter atenção aos que estão atrás de nós, pois estamos apenas 3 pontos acima do 7.º classificado.

 

    P J V E D
1 Benfica 32 12 10 2 0
2 FC Porto 26 11 8 2 1
3 Sporting 22 12 7 1 4
4 Vitória SC 21 12 6 3 3
5 SC Braga 19 11 6 1 4
6 Vitória FC 19 12 6 1 5
7 Boavista 19 12 6 1 5
8 Belenenses 7 12 2 1 9
9 Académica OAF 3 12 0 3 9
10 CD Tondela 1 12 0 1 11

Ponto de situação nas camadas jovens

Equipa B

Depois duma boa recta final da fase regular, ficou a 1 ponto de poder disputar a fase de subida da 3ª Liga.

Neste momento está a disputar a manutenção num grupo de 4 equipas, com Oliveira do Hospital, Vitória FC e Real SC. Partiu com 8 pontos, fruto do 5º lugar na fase regular.

Na 1ª jornada, única até agora, empatou 1-1 em Setúbal, tendo sofrido o golo do empate aos 93 minutos( o enésimo jogo em que esta equipa sofre golos nos descontos).

Classificação actual( os 2 primeiros permanecem na 3ª Liga, os 2 últimos descem ao Campeonato de Portugal):

 

Sub-23

Ficou em 7º lugar da sua Série, que corresponde ao último lugar, falhando por completo o acesso à Fase de Apuramento de Campeão.

Como não desce ninguém, está a disputar com os outros clubes que não passaram uma liga que dá apuramento para a Taça Revelação aos 2 primeiros classificados.

Está neste momento em 4º ao fim de 10 jornadas, de um total de 14 jornadas.

Nem vou colocar a classificação porque esta fase é pouco mais do que jogos-treino para as equipas não estarem paradas.

 

Sub-19 (Juniores)

Está a disputar o campeonato, embora as coisas não estejam a correr muito bem.

À 6ª jornada, de um total de 14, está na 6ª posição a 7 pontos do 1º classificado, o supreendente Famalicão.

No entanto, já jogou com Braga, Benfica e Famalicão fora de casa, pelo que a 2ª volta é mais favorável, e haverá um Benfica-Famalicão na próxima jornada. 

1   FC Famalicão 15
2   Benfica 12
3   FC Vizela 12
4   SC Braga 9
5   FC Porto 8
6   Sporting 8
7   Estoril Praia 6
8   FC Alverca 1

 

Sub-17 (Juvenis)

Está a disputar o campeonato, estando neste momento em 2º lugar, a 3 pontos do 1º, o Benfica, quando faltam 8 jornadas de um total de 18..

Se conseguir superar o Porto(fora) e o Benfica(casa), na 12ª e 13ª jornadas, fica com as portas do título escancaradas, já que os 5 últimos adversários são mais acessíveis.

Classificação:

1   Benfica 27
2   Sporting 24
3   FC Porto 23
4   SC Braga 21
5   Vitória SC 19
6   Feirense 13
7   Estoril Praia 9
8   Torreense 6
9   SC Espinho 6
10   Académica OAF 3

 

Sub-15 (Iniciados)

Está também na fase de apuramento de campeão. À 8ª jornada de um total de 18 está em 4º lugar, a 9 pontos do 1º, o Benfica. 

O 1º lugar parece neste momento muito complicado, até porque na 2ª volta ainda terá de jogar fora com Porto e Benfica.

Classificação:

1   Benfica 24
2   FC Porto 19
3   Boavista 16
4   Sporting 15
5   Vitória SC 13
6   SC Braga 10
7   Vitória FC 10
8   Belenenses 6
9   Académica OAF 2
10   CD Tondela 1

 

 

Youth League

Coloquei esta equipa à parte, porque o escalão da mesma é difícil de catalogar, o treinador é o dos Juniores, mas os atletas que têm jogado são um misto da Equipa A, B, sub-23 e Juniores.

Tem tido um excelente desempenho e está nas Meias-Finais da competição.

Eliminámos o Ajax nos Oitavos, o Liverpool nos Quartos e vamos defrontar o AZ Alkmaar na Meia-Final, no dia 21 de Abril, jogo único em nossa casa.

