Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Os bravos do stick

transferir.jpg

Quando era miúdo e as verdadeiras tardes desportivas davam na RTP 2, ao sábado e domingo, consumia tudo o que envolvia o Sporting: jogos de andebol, basquetebol, voleibol, crosse das amendoeiras e outras corridas de atletismo, e, claro está, o hóquei em patins.

Foi, por isso, com imensa tristeza que vi o Sporting, no mandato de Pedro Santana Lopes, extinguir algumas das suas mais valorosas modalidades e que contribuíram, decisivamente, para a minha sportinguização. O ecletismo é o ADN do Sporting e resumir o clube ao futebol é redutor.

Ao longo dos últimos anos, vibrei com o anúncio da recuperação de modalidades históricas na vida do clube, ainda que sob a forma de secção autónoma. Foi o caso do hóquei em patins (duas vezes), do basquetebol (ainda que na vertente feminina) ou, mais recentemente, do rugby.

O Sporting do século XXI vai sendo forjado através das suas modalidades, e quantas mais puderem ser embaixadoras das nossas cores pelo país fora e além fronteiras, tanto melhor.

No passado sábado, assisti em casa, deliciado, ao jogo de hóquei que opôs o Sporting ao Óquei de Barcelos. Foram 50m em que o pavilhão, praticamente esgotado, fervia num ambiente de grande entusiasmo e apoio à equipa leonina.
Quem ouvisse o som que vinha do pavilