Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Rescaldo do jogo de hoje

Não gostei

 

De empatar em casa. Ainda por cima com o Tondela, último classificado no campeonato.

 

Da nossa primeira parte. Pálida exibição do Sporting - uma das mais fracas de toda a temporada. Pecámos por lentidão, displicência, alguma sobranceria própria de quem presumia serem favas contadas. Sem uma oportunidade clara de golo. Chegámos ao intervalo a perder 0-1.

 

Da expulsão de Rui Patrício. Forçadíssima, tanto mais que o jogador do Tondela ia já em evidente desequilíbrio quando ocorre o contacto físico com o nosso guarda-redes. Esta decisão do árbitro Luís Ferreira levou-nos a actuar só com dez jogadores durante mais de uma hora.

 

De William Carvalho. Voltou a falhar passes e a pecar por lentidão. Saiu ao intervalo.

 

De Ewerton. Regressou após lesão. Pareceu nervoso e desconcentrado.

 

Do espaço que oferecemos ao Tondela atrás da nossa linha defensiva. A equipa beirã teve autênticas avenidas ao seu dispor. Numa dessas ocasiões, já quase no fim do encontro, aproveitou para empatar a partida.

 

Da ausência de Paulo Oliveira. Hoje ficou provado, sem a menor dúvida, que o internacional português é um pilar fundamental da nossa equipa. Com ele ausente, tudo corre menos bem.

 

Da substituição feita a dois minutos do fim. Jorge Jesus fez entrar Carlos Mané - após longa ausência - já no tempo extra da segunda parte, como se quisesse segurar o resultado. Ninguém percebeu.

 

 

Gostei

 

De meia hora na segunda parte leonina. A jogarmos com menos um, tivemos uma alucinante sucessão de lances de ataque, em pressão alta, que nos valeram dois golos. Faltou mais um.

 

De Gelson Martins. Substituiu William após o intervalo e a sua entrada em campo fez toda a diferença. Imprimiu velocidade, consistência e qualidade à nossa equipa, baralhando por completo as marcações do Tondela. E teve uma rara felicidade, mais do que merecida: aos 60' coube-lhe apontar o nosso segundo golo. O golo cinco mil do Sporting em toda a história do campeonato nacional de futebol.

 

De Slimani. Voltou a marcar, pelo quarto jogo consecutivo e pela 14ª vez neste campeonato. Culminando a mais bela jogada do desafio - excelente trabalho de equipa iniciado com uma recuperação de bola por Naldo e prosseguido por Gelson, que desmarcou Adrien, que serviu João Mário, que fez a assistência ao argelino quando iam decorridos 54'. Brilhante.

 

De Bryan Ruiz. Uma vez mais, grandes apontamentos técnicos do avançado da Costa Rica. Que esteve quase a marcar, aos 56', já com o guarda-redes adversário batido. Valeu ao Tondela o desvio de cabeça feito in extremis por um defesa.

 

Do ruidoso apoio nas bancadas à nossa equipa.  Mais de 36 mil espectadores em Alvalade. Nem o facto de o jogo ser contra o último fez esmorecer o interesse dos adeptos.

 

De continuar na liderança. Iniciamos a segunda volta como terminámos a primeira: no comando do campeonato.

48 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D