Renato Neto e mais dez

Meio a sério, meio a brincar.

Eu estava lá e vi.

Renato não levou o guião certo (cerca dos 14´ de jogo; 1´40 no vídeo) o objectivo* era defender o zero a zero, com esse resultado o Sporting seria campeão.

Este postal está ligado ao anterior de Pedro Correia o nosso melhor onze saído da Academia e ao de José da Xã o melhor jogo que vi no novo Alvalade.

Para mim, este foi o melhor jogo, o golo mais importante.

Foi um que se f*da o guião, estou aqui para vencer o jogo e para ser campeão.

Renato é, para mim, um dos bons exemplos da nossa formação, jogou na equipa principal, era um médio com golo, mas ou por não ter o empresário certo ou o treinador certo nunca se afirmou, infelizmente, para ele e para nós.

*Sou amigo do treinador e sei o que lhes disse antes desse jogo que era importante marcar primeiro, para efeitos de narrativa é preferível o registo: o empate servia.

Estoril lava mais broncas

Menos de 24 horas depois da derrota caseira para a Taça da Liga selar o destino de José Peseiro, eis que os juniores do Sporting visitaram o Estoril, perderam 1-0 (o golo também foi na marcação de um pontapé de canto), e estão agora na quinta posição. Ou seja, a equipa não passaria à fase seguinte se esta fase do campeonato terminasse hoje  - iriam o Cova da Piedade, Estoril, Tondela [corrijo o meu erro - não é o Belenenses que ocupa o segundo lugar...] e o líder Benfica.

 

Tendo em conta que a equipa continua a ter profusão de talentos (até o extremo Diogo Brás, enviado para os sub-23, regressou hoje ao seu escalão etário), os mesmos talentos que fizeram daquela geração campeã crónica de iniciados e de juvenis, era capaz de ser boa ideia aproveitar a lavagem das broncas em curso e desejar os melhores sucessos pessoais e profissionais a Pedro Venâncio...

Talvez não tenham percebido

Ofuscados todos pelos 5-0, uma barriguinha cheia como há muito se não via, talvez não tenhamos percebido que nas camadas jovens obtivemos boas vitórias na respetiva jornada inaugural.

Em juniores vencemos o Alcanenense por 2-0. E em Juvenis tivemos uma vitória folgada por 5-0 frente ao Caldas. Lembro que na época transata, apenas não fomos campeões em iniciados. 

Em breve teremos o futsal, o hóquei, o andebol e o voleibol, já no nosso pavilhão. E as leoas, que são um grande motivo de orgulho para todos os sportinguistas, começam a sua participação no mais alto escalão europeu na próxima semana. Não se esqueçam e marquem nas vossas agendas o dia 3 de setembro para irem a Coimbra para apoiar o Sporting feminino na luta pela Supertaça. Depois da inesquecivel final do Jamor, a Supertaça.

Cultura de vitória, com esforço e dedicação. Na próxima 4a feira teremos o jogo da época, contra o Steua de Bucareste. Se mantivermos a classe e a competência demonstradas hoje contra o Guimarães, então acredito que a fase de grupos da Champions está ao alcance do Sporting. Importante pelo encaixe financeiro que permite e pela montra para o mercado que possibilita. Citando uma figura histórica, "eu acardito". Bom domingo 

Boa notícia: juniores somam e seguem!

Os juniores masculinos obtiveram mais uma vitória, consolidando o 1° lugar da classificação. A 4 jornadas do fim, têm uma vantagem de 6 pontos sobre o Belenenses e de 8 sobre o Guimarães (e ainda recebem em casa às duas equipas). O Clube que tem escola no Seixal averbou mais uma derrota caseira, estando em penúltimo lugar. Desconhece-se se o selecionador do escalão assistiu ao jogo dos vimarenenses. O Sporting no bom caminho para mais um título da sua formação!

