Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Foi você que pediu o Sporting em mais uma final da UEFA Futsal Champions League?

Pois é. O hábito começa a fazer o monge e o Sporting está na final da UEFA Futsal Champions League, após bater por conclusivos 6-2 o Asnières Villeneuve 92 (ACCS) do português Ricardinho. 

O Sporting dominou toda a partida e não fora um ato irrefletido de Panny Varela, porventura excessivamente castigado com vermelho direto aos 18´ da 1ª parte, e o Sporting teria chegado ao intervalo a vencer por 3-0. Na sequência da expulsão, a equipa francesa reduziu. Na 2ª parte, após o 2º golo francês, o Sporting não deu mais hipótese e com 2 golos de rajada fechou o resultado. 

Os marcadores dos golos leoninos foram- 1ª parte: Esteban Guerrero 5´, Tomás Paçó 11´, Merlim 12´; 2ª parte: Diego Cavinato 25´, Merlim 30´e Cardinal 33´. Pelo ACCS marcou Lutin 18´ e Galmim 28´.

Agora resta aguardar pelo resultado do jogo de hoje entre Barcelona e Benfica para saber com quem o SPORTING, campeão em título, disputa a final no domingo às 16 horas, a ser transmitido pela Sporting TV. Atualizando, haverá reedição da final do ano passado, com o Barcelona que venceu o Benfica no prolongamento por 5-4. Oxalá se repita também o resultado. Spoorting 💚🦁

 

O clube A contra o clube B

11.png

22.png

33.png

44.png

55.png

Bruno Paixão diz-nos que sempre foi um homem sem paixão, sem ilusão, sem demasiado conhecimento.

Sempre que entrava em campo, só sabia que ia apitar um jogo, o clube A (de aliciamento) contra o clube B.

Hoje, cada um de nós, também, toma uma posição, parece fácil dizer:

"Somos todos, Yaremchuk"

Somos?

Alguém perguntou aos cidadãos russos Robinho e Chishkala se renunciam à camisola da equipa A (de agressor) se estão solidários com o colega/camarada ucraniano?

Equipa A, contra equipa B, o jornalismo fofinho sentado na bancada, a assistir.

Esta é a altura de ser diferente, de ter coragem para perguntar o que ninguém pergunta.

- Robinho e Chishkala vão continuar a jogar na equipa A?

Não é do bagaço: é do champon

Surgiu uma explicação para mais uma brilhante vitória da seleção portuguesa de futsal, baseada num cartaz da assistência da final de ontem: "o bagaço é melhor que vodca". Esse cartaz tem pilhéria e está a ser muito partilhado nas redes sociais. Mas se considerarmos o clube de origem da maior parte daqueles jogadores, a explicação deve ser outra. A que me ocorre resulta de ver este vídeo, com uma entrevista ao marcador do primeiro golo. Muitos parabéns à seleção portuguesa!

De Bissau a Norilsk

22241662_QWFd1.png

22241663_ozoBB.png

 

Sol, calor, alegria, temperaturas médias anuais de 27° mas que podem atingir os 40°.

Sorriso aberto, ginga, rastas, bebidas frescas, felicidade.

Neve, frio, gulag, temperaturas médias anuais de -10° mas que podem atingir os - 60°.

Cara fechada, músculos rígidos, cabelo ralo, vodka, formalidade.

Hoje, às 16h30.

Zicky vs. Chishkala.

Sporting vs. Benfica.

Portugal vs. Rússia, final do campeonato europeu de futsal que está a ser disputado no país a que dantes chamávamos Holanda.

(para os mais distraídos, Zicky nasceu em Bissau mas com seis anos já espalhava magia nos campos acimentados de Santo António dos Cavaleiros. A Rússia tem um senhor de meia idade que nasceu no Recife, esteve meia dúzia de anos no futsal russo e tornou-se compatriota de Putin, o benfiquista Robinho).

Raios! Escapou-nos um...

