Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Os sub-21

Ontem, no jogo dos sub21, apesar da vitória, o que vi foi:

- Jogadores: William Carvalho

- Com potencial: José sá, João Amorim, Rafa e Betinho

- Fraquinhos: André Gomes, Luís Martins e os dois centrais

- Os outros (não têm muito potencial, mas também não são tão fracos como os 4 anteriores): Sérgio Oliveira e Ivan Cavaleiro

 

Sobre os suplentes que entraram:

- É quase criminoso ter João Mário no banco, quando as alternativas são Sérgio Oliveira e André Gomes;

- Ricardo parece-me ser uma espécie de Douala português.

 

Rui Jorge que não se iluda com esta vitória porque, com aquela defesa e aquele meio-campo, principalmente, vai ter muitas dores de cabeça.

Taça de Honra

Isto não foi fácil, hã? Para mim, para eles foi melhor. Pensar que os que estão cá são uns, os de lá são outros, e lá estão alguns que há meses estariam cá. Pensar que não, não são os juniores, os Bs, os Bs é que eles são. Ainda estou em modo pré-pré-época e isto foi assim mesmo. 

Acompanhando os de lá com o Penarol, os de cá com o Estoril. Venceram todos, é o que é preciso. 

 

Podemos misturar todos, jogar mais com estes (ainda que eu acredite sempre nos outros) e ver o que dá? Já esqueci quem saiu, há gente ali que chegue e sobra assim o queira. Gostei de ver Betinho, Fokobo, Iuri Medeiros.  

 

Parabéns a estes miúdos, se há quem mereça são eles. Disse há uns dias que levavamos a nossa melhor equipa da época passada para jogar esta taça. Ainda bem que assim foi. 

Alberto Coelho chamado à posição nove

Digamos que Bojinov vai mesmo embora. De preferência num negócio que permita recuperar parte do capital investido - não peçamos a Lua quando podemos ter as estrelas... -, embora a forma como já se contabiliza os salários que não seria necessário pagar graças à rescisão seja um claro prenúncio de 2,6 milhões de euros defenestrados em dia de ventania. É improvável que se consiga arranjar substituto minimamente válido no mercado e a linha avançada ficaria entregue ao lesionado Wolfswinkel, ao enigmático Seba e ao inconstante Diego Rubio. Se assim for, que tal apostar na prata da casa? Nos juniores orientados por Sá Pinto evolui Gael Etock, vindo este ano do Barcelona, mas também Betinho, nome de guerra do internacional português Alberto Coelho, um jovem que tem faro e olhão para o golo. Às vezes precisamos de um salto de fé.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D