IMG_0062

 

 

Vitórias em várias frentes

O nosso clube não revela boa prestação apenas no campeonato do principal escalão do futebol: noutras frentes desportivas também merece destaque. No campeonato nacional de juniores (zona sul) o Sporting lidera, após concludente vitória por 3-0 frente ao Belenenses. E no futsal soma e segue, liderando a classificação, isoladamente, na sequência de uma goleada por 5-0 ao Póvoa Futsal, na Póvoa de Varzim.

Bruno de Carvalho tem bons motivos para sorrir. E nós também.

Sporting 1 Benfica 0 (Juniores)

A equipa de juniores do Sporting derrotou o Benfica, por 1-0, em jogo da 10.ª jornada do Campeonato Nacional, com um golo por Wallyson Mallman aos 84 minutos. Uma vitória justa apesar de uma tarde para esquecer - em detrimento do Sporting - do árbitro Aurélio Afonso, que além de ter perdoado pelo menos uma expulsão à equipa encarnada, acabou por mostrar o segundo amarelo injustamente ao «leão» Fabrice Foboko, aos 88 minutos. Com esta vitória, o Sporting assumiu o primeiro lugar da classificação, com 26 pontos, mais um que o Benfica. Franky Vercauteren, acompanhado pelo director Silva e Costa, Oceano e resto da equipa técnica, assistiu ao jogo nas bancadas do campo 1 da Academia Sporting.
 

Sporting vs PSV - NexGen Series

 

A equipa de juniores do Sporting defronta o PSV amanhã, às 19h30, em jogo da quarta jornada da «NextGen Series». As duas equipas encontram-se empatadas em primeiro lugar com 6 pontos. O jogo terá lugar no Estádio José Alvalade e os sócios com quota de Setembro terão acesso gratuito, enquanto o bilhete de adepto custa apenas 2 euros. Vamos apoiar os nossos futuros craques !!!

Sporting B 1 vs V. Guimarães B 0

O Sporting alinhou com: Victor Golas, Arias (João Gonçalves, 45m - por lesão), Pedro Mendes, Tobias Figueiredo, Mica, João Mário, Esgaio, Zezinho, Bruma, Plange (Betinho, 90m) e Etock (Chaby, 71m). Jogadores não utilizados: Luís Ribeiro, Tiago Ilori e Atila Turan.
Golo marcado por Esgaio aos 40m, gp.
Nota: Os juniores derrotaram o Nacional por 5-0 e os juvenis o Belenenses por 2-0, ambos na primeira jornada do campeonato nacional.

A Geração Academia de Alcochete

 
A Geração Academia. Portugal tinha no Euro 2012 dez jogadores formados pela Academia Sporting. Destes, cinco eram titulares e dois deles os melhores jogadores da equipa. 
O caminho seguido ao longo das últimas décadas merece uma reflexão séria, tanto a nível interno como do futebol português. 
O Sporting nos últimos vinte anos ganhou dois campeonatos e nesses dois anos, 2000 e 2002, a formação teve uma influência diminuta. 
 
Formação
                                                                                               
Em 2000 
Jogadores titulares - Beto
No plantel - nenhum que jogasse um mínimo de 10 minutos  
Em 2002
Jogadores titulares - Beto e Hugo Viana
No plantel (com alguma utilização) - Ricardo Quaresma
Como se pode comprovar, a formação leonina não foi sinónimo de conquista de campeonatos. Então porque existe uma aposta tão forte? O Sporting sempre foi, mesmo nos anos de "vacas gordas", um clube formador. Os adeptos leoninos identificam-se com esta prática. É uma questão de identidade. É esta a filosofia que todos os clubes deviam seguir. E somos muito bons a fazê-lo. Nos últimos dez anos, no entanto, o paradigma mudou. Durante anos o clube formou grandes jogadores, mas a equipa não estava dependente deles. Na última década, também devido à falta de liquidez financeira e a uma péssima gestão desportiva, a aposta foi clara nos jogadores da formação. Foi mesmo graças aos "miúdos" que o clube foi lutando pelo título e foi quatro anos seguidos à Liga dos Campeões. Aqui saltam rapidamente vários pensamentos e teorias. Lembro-me muito bem que os comentários dos "especialistas" da televisão e jornais eram e passo a citar: "um clube de miúdos não ganha campeonatos", "o Sporting para ser um clube ganhador tem de investir em jogadores experientes", "o Sporting devia seguir o exemplo de Benfica e Porto", "os miúdos deviam fazer a passagem para o futebol profissional fora de Alvalade", "este não é o caminho para um clube com a grandeza que tem o Sporting" e etc
 