FJaKyp5WYAAiC-j.jpg

 

E Nuno Dias, melhor treinador;

E Guitta, melhor guarda-redes;

E Zichy, melhor jogador jovem!

Eu acho que só não atribuiram o troféu de melhor do Mundo a Pany Varela ou a Alex Merlin (segundo e terceiro, respectivamente), porque seria demasiado, já que a melhor selecção foi a portuguesa e o melhor seleccionador Jorge Braz e parecia mal virem todos os prémios para Portugal.

Natal dos s7mple2

22220721_4EFZe.jpeg

 

"Já nos cansa está lonjura [era preciso irmos a Gondomar?]

Muita neve cai na serra [sete flocos]

Só se lembra dos caminhos velhos

Quem tem saudades da terra.

Rabanadas, pão e vinho novo 

Matavam a fome à pobreza"

Nesta quadra festiva vamos deixar a rivalidade de lado, o meu desejo para todos os benfiquistas é que aproveitem a vida, hoje foram sete, amanhã podem ser mais, comam pão e rabanadas, bebam vinho; 2022 há-de sem melhor, mesmo sem Jesus, mesmo sem Deus.

Por falar nisso, Jesus já está a ser apagado dos documentos oficiais.

 

22220734_bbjEY.png

22220735_ObJYn.png

ADN de Leão

22199572_lsJ8o.jpeg

 

Ontem à noite no primeiro dérbi de futsal, com o pavilhão João Rocha com público depois da pandemia, o Sporting, com uma segunda parte arrasadora, derrotou o rival de Lisboa por um concludente 5-2. Isto depois duma primeira parte em que a 5 minutos do fim, e com o resultado a zeros, sofre uma expulsão discutível que conduz à desvantagem no marcador, iguala pouco depois num livre directo do regressado Cardinal, mas sofre o segundo golo logo antes do intervalo numa jogada que desmoraliza qualquer um. parte o génioNa segunda parte, o génio de Merlim resolveu a questão.

Esta equipa de futsal do Sporting só nos dá motivos de orgulho. Tem no banco um verdadeiro lider, Nuno Dias, e na quadra um misto entre craques, alguns deles do melhor do mundo, e malta da casa, também ela excelente e que deixa a pele em campo.

Curiosamente, isto também se passa noutras equipas e noutras modalidades. O comportamento em campo dos jogadores do Sporting difere pela positiva de alguns adversários, não existem vedetas malcriadas nem especialistas no jogo sujo, e alguns atletas merecem ser considerados e mais tarde recordados como ídolos da modalidade.

A assistir ao dérbi estiveram vários grupos de jogadores do clube doutras modalidades: futebol masculino e feminino, basquetebol e outros. Questionado sobre o assunto, Nuno Dias referiu a normalidade do facto, e o magnífico ambiente que se vive entre treinadores e atletas de diferentes modalidade, cada um a sentir os êxitos dos outros como seus. Isto realmente faz toda a diferença. É assim que se constrói o amor à camisola do clube, a promoção do seu lema e dos seus valores, o ADN de leão.

SL

Grandes entre os maiores

Pany Varela, o melhor jogador (de facto) do Mundial de Futsal!

Pany.jpg

 

João Matos, Gigante!

22168740_PBzOj.jpeg

 

Parabéns, Erick, Miguel Ângelo, Pauleta, Tomás Paçó e Zicky

C  A  M  P  E  Õ  E  S 

D  O   

M  U  N  D  O  !

P  a  r  a  b  é  n  s  , 

S  p  o  r  t  i  n  g  !

 

P  a  r  a  b  é  n  s  ,

P  o  r  t  u  g  a  l  !

