Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Os "verdadeiros adeptos" (3)

21740985_25Uh1.jpeg

 

Gonzalo Plata, internacional equatoriano com apenas 19 anos de idade, é claramente uma das melhores contratações feitas por Frederico Varandas para o futebol leonino, como aqui assinalei há mais de três meses.

A imprensa desportiva da passada quinta-feira, analisando o confronto da véspera entre o Sporting e o Gil Vicente, não teve a menor dúvida: elegeu-o como melhor em campo. Confirmando a minha observação, publicada hora antes.

Não custa perceber porquê: ele marcou um dos golos e fez assistência para o outro: foi decisivo para os três pontos conquistados pela nossa equipa. 

 

Valeu-lhe - e valeu-nos - que este jogo fosse disputado à porta fechada em Alvalade, sem a presença de público. Se não fosse assim, este talentoso jovem que vem completando a sua formação desportiva no Sporting teria sido assobiado do princípio ao fim. Confirmando uma das piores tradições praticadas por um ruidoso núcleo da massa adepta: apupar quem veste de verde e branco, dando moral às equipas adversárias.

Plata teve sorte: assim os assobios só foram virtuais. Mas não deixaram de ser estridentes, como se comprova num dos espaços onde costumam albergar-se alguns "verdadeiros adeptos", que olham mais para o teclado do que para o relvado durante os jogos.

 

Visitei esse espaço depois do Sporting-Gil Vicente e deparei com imensos "piropos" dirigidos ao internacional equatoriano - e ao próprio treinador Rúben Amorim.

Transcrevo alguns desses dislates, já com erros ortográficos devidamente corrigidos e os substantivos próprios devolvidos à letra maiúscula imposta pelas boas regras gramaticais:

 

«O Plata e o Camacho podem ser zero jogo após jogo que têm sempre um lugar na equipa do lampião.» [antes do jogo]

«Camacho e Plata são zero. Outra vez…» [momentos antes da marcação do primeiro golo]

«Teve um pouco de sorte no drible o Plata.» [logo após a assistência de Plata para esse golo]

«O Plata toma (mais) uma decisão absurda, tem a sorte de ganhar o ressalto.»

«O Plata… ludibriou o defesa com um tropeção.»

«Tenho a impressão que só vi dois jogos completos dele mas já se tornou o meu odiozito de estimação. Muito bem estamos quando podemos dar a titularidade a quem decide tão mal.»

«Plata dá o quê?»

«Até agora deu um engano que resultou em golo…»

«Ó Plata… Manda-te ao mar e diz que eu te empurrei. F***-*e!»

«Plata coitado .. completamente perdido…»

«O Rúben Amorim está vestido de palhaço?»

«Que tem na cabeça este Plata?»

«Plata mentalmente está de rastos... Zero confiança.»

«F***-*e, e eu perdi a segunda parte do WH-Chelsea para ver isto…»

«P***a, não fizeram nada nos últimos 20 minutos. Tirando aquela cagada do Plata.»

«Não vejo como [Joelson] pode fazer pior que Plata.»

«Plata e Camacho são embaraçosamente maus.»

«Max e Wendel os melhores, Plata um desastre.»

«Plata pouco mais que isso [nulidade], com muitas decisões incorrectas.» [ao intervalo]

«O Plata toma decisões péssimas o jogo todo, mas nesta jogada só com o redes na frente teve a frieza de levantar a cabeça e colocar para golo.» [momentos após Plata ter marcado o segundo]

«Este Camacho também parece que está a aprender com o Plata. Cruzes credo!»

«Agora é que reparei. Estamos com o Peyroteo a central. Este treinador bate mal.»

«Este Plata é mesmo estúpido f***-*e.»

«Vá-se lá saber como, acaba por ser o homem do jogo. Aos tropeções e às cambalhotas mas dois golos são dois golos.» [quase no fim]

«Alguém ofereça um pé direito ao Plata…» [no fim]

«Plata com um golinho, um engano que deu outro golo e mais dois remates que podiam ter dado golo.»

«O Plata marcou um golo, mas fez tan-ta porcaria.»

«Max o melhor em campo diz muita coisa.»

