Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Sempre alerta!*

Uma das grandes vantagens de já termos muitos anos de vida prende-se com a capacidade de conseguirmos evitar cometer os mesmos erros de outrora.

Neste sentido, e tendo em consideração as próximas eleições, estou ainda muito longe de dedicar já o meu voto.

Primeiro necessito saber quem vai a sufrágio, quais os seus projectos, quais vão ser as equipas que acompanharão cada candidato. Sem estas premissas, dificilmente assumirei, para já, uma escolha.

O Sporting necessita de uma nova filosofia para a sua vida plasmada obviamente do seu lema: “Esforço, dedicação, devoção e glória”.

Já todos percebemos que o tempo de viscondes simpáticos e honrosos passou. O nosso clube sofre hoje das mesmas maleitas de outros clubes e por isso não temos moral para os criticar. De todo!

Mas olhando para o actual Sporting seria bom que os candidatos respondessem, em sede própria, às minhas dúvidas e aos meus anseios com seriedade e assertividade de forma a não me defraudarem, como outros fizeram.

O primeiro ponto vai directo para as modalidades. Num ano em que fomos campeões em tantas, gostaria de entender o que pretendem fazer no futuro. Será bom que nenhum dos candidatos olvide que as modalidades, ditas amadoras, também fazem parte – e de que maneira – do ADN do Sporting.

A segunda ideia prende-se com o futebol e tudo o que gira à volta deste: jogadores, equipa técnica, médicos e fisioterapeutas ou direcção desportiva. Já para não falar nas decisões em sede da Liga de Clubes, onde temos a obrigação de estar devidamente representados por alguém que defenda os interesses do nosso clube.

A terceira dúvida relaciona-se com a comunicação. Já se percebeu que as redes sociais podem ser uma faca de dois gumes. Deste modo seria também simpático que os candidatos tentassem explicar o que lhes vai no pensamento nesta área tão importante.

Face ao que escrevi vou a partir de agora escutar as ideias, ler as propostas, estar alerta e reflectir.

Para depois decidir.

Pela minha cabeça… Como sempre fiz!

 

* Máxima do escutismo

21 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D