Fórmula Sporting - Todos a conhecem, difícil de travar

22105823_mR2iR.jpeg

 

Mais uma demonstração cabal da força da fórmula Sporting, que só consegui ver já pela madrugada: um grande treinador (Nuno Dias), um enorme capitão (João Matos), um plantel que não é mais do que uma mistura alicerçada muito bem trabalhada de Guittas com Zickys Tés (os Zidanes e Pavones doutros tempos do Real Madrid), cada uns com os seus sentimentos, valores e ambições, uma estrutura na retaguarda bem comandada por Miguel Afonso que resolve problemas no momento certo (como foi o caso da renovação de Guitta) e muita tranquilidade e confiança de todos para ultrapassar momentos menos bons (como foi o caso duma derrota muito por culpa própria no segundo jogo da série, onde soçobrámos no prolongamento depois de estar a ganhar por duas vezes por 2 golos de vantagem). 

Foi o pleno no futsal. Depois da competição máxima europeia, a Champions da modalidade, e da Taça de Portugal, agora foi a vez da Liga Placard. Derrotando o Benfica no play-off e com Porto a perder por falta de comparência, poupa aqui o que vai gastar no andebol e no basquetebol, o que ainda dá mais mérito ao desempenho global do Sporting esta época.  

Como o Pedro Correia documenta noutro post, não há dúvida que está a ser a melhor época desportiva do Sporting desde há muito. Infelizmente não pudemos estar no estádio e no pavilhão para desfrutar, mas quando lá pudermos voltar temos também nós de estar à altura destas brilhantes equipas e ajudá-las a atingir novas vitórias e sucessos. E vamos mesmo estar.

E agora só falta... 

 

#OndeVaiUmVãoTodos

 

PS: Não anda por aí nenhum Zicky futeboleiro? Um ponta de lança / pivot indomável ? O rapaz é mesmo um craque da cabeça aos pés. Pois é, já temos o Nuno Mendes, mas... 

SL 

Futsal 2020/2021 - Somos campeões nacionais!

Vencemos os cangalheiros!

Época de ouro!

Parabéns aos jogadores, direcção, equipa técnica - principalmente a Nuno Dias, o melhor treinador do mundo de futsal!

 

Adenda 1:

Honra aos vencidos, a antítese, no fair-play, do nosso adversário no Basquetebol.

 

Adenda 2:

«Foi a melhor época do futsal, provavelmente até a nível mundial», disse Nuno Dias e acrescenta:

«A diferença entre as duas equipas não é de 6-2, apesar de ter sido essa a diferença no marcador tanto neste jogo como no da Taça da Liga. O equilíbrio é a nota dominante. O Benfica não merecia ter acabado assim. Jogou muito bem, fez um trabalho enorme, foram uns dignos vencidos e estão de parabéns.»

«O Sporting inicia a época com três juniores como contratações. Faz uma época com quase 50 jogos, sofre uma derrota no prolongamento, conquista todas a scompetições, depois de na fase regular ter sido primeiro, com mais golos marcados, menos sofridos... Um orgulho enorme nesta equipa com tanto miúdo, que fez a melhor época do futsal, provavelmente até a nível mundial. A superar todas as adversidades, como por exemplo com o Cardinal, que se lesiona em janeiro. Chamámos o Neves. Com sofrimento, com uma qualidade enorme... O Guitta, o melhor guarda-redes do Mundo, o Merlim com uma categoria enorme, o Zicky com um crescimento enorme. O Matos que é um grande capitão. O Pany... Todos fizeram um trabalho soberbo. Agora vamos de férias, que estou mortinho para largar o futsal»

Um só clube, o Sporting Clube de Portugal

Do futebol ao voleibol, do estádio ao pavilhão, das pistas aos tartans, das mulheres aos homens, do profissionalismo ao amadorismo, da SAD ao clube, uma coisa apenas existe, tal como foi sonhada pelos fundadores, o Sporting Clube de Portugal.

Inventar que existe um Sporting puro, o das modalidades, e um impuro, o do futebol profissional, é uma enorme estupidez. As modalidades sobrevivem com as quotas dos sócios, e os sócios não conseguem imaginar um futebol profissional que não consiga ficar nos três primeiros, temporada a temporada. Quando isso acontece, temos o Sporting em guerra civil, quaisquer sejam os resultados das modalidades.