«Jogo ao nível do Varandas.»

«Pós-covid a liga tuga está a bater todos os recordes de mediocridade.»

 

Letais ao Sporting

martians[1].jpg

 

«Aquele ontem que alegadamente levou nos cornos? Andaram vocês aqui a chorar com a indignação. Coitadinhos. Devia era ter sido factualmente e ter levado ainda mais. Ele e a filha, os Patrícios e os Williams em Alcochete, e o raio que os parta. Se era para foder o Sporting, ao menos não se ficavam a rir com os dentes todos.»

 

«Está visto que os pontapés foram poucos. Entraremos numa nova fase.»

 

«Não aprenderam com Al Cochete que as coisas só se resolvem e mudam na “porrada”?»

 

«Isto não se faz com tribunal nem com passeatas! Faz-se com paulada nos cornos!»

 

«Também já estou nessa. Ia fartar-me de rir se alguém lhe “arrancar a cabeça”. Que filho da puta que nos foi calhar.»

 

«Esta gente é para ser caçada e exterminada.»

 

«Boicote ao futebol profissional é para ontem!»

 

«Os cabrões têm que cair já, estão a lixar o clube a todo o dia que lá continuam.»

 

«O Varandas mais tarde ou mais cedo vai ter o fim que merece e se levar nos cornos à séria cá estarei para aplaudir de pé!»

 

«Não sei se quero estes porcos corridos a pontapé ou que continuem lá e depois sejam pontapeados.»

 

«Venha o corona. Não está aqui nada que valha ser salvo.»

 

«Não vejo possível o regresso ao Sporting e como tal, mais valia não existir…»

 

«Quero um clube novo, rescindi com este.»

 

«Siga para a fundação do Lions of the World (com o equipamento Stromp como principal é a listada como secundário) com sede em Ansião ou Espinho.»

 

«Preferia um nome mais clássico, Sporting 1906 de Portugal. Sede sem dúvida no Norte com certeza, chega de mansos lisboetas!!!»

 

«Eu propunha Grémio Leonino, ou simplesmente Leões. E também alinhava com o equipamento Stromp, sem secundário nem terciário nem o caralho. Eles que fiquem com as riscas. E que se fodam todos.»

 

 

Desabafos de "pacíficos opositores" a Varandas, anteontem, num blogue que adoram frequentar.

(Eliminei as expressões mais injuriosas e emendei erros ortográficos)

Vai chamar Joaquim a outro

21628055_dd2K2[1].jpg

 

 

Grande Bruno Fernandes.

Respondeste da melhor maneira, na entrevista ao Record, ao imbecil que no Tribunal de Monsanto fez de conta que não sabia quem eras ao atirar-te uma frase digna da pré-primária: «Boa tarde, Joaquim. Como se chama?»

A julgar que assim te amesquinhava - a ti, que és um símbolo do Sporting. Quando afinal só serviu para se cobrir de ridículo.

 

«O papel dele [advogado de Bruno de Carvalho] passa por tentar enervar-me. Talvez tivesse ordens de alguém para me tentar enervar chamando-me Joaquim. Mas eu também não sei o nome dele e, sinceramente, não estou muito interessado nem preocupado com o facto de ele me chamar Joaquim ou outro nome qualquer. Pelo que me disseram, estamos a falar de um sportinguista. Acho estranho um sportinguista não saber o meu nome. Se é assim tão adepto, deveria saber o nome dos jogadores que representam o seu clube.»

Assim te pronunciaste na entrevista.

Arrumando a questão, chutando para golo.

Dando uma lição de comportamento ao visado. Que, provavelmente, não conseguirá aproveitá-la. Por fugir ao código tribal a que obedece.

 

Tiveste uma atitude digna de capitão. Mais uma, entre outras que têm prestigiado o desporto português.

Por isso sou brunista. Digo e repito com muito orgulho.

Noite de velório

header_services_flowers[1].jpg

 

É incrível, o ressabiamento de alguns pseudo-sportinguistas, putativos militantes da Jumentude Leonina. Inconformados perante a goleada leonina: 4-0 ao Santa Clara, em Ponta Delgada.

