Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Os mais desatentos…

… que por aí andam, por certo com uma medíocre cultura futebolística, propalam a sete ventos que a escolha, interina, do novo treinador do Sporting é uma imitação de um qualquer outro clube português.

Esquecem-se dos vários exemplos que houve no Sporting de técnicos que fizeram este trajecto, ao contrário desse qualquer outro clube que, tanto quanto me recordo, creio ter sido a primeira vez. Sim, não me recordo de nenhum, pelo menos nestes últimos anos!

Se a propalação desta ignorância por anónimos nas caixas de comentários poderá ser considerada normal, pois aí prolifera muita mentira – “fake news” ou “alterative facts”, como agora se diz -, é triste quando é proferida por alguém que deveria saber um pouco mais a história do desporto português pois este é, afinal de contas, o seu ganha-pão!

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    JGreg 05.09.2019

    Não é inédito em nenhum clube, muito menos no slb. Assim de repente e sem vasculhar, lembro-me do Mário Wilson e do Chalana pegarem na equipa depois de despedimentos de treinadores a meio da época.

    A história dos treinadores interinos é uma falsa questão; quando se despede a meio da época e até haver uma solução, alguém tem que pegar na equipa, normalmente um adjunto da equipa despedida que não sai ou então um treinador das camadas imediatamente anteriores. A partir daí depende: se corre bem, assegura o resto da época; se corre muito bem, fica; se corre mal/menos bem, é mesmo interino e avança o processo de recrutamento rápido de uma solução.

    Nada disto é novidade no futebol; esta história da solução à "Bruno Lage" é mais uma parvoíce dos jornaleiros da comunicação social.

    JGreg
  • Imagem de perfil

    Pedro Oliveira 05.09.2019

    Nem mais, caro JGreg, lembro-me de uma época em que Chalana substituiu Camacho e após uma fantástica recuperação conseguiu que o Benfica terminasse em quarto lugar.
    Hoje com Luís Filipe Vieira, com a inoperância do sistema judicial português, com a inoperância da justiça desportiva da república portuguesa, não tenho dúvidas que Chalana teria sido campeão.
    Como diria outro grande português (também conhecido por usar um tapa olho):
    - Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D