Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

O "reforço" que nunca foi

21645863_B3hfw[1].jpg

 

Apresentado por Frederico Varandas como grande "reforço" do Sporting para a temporada 2019/2020, o brasileiro Fernando acaba de ser devolvido à procedência: já partiu para a Ucrânia, de onde tinha vindo por empréstimo do Shakthar. Regressa à base deixando um rasto paupérrimo por cá: nunca jogou na equipa principal.

«Quero ajudar com títulos e bastantes golos», disse o rapaz ao chegar, a 2 de Setembro, enquanto exibia as tatuagens para o fotógrafo oficial do Sporting. Promessas infundadas: desembarcou com queixas de «descompensação muscular», agravadas por uma virose, e nunca pareceu verdadeiramente recuperado, participando só em seis jogos da Liga Revelação, com um mísero golito. No fundo, nada surpreendente: na época anterior, tinha actuado em 22 partidas pelo Shakhtar, limitando-se a marcar por duas vezes.

Quando se atravessou por ele há quatro meses, numa entrevista à Sporting TV, Varandas demonstrou estar pessimamente informado pelo seu director desportivo e pelo departamento de prospecção do clube. «O Fernando é um extremo que foi considerado dos melhores do campeonato brasileiro em 2016/17 e 2017/18. Foi uma revelação do campeonato brasileiro.» Palavras do presidente sem a menor correspondência com os factos.

No longo estendal de barretes enfiados na última década por sucessivos administradores da SAD leonina, este candidata-se a ser um dos maiores. Ao nível de um Spalvis, de um Meli ou de um Paulista. Parte da crise estrutural do Sporting evidencia-se logo aqui: qualquer perna-de-pau aterra na Portela de Sacavém para se exibir de verde e branco.

 

Leitura complementar:

Um mistério chamado Fernando, texto meu aqui publicado a 12 de Novembro.

"Megacraques" do antigamente

Vamos na quinta contratação neste defeso. Vietto e Luís Neto estavam assegurados há meses, Rafael Camacho e Rosier chegaram há dias. E ontem foi a vez de Eduardo Henrique, ex-Belenenses, ser apresentado aos adeptos.

O Sporting é claramente a equipa - entre as três maiores do campeonato português - que está a apetrechar-se com mais antecedência, fruto de um trabalho que nada deve ao improviso, proporcionando assim as melhores condições ao técnico Marcel Keizer para o arranque da pré-temporada.

Mesmo assim, tenho ouvido por aí críticas muito azedas à pretensa «falta de qualidade» dos novos reforços. Da parte da gente do costume, apostada em garantir que Frederico Varandas «nada percebe de futebol».

A esses críticos mais exaltados, que não escondem saudades do antigamente, limito-me a recordar a lista de "megacraques" contratados durante os cinco anos do consulado anterior. Uma lista certamente muito incompleta, que poderá ser ainda mais preenchida com o inestimável contributo dos nossos leitores.

Ei-la. Não por ordem de entrada em cena, mas por ordem alfabética.

 

Alan Ruiz
André Balada
André Geraldes
Aquilani
Azbe Jug
Barcos
Bruno Gaspar
Bruno Paulista
Castaignos
Ciani
Cissé
Douglas
Dramé
Enoh
Elias
Ewerton
Federico Ruiz
Heldon
Jatobá
Leonardo Ruiz

Lumor
Magrão
Marcelo
Markovic
Marvin
Matías Pérez
Mattheus Oliveira
Maurício
Meli
Misic
Naby Sarr
Naldo
Petrovic
Piris
Rabia
Rosell
Rúben Ribeiro
Ryan Gauld
Sacko
Schelotto
Shikabala
Slavchev
Spalvis
Tanaka
Vítor Silva
Viviano
Welder

Toca e foge

Titulos:

Benfica entra na luta com o Sporting por Gabigol (23 de Agosto)

Gabigol encontra no Benfica uma boa plataforma para relançar carreira na Europa (31 de Agosto)

Gabigol chega para fazer esquecer Mitroglou (1 de Setembro)

Gabigol não se adapta (4 de Outubro)

Gabigol pode regressar ao Inter (7 de Novembro)

 

Conclusão:

Mais um barrete no pré-fabricado. Este mal chegou a calçar as chuteiras.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D