Nem conseguem disfarçar.

 

Estavam a torcer pela derrota do Sporting, como fica bem patente nestes comentários que emitiram no local do costume ao longo da noite, que para eles foi de velório e queixume.

Alguns ficam aqui reproduzidos. Para mais tarde recordar.

 

«O Santa Clara fez um jogo horrivel e pareceu-me até demasiado displicente em muitas abordagens. Não pressionou e jogamos á -vontade!»

«Momentos houve em que até nos superiorizámos ao colosso Santa Clara… que diga-se sem complexos talvez [seja] uma das melhores equipas dos Açores.»

«Acabámos por ter alguma felicidade nos momentos dos golos marcados em alturas cruciais.»

«Diga-se de passagem que é uma exibição de merda dos açorianos.»

«O futebol do Sporting está morto, mas o futebol português não está muito melhor.»

«Triste é ser preciso “apertar” os tomates a estes meninos privilegiados para fazerem o seu trabalho em condições.»

«Por mim o futebol acabava já. Era apostar forte nas modalidades.»

«Este Sporting 71 continua a ser a comédia do do país.»

«Nunca serás o nosso presidente. Vai-te embora, animal!!»

Letais ao Sporting

martians.jpg

 

«O “nosso Sporting” já não existe. Foi assassinado a 23 de junho de 2018 e enterrado a 6 de julho de 2019.»

 

«O Sporting está podre.»

 

«Eu de sócio já tinha desistido a 23 de junho do ano passado. Cada dia que passa ao ver a merda de sócios que este clube tem começo é a ponderar deixar de ser adepto. Anos de vida perdidos.»

 

«Tenham um bom Sporting, nunca conseguirei abandonar e vibrarei com todas as vitórias mas o interesse e a participação na vida associativa nunca será o mesmo.»

 

«Para mim basta. Menos uma preocupação.»

 

«Não expulsaram apenas o BdC. Expulsaram uma ilusão e um ideal de Sporting. Eu fui expulso de sócio do Sporting, Sejam felizes com o vosso clube.»

 

«Suspendo as minhas quotas até sentir novamente o apelo do leão.»

 

«Menos 3 sócios hoje, eu também vou cancelar as minhas cotas.»

 

«De mim, não vêem mais um cêntimo.»

 

«Pensei que éramos diferentes… Sinceramente começo a pensar que somos piores.»

 

«O Sporting vai morrer e eu recuso-me a ir ao seu funeral. Já têm o que queriam, o Leão dentro da jaula, façam bom proveito.»

 

«Já enviei email a informar a minha insatisfação e que deixei de ser sócia a partir do dia de hoje.»

 

«Eu vou fazer a minha parte, não gosto de traidores, não gosto de ingratos, o sentimento que mais odeio é a injustiça e como sinto esses sentimentos todos, não posso fazer parte de um grupo de pessoas que simbolizam esses sentimentos e por isso mesmo deixo o clube para vocês.»

 

«Pra mim acabou. Club de facharia. Ardeu.»

 

«O meu dinheiro das quotas vai para a unicef. Sejam muito felizes, gentinha estúpida.»

 

«Os sonsos e velhos, 50% dos sócios, silenciosos, ingratos, cínicos, hipócritas, moles, sem coluna, amorfos e que preferem o leão amarelo, enjaulado, sem vontade de vencer, com mais votos fizeram esses 69.9% dos votos… e não de votantes.»

 

«No Natal já vão estar a 10 pontos e arredados do título.»

 

«Tenho vergonha de alguma vez ter chamado família aos sócios do Sporting.»

 

«Mais importante até do que não pagar quotas é não entrar no estádio e no pavilhão (a menos que seja para as assembleias gerais) nem comprar nenhum produto oficial.»

 

«Eu amo o Sporting, não a merda em que ele se transformou. E enquanto a merda não mudar irei ser um seu inimigo figadal.»

 

«Paga as quotas só antes das AGs e nem mais um tusto. É secar a teta a esta corja.»

 

«Fiquem vocês com o caralho do clube que farto de ter vergonha de sócios e adeptos de merda estou eu há muito tempo.»