Para mim existe apenas um Sporting. Um Sporting onde treinadores, capitães e jogadores das diferentes modalidades, homens e mulheres, se conhecem e se apoiam uns aos outros, um Sporting que modalidade a modalidade aplica a mesma receita: um grande treinador, uma estrutura de capitães à prova de bala, um grande peso da formação, alguns estrangeiros que fazem a diferença. 

Depois do título europeu do futsal, aconteceu agora o do hóquei, com o título nacional do futebol profissional pelo meio. Glória para Nuno Dias, João Paulo Freitas e Rúben Amorim como treinadores. Glória para João Matos, Pedro Gil e Sebastián Coates como capitães. Glória para os jogadores que conquistaram os feitos.

Obviamente nem todas as modalidades estão no mesmo momento, se no basquetebol temos tudo para vencer no plano nacional, no andebol a pandemia tirou-nos um grande treinador e alguns dos melhores estão no fim de percurso no clube. Mas também no andebol se procura aplicar a mesma fórmula. Temos um base de jogadores da casa que entusiasmam, e é por aí que temos de ir.

Onde Vai Um Vão Todos. É um lema que serve para o futebol, mas também para o Sporting como um todo. Do futebol ao berlinde, a mentalidade tem de ser a mesma, a fórmula de sucesso também. O respeito por quem veste a nossa camisola e defende as nossas cores tem de ser o mesmo.

#OndeVaiUmVãoTodos

SL

Andreu e André

22077778_V0SDD.jpeg

 

Saber perder.

O homem da imagem é um senhor.

A imagem foi obtida no intervalo, a equipa de Andreu vencia por dois a zero, o treinador do Barcelona não escondia a ansiedade, tão perto de ser bi-campeão europeu, mas roendo as unhas, pensando no destino, que destino?

Todos sabemos o que aconteceu, qual o resultado do jogo.

Poucos de nós terão reparado no lance entre Rocha e André Coelho, Rocha tem a bola controlada, roda, num movimento à Rocha e André cai, uma queda encenada como o republicano de Robert Capa, tal como o outro, André Coelho cai morto por uma bala fingida, à Benfica.

Rocha fica de cabeça perdida pela injustiça, leva cartão amarelo e Nuno Dias tira-o do jogo, Andreu faz o mesmo ao fingidor, o Barcelona não é o Benfica, na Catalunha vence-se ou perde-se com honra, com dignidade.

Tiro o meu chapéu a Andreu, Andreu Plaza Álvarez, um treinador honrado e digno, apesar de ansioso, temeroso do destino como a imagem ilustra.

Parabéns, Sporting. Obrigado, Sporting

22077878_oOTgd.jpeg

 

Obrigado, leões. Que conquista admirável. Que caminhada gloriosa. Aos vossos pés caíram os campeões da Rússia, Espanha e da Europa. Estou como o Edmundo Gonçalves que tão bem fez em publicitar o vídeo que pode ser visto mais a baixo nos És a nossa fé. Momento arrepiante e inspirador para todos nós, e que deve ser visto e revisto e visto mais uma vez. Por nós adeptos e por todos os atletas à beira de conquistas maravilhosas de leão ao peito. Importantes são também as palavras do timoneiro Nuno Dias e do grande Capitão João Matos. Do João destaco o que ele disse sobre a identidade que dá a força a esta equipa. Cito de memória, certo que não vou atraiçoar o espírito: “Esta camisola é uma segunda pele. Sentimos o Sporting e esse sentimento faz a diferença na hora da superação, de dar o que falta para vencer. O Sporting é hoje o maior da Europa.” Parabéns, leões! E que a vossa gloriosa conquista europeia seja presságio de outras e admiráveis conquistas do Sporting Clube de Portugal.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D