Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Que notícia triste, Jérémy Mathieu

Isto é terrível, Jérémy Mathieu. Um central da tua qualidade termina a carreira longe do Estádio de Alvalade, de preferência cheio de adeptos em tua honra, dispostos a suspender a discórdia que tomou conta do Sporting.

 

21844672_aTEQP.jpeg

 

Do futebolista não há muito mais a dizer, embora a forma abnegada como serviste de engodo para o livre certeiro de Jovane Cabral simbolize a vontade de ajudar os outros e a equipa.

Contratado ao Barcelona, tudo fizeste para que o Sporting ganhasse títulos. Conseguiste uns quantos, mas não o mais importante. Ainda assim, o momento que te define é o pós-ataque a Alcochete, no qual foste um dos homens firmes no meio de miúdos assustados e rotinados oportunistas. Tu que não foras nascido e criado no clube, mas que tiveste em consideração o Sporting e os seus adeptos, mais do que uns punhados de vândalos promovidos a terroristas ou um presidente em rota de colisão com o plantel.

Honraste a camisola do primeiro ao último jogo, mesmo quando falhaste, e num mundo perfeito ficarias mais um ano a fazer a transição tranquila para novas gerações.

Duvido que o Sporting possa manter o terceiro lugar reconquistado no desconfinamento sem a tua presença na linha defensiva. Mas isso pouco importa perante o golpe injusto que termina a carreira de quem ainda muito teria a dar ao clube, aos adeptos e ao futebol.

É mesmo uma notícia muito triste, Jérémy Mathieu. Mas és muito maior do que isto que te aconteceu nesta quarta-feira, demasiado longe do estádio onde tantas vezes te aplaudi de pé. Quero acreditar que um dia te encontrarei por lá e poderei resumir tudo isto no pouco francês que me resta na memória.

16 comentários

Comentar post

{ Blogue fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D