 

«É esta a melhor massa associativa do mundo? Expulsam o melhor presidente desde João Rocha. Para mim acabou.»

 

«Neste momento estou mais próximo de me fazer sócio do Belenenses clube (sim, estou a falar a sério).»

 

«Isto só lá vai quando fizermos como o Belém. Deixamos a SAD para estes filhos da puta todos e o clube começa do 0 dos distritais, desapareciam logo os parasitas todos.»

 

«Não entrego o cartão, porque espero viver o suficiente para ver esta corja toda no caralho.»

 

«Mais valia cair uma bomba no pavilhão e ir pelo caralho.»

 

«Hoje é um marco histórico que vai ser lembrado e sentido nos próximos anos. Tem ínicio oficialmente a guerra civil. Não vai ser bonito de ver.»

 

 

Desabafos de fiéis devotos do presidente destituído e expulso,  num dos locais do costume.

(Eliminei desta antologia as expressões mais injuriosas e emendei erros ortográficos)

Só faltam cinco dias

 

Passaram toda a assembleia geral de sábado aos gritos, violando de forma grosseira os estatutos leoninos, com insultos ordinários a membros dos órgãos sociais. 

Recordo que os estatutos sancionam aqueles que se dedicam a «injuriar, difamar e ofender os órgãos sociais do Clube ou qualquer dos seus membros, durante ou por causa do exercício das suas funções». 

«Filho da puta, pede a demissão!», urraram vezes sem conta, visando o presidente do Sporting, Frederico Varandas.

Berravam «Bruno é o nosso presidente». Deixando claro que estavam ali em nova sessão de psicoterapia tribal, idolatrando o mais-que-tudo.

Sem saberem, prestaram um serviço ao clube. Com este comportamento arruaceiro, convenceram muitos sócios ainda indecisos a comparecer na reunião magna do próximo sábado. Para pormos de vez fim a isto.

Só faltam cinco dias.

Nada mais útil

Uma pequena legião de brunófilos - a que prefiro chamar brunóides ou brunecos - permanece activa nas redes sociais, que vão enchendo de calinadas ortográficas e erros gramaticais de palmatória. Em uivos saudosos pelo chefe do clã, há um ano defenestrado.

Nada mais útil: é bom que andem por aí. Para nos manterem de sobreaviso e unidos num ponto essencial: se nos descuidarmos, eles tentarão tomar o Sporting de assalto, confundindo-o com a Academia de Alcochete. Pois que clamem, que gritem, que urrem e barafustem: mais vale isso do que morderem pela calada. 

Não nos apanharão desprevenidos mais vez nenhuma.

Cada vez mais ressabiadas

4blackladiesgrece15.jpg

 

Enquanto decorria a final da Taça de Portugal, que terminou com a conquista deste troféu pelo Sporting frente ao FC Porto, na nossa melhor época futebolística desde 2002, as viuvinhas, cada vez mais ressabiadas e sempre letais, rabiscavam tontices como estas num dos recantos onde ainda se acoitam:

 

«Quando eu digo que os nossos centrais são medianos… chamam-me maluco.»

 

«O nosso meio campo é zero.»

 

«O Raphinha quase não ataca.»

 

«O Gudelj é um jogador muito burro.»

 

«Mathieu está pior depois de renovação.»

 

«O Raphinha e o Wendel andaram a descansar para quê? Não jogam um boi, muita picanha…. a bunda está pesada…»

 

«O Ilori é um nojo. Conseguiu ser pior que o limitado do Gaspar.»

 

«Bruno Fernandes traidor.»

 

«Não damos três toques seguidos na bola…»

 

«Somos uma valente MERDA…»

 

«Jogo fraco do Acuña.»

 

«Este Renan é um atrasado mental!»

 

«Não há meio campo e o careca não mexe. Só pode ser de propósito.»

 

«O k0 é fraquíssimo! É sempre mais do mesmo.»

 

«Este Caizero vale bbbooooolllllaaaa.»

 

«Enquanto continuarmos com esta postura de croquetes…. vamos ser roubados ano após ano… Será sempre muito mais difícil chegar aos títulos.»