A visão do Sportinguista: 
Por um lado:
 
Como é que um clube que todos os anos forma óptimos jogadores não é campeão mais vezes? Porque ao longo dos últimos anos as políticas desportivas foram as erradas. Houve uma falta de visão gritante e um aproveitamento que podia ter sido glorioso foi apenas suficiente. Não se pode formar Cristianos Ronaldos e Figos e não ser campeão pelo menos uma vez. Não se pode apostar cegamente nos jogadores provenientes de Alcochete e não lhes fornecer uma equipa estruturada, sustentada e com líderes. Não se pode entregar a braçadeira a um miúdo sem carácter. Tem de existir o máximo aproveitamento possível dos "nossos" jogadores mas tendo sempre a preocupação de a responsabilidade não estar sobre os seus ombros. Além da categoria futebolística, os restantes jogadores do plantel têm de ser, também, uma mais valia "paternal". Têm de ser vistos com respeito e com admiração. OguchiRinaudo e Schaars entram directamente para este patamar. É este o caminho. Na época passada assistiu-se a um choque com o passado recente. Foi refrescante. Foi fundamental. O investimento foi grande e trouxe com isso um maior endividamento. O que agora é criticado por muitos Sportinguistas foi pedido durante anos. Curioso. Foi muito importante a vários níveis: dotar o plantel de jogadores com categoria internacional, trazer esperança à massa adepta e fazer um choque com o passado mais recente. Ao contrário do que se disse e escreveu esta nova etapa não significava minimamente uma mudança cultural no clube. E aqui cultural está relacionado com o facto de sermos um clube formador. Aqui o que estava em causa era uma filosofia errada. Não temos capacidade para manter por muitos anos os jovens por nós formados e por isso não conseguimos jogar com 7-8 ao mesmo tempo e sermos campeões com regularidade. Neste ponto o Barcelona é um caso à parte. O presente e o futuro é conseguir fazer uma mescla. A partir de agora a forma como os "miúdos" entram na equipa vai de encontro ao que sempre defendi para o Sporting. Já não é preciso contratar 18 jogadores. Esse trabalho está feito, e bem feito. Agora é simples. O normal início dos jogadores no futebol profissional faz-se na equipa B passando gradualmente para a equipa A. As posições carenciadas ou que não consigamos formar dentro vai-se contratar cirurgicamente fora.
Por outro lado:
Eu quero continuar a ser um clube formador. Um clube que aposta nos jogadores por si formados. Mas para isso o futebol português também tem de querer. Não pode ser só o Sporting a ter jogadores da formação a jogar com regularidade. As leis existentes em Portugal são totalmente contra quem quer apostar no jogador Português. São totalmente contra quem quer apostar na formação. Se observarmos os campeonatos que se equivalem ao nosso apercebemo-nos rapidamente de uma diferença abismal. Existe uma clara aposta, tanto ao nível dos clubes como das federações locais, no jogador nacional. Ver por ex. campeonatos Holandês e Francês. Em Portugal, tirando o Sporting nos últimos anos, ninguém aposta/joga com os jogadores portugueses. As excepções existem, mas são raras. Os jogadores estrangeiros, os empréstimos destes e o refugo dos grandes ditam as leis. Os jogadores com 18-21 anos são raros, para não dizer inexistentes, no nosso campeonato. Isto tem de mudar. O futebol português tem de mudar. 
 
A visão do adepto nacional:
Rezar para que a Academia continue a dar frutos. Desejar que o Sporting continue a apostar na formação. Se não passamos a estar ao nível da Bélgica ou da Dinamarca. 

A Selecção Nacional sub-19 fez anteontem o primeiro jogo no Europeu da categoria. No onze inicial estavam 7 jogadores do Sporting. E não estavam lá: Ié, Mica, Chaby ou Iuri Medeiros..
                                                                                                                                                      Texto também publicado Aqui

{ Blogue fundado em 2012. }

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D