Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Reflexões sobre o Sporting (7)

green-carpet[1].jpg

 

Autor convidado: Francisco Manuel Figueiredo

 

As modalidades, o seu "prejuízo" e o "jornalixo"

 

Algum dia fomos tratados, na generalidade da Comunicação Social, de forma condigna, isenta e verdadeira?

Tanto quanto me lembro, e naquilo que é importante, não!Não devia, então, estranhar os tempos que correm e a prática de alguns meios de um conhecido grupo de comunicação. Desde 15 de Maio, então, é o total e completo “fartar vilanagem”...

Vem isto a propósito do mais recente (no momento em que escrevo...) "saco de carvão", oferecido pelo CM a propósito das modalidades do nosso Clube e do seu pretenso prejuízo. Admito, para adiantar, que haja prejuízo nas modalidades e que esse prejuízo seja o que vem referido (à volta de cinco milhões de euros). Gostava que o Sporting garantisse saldo zero nos seus exercícios. Ou que, melhor ainda, garantisse algum saldo positivo que permitisse melhorar as condições das modalidades. Mas não é nada disso que está aqui em causa. Se o pasquim estivesse verdadeiramente interessado no assunto, faria um retrato geral e não se fixaria apenas no Sporting Clube de Portugal.

Com esta "revelação" o pasquim persegue dois objectivos:

O primeiro é o geral – denegrir, apoucar, menosprezar o nosso Clube;

O segundo é mais refinado, mas para mim tão evidente como o primeiro – ajudar uma das sete candidaturas em presença, "por acaso" aquela protagonizada por quem de há muito vem sustentando que o Sporting deve ser um clube de futebol e que tudo o resto é "palha" que estorva.

 

Não é preciso ler nem ver (o pasquim e a tv em causa). Basta passar os olhos, gastar poucos segundos, para perceber o guião.

Basta olhar para o calendário dos debates anunciados (entretanto contestados por duas candidaturas, pelo menos) para perceber quem é clara e escandalosamente beneficiado, quem é, no fundo, o candidato daquele grupo de comunicação: José Maria Ricciardi, a eminência parda de muitas direcções anteriores, o homem que se diz por trás da maioria das operações financeiras, alguém especialista em números, alguém que, arrisco escrever, sente o Sporting como um negócio e que, portanto, jamais perceberá o que os adeptos e sócios sentem, pensam e desejam.

 

Desde que me lembro (e vão lá mais de cinco décadas), o Sporting é o clube das modalidades: do futebol como do ciclismo, do andebol como do ténis de mesa, da natação como do voleibol, do futsal como do bilhar… do Joaquim Agostinho, do Carlos Lopes, do Bessone, do Damas, do Pedro Miguel, do Rendeiro, da Carla Sacramento, do Benedito, do João Roque, do Fernando Mamede, do Brito, do Carvalho, do Livramento, do Francis Obiqwelu, do Leonel Miranda, do José Carlos, do Rui Silva, do Hilário, da Patrícia Mamona, do João Morais, da Vânia Silva, do João Matos, da Irina Rodrigues, do…, da… da…, tantas e tantos que ostentaram e ostentam o mesmo emblema que Peyroteo e Francisco Stromp, Luís Figo e Cristiano Ronaldo.

 

Somos isto!

Somos este ecletismo, este esforço para apoiar quem pratica outro desporto que não o futebol.

Somos um dos mais titulados clubes da Europa e do Mundo e não o somos pelo futebol.

Somos muito mais que futebol!

Somos e queremos continuar a ser!

Sem loucuras, mas sem perder de vista o desígnio que presidiu à fundação do nosso Clube que temos obrigação de respeitar, honrar e continuar. Tão grandes como os maiores da Europa!

 

FRANCISCO MANUEL FIGUEIREDO

Sócio n.º 8.770

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D