 

«Alguém q me explique a entrada do Dost???? Para defender bolas paradas?????»

 

«Esta equipa está há sete meses para aprender a defender. O Keiser que vá pro caralho que o foda!»

 

«O Keizer não percebe bola desta merda… sem meio campo nesta segunda parte… que grande bosta.»

 

«És capaz de entender de críquete… agora de futebol?!!!»

 

«Treinador do mais fraco que há.»

 

«Oh Keizer, num jogo destes, sem bola, estares com dois PL quase iguais… percebes um boi desta merda.»

 

«Este gajo é atrasado mental, só pode! Não sabe mais. Um amador completo.»

 

«Começar uma nova época com o keiser é mais de meio caminho andado para novo falhanço.»

 

«Este Keiser não vale nada, não percebo como é que há Sportinguistas que, ainda, lhe querem dar mais uma oportunidade…»

 

«Não conheço ninguém que lhe queira dar mais uma oportunidade.»

 

«O nosso presidente até nos pode levar a conquistar a liga dos campeões… mas não consigo ouvir o gajo.»

No reino do Belzebu (parte 3 de ?)

belzebu.jpg

 

Como não há duas sem três, e enquanto a n.º 4 não aparece, cá venho eu mais uma vez deliciar-me com esta magnífica produção da IURB, aquelas viuvinhas que ficaram em estado de depressão profunda com o que aconteceu sábado no Jamor, apenas suavizado pelo enlevo com que olharam para aquela grande atitude na tribuna do seu novo herói, aquele que não é um banana qualquer mas um homem com eles roxos, Sérgio Conceição.  Ainda o convidam para membro.

Ora dizia eu em 29/04/2019, depois da recepção na Câmara aos Campeões Europeus do Futsal:

"Há muito que a Igreja Universal do Reino do Bruno nos tinha avisado, o Belzebu entrou no clube para fazer dele um nojo de mansos e croquetes, e vendê-lo ao pataco aos demónios ricos deste mundo, os J. Mendes, Sobrinhos e que tais, destruindo a herança do melhor presidente de todos os tempos, rei do Facebook e guerreiro sem medo (se não vai, é porque não pode).

Mas enquanto isso não acontece vamos pelo menos festejando um título europeu e apreciando uma festa na Câmara Municipal de Lisboa com toda a gente a festejar, no palácio e na praça, e sem um treinador triste, marginalizado e à beira do despedimento.

Sendo assim, siga o Belzebu."

 

Só me resta então corrigir o Europeu por Nacional e o PS que utilizei. Fica então (por enquanto) assim:

"PS: Com um grande agradecimento aos quatro treinadores referidos, Marcel Keizer, Paulo Freitas, Nuno Dias e Marco Silva."

E cá vou eu para a minha bananinha, muito rica em potássio...

SL

Ressabiadas e letais

4blackladiesgrece15.jpg

 

 

Enquanto decorria a maior goleada do Sporting fora de casa num campeonato nacional dos últimos 45 anos - e uma das nossas três maiores, na condição de visitantes, em toda a história do futebol leonino - as viuvinhas ressabiadas e letais, num dos locais onde se acoitam, iam rabiscando coisas como estas:

 

«No futebol não jogamos nada.»

 

«Não jogamos nadinha.»

 

«Este ano não contamos para o totobola.»

 

«Ou é impressão minha ou não estamos a jogar um charuto… contra 10.»

 

«Estamos a jeito de mamar um golo. Continuamos a jogar mal.»

 

«Os lampiões a pagarem a um redes de um adversário directo para estas situações parecerem normais.»

 

«Golo do Belém… Patético. Andamos a brincar com isto.»

 

«Nem contra 10 sabemos defender.»

 

«Nem defender nem atacar.»

 

«Mentalidade de merda e um gudelj.»

 

«O jogo está tão fácil que quem sabe o tamanco Gudelj ainda faz uma assistência para golo…»

 

«Este jogo contra o Belém espelha bem a nossa diferença para bemfic@ e porto.. chama-se ATITUDE!! Nem a possibilidade de chegar ao segundo lugar os motiva.»

 

«1-3 em carambola. Uma vez que a bola não ia para a baliza é golo do tamanco ou é o autogolo?»

 

«Vá, pronto, até o coiso marca. Afinal serviu para acordarem.»

 

«Para que serve? Vão para o marquês festejar o terceiro lugar!»

 

«Já vi jogos de solteiros vs casados com mais intensidade…»

 

«O resultado não espelha a exibição porque não foi por ai além.»

 

«Continuo a não ver futebol nenhum de jeito, mas há que festejar o terceiro lugar. »

 

«Quantas malas viajaram para Belém? Nem com o Gudelho numa forma do caraças se justifica…»

 

«Os novos donos do Benfica B de alvalade têm de arranjar uns resultados para disfarçar as equipas que contra a equipa A da Luz não correm para a cartilha dizer “há é equipas fracas” e afins…»

 

«Está visto que não há forma do Keizer ir embora. Vamos ter futebol escola Keizer até ao Natal.»

 

«As opções de Keizer continuam a ser rídiculas.»

 

«Péssimo domingo onde perdemos 2 campeonatos (ou no mínimo 1 e meio)…»

 

«Eram títulos a mais. Há que baixar a bitola, não é Varandas?»

 

«O Varandas é um cancro, ou vá, um cavalo de Tróia, sendo, de facto, um idiota útil.»

 

«Agora vivemos um pesadelo.»

 

«A bananagem poderá conseguir desfazer o Clube mas acabará esmagada.»

As viúvas continuam de luto

4blackladiesgrece15.jpg

 

 

«Vou ver o telejornal.»

 

«Renan é fdp.»

 

«Podia bem ser o último jogo deste frangueiro.»

 

«Viviano fez hoje mais um belo jogo.»

 

«Ohhhh fivelas…….. Onde anda o Viviano?»

 

«O Viviano põe o Renan no bolso.»

 

«Amadores de merda.»

 

«O Ruca não percebe nada disto.»

 

«Nem no regional se decide tão mal, parece que são amadores estes tipos.»

 

«Joga-se muito pouco… Como é que querem atrair público assim?»

 

«Não me permitem viver o meu clube como nos últimos 5 anos.»

 

«Esta direcção de merda já nem tem defesa possível. Matem-se croquetes bafientos.»

 

 

Comentários letais, num dos locais do costume, enquanto decorria o Aves-Sporting, que terminou com a terceira vitória fora da nossa equipa, o que não sucedia desde Setembro de 2017, e o nosso sétimo jogo seguido a vencer.

Os brunecos

img_920x518$2018_06_14_10_18_27_1409708 (1).jpg

 

 

Algumas alarvidades nas estrumeiras do costume:

 

«Se fosse o Bruno, eram os andrades a levar no focinho.»

 

«Bruno de Carvalho meteu a nu toda a podridão do futebol português sem nunca se vergar.»

 

«Ele é que sabia defender os interesses do Sporting pois punha os mafiosos em sentido.»

Os devotos da IURB

Não pagam quotas e gabam-se disso.

Insultam o presidente legitimamente eleito.

Assobiam e ameaçam os jogadores.

Anseiam por derrotas da nossa equipa.

Dizem-se adeptos do Sporting Clube de Portugal mas comportam-se a todo o momento como inimigos do Sporting.

Gostariam de ver o clube transformado em seita. A seita deles, IURB - Igreja Universal do Reino do Bruno.

Vivem ajoelhados, em perpétua adoração ao messias que lhes proporcionou cinco gloriosos anos de segundos e terceiros lugares, sempre abaixo do Benfica. 

Croquetes marados

Toda a gente saberá como se faz um bom croquete. Carne picada, cebola, alho, farinha, margarina, leite, mais uma coisa ou outra e vai fritar. Juntando à mistura uns pozinhos de coisas que rapidamente nos conduzem a realidades paralelas, temos uma mistura potencialmente explosiva. Pelo menos para quem a consome. E que não se apaga com cerveja. 

Vem isto a propósito deste post e dos comentários que originou,  https://www.facebook.com/elsa.tiagojudas/posts/631283553985834

Croquetes e Brunistas a mesma luta ? Com Bruno Mascarenhas a descobrir o caminho terrestre para o pote ?

A minha alma está parva...

SL

Os cães ladram... a caravana passa

Falar demasiado de pessoas em que o único objetivo é deitar abaixo tudo aquilo que é Sporting, é perdermos tempo. Não ligar, tentar ignorar, e deixar que o tempo apague definitivamente tanto mal que fizeram, penso que será amelhor atitude. Entrar em diálogo, quer aqui, quer noutros locais é valorizar gente que infelizmente não devia estar no nosso clube. 

Letais ao Sporting

imagesCP8UB8GS.jpg

 

Num dos sítios do costume, a propósito do Lusitano Vildemoinhos-Sporting que terminou 1-4, li as seguintes apreciações à equipa leonina, todas subscritas por anónimos Letais ao Sporting, chorosos adeptos do destituído:

 

«Adormeci entre os 15 e os 35 minutos da primeira parte.»

«Parecem uma equipa de solteiros contra casados.»

«Devemos ser a equipa que marca os cantos mais ridículos no mundo.»

«Este é o Sporting manso dos notáveis…»

«Bruno Fernandes parece um jogador do distrital.»

«Jogo miserável do traidor Fernandes.»

«Fernandes está a pedir sub-23 e ser vendido em Janeiro.»

«Começo a ter saudades do Alan Ruiz.»

«O Jovane é de um nível ligeiramente inferior ao Djaló.»

«O Bas este ano é só estaleiro. É despachar em Janeiro.»

«Jefferson… Renan... B. Gaspar… Diaby… Maus de mais!»

«Estamos péssimos de guarda-redes.»

«Para quando Viviano a titular?»

«Se até o Lumor já jogou porquê não dar uma oportunidade ao Viviano?»

«O Presidente proibiu os treinadores de colocar o nosso melhor guarda-redes e estamos a jogar com suplentes.»

«Quem é aquele senhor careca acompanhado por um indonésio no banco?»

«Kaizer a cumprir com o currículo. Em Fevereiro vai de vela como foi no Ajax.»

«Devíamos ter marcado mais de dez mas o pior foi o péssimo jogo que fizemos e a vergonha do golo que sofremos.»

«"O Mundo sabe que” teve um tempo e um espaço, um estádio inteiro a cantar a uma só voz, cheio de orgulho e paixão. Hoje isso não faz sentido algum.»

«Nota negativa para já, mas não vou fazer críticas.»

 

.......................................................

 

Com "apoiantes" como estes, o Sporting não precisa de inimigos.

Onde estarão eles?

Onde estarão os habituais anónimos que andavam aqui há cerca de seis meses, patrulhando as caixas de comentários, em glorificação permanente de Bruno de Carvalho?

Terão perdido os dispositivos electrónicos? Deixaram de ter acesso ao wi-fi? 

Começo a interrogar-me se, em vez de muitos, eles não seriam afinal só um.

Um recado às viuvinhas

Na época passada, com um treinador oito vezes mais caro do que José Peseiro, fomos incapazes de ganhar ao Braga.

Empatámos 2-2 em Alvalade, a 5 de Novembro, com um apático Jorge Jesus no banco, mandando sair Bruno César para a entrada de Alan Ruiz aos 89'. O empate surgiu no último suspiro do desafio, graças a um penálti convertido por Bruno Fernandes. 

Melhor, em qualquer caso, do que na época anterior, quando os minhotos vieram a Alvalade vencer por 1-0 na estreia de Abel Ferreira como técnico da equipa principal do Braga após ter sido afastado do Sporting B por Bruno de Carvalho.

Na segunda volta de 2017/2018, fomos à Pedreira perder também por 1-0, a 31 de Março. Com Piccini expulso aos 83' e Jesus, novamente assolado por dúvidas existenciais, a demorar oito minutos a mexer na equipa: só aos 91' entrou Wendel - em estreia absoluta, mais de dois meses após ter sido contratado - a três minutos do apito final, quando quase nada havia a fazer. Enquanto Bruno de Carvalho, no banco de suplentes, escrevia mensagens no Facebook em vez de ver o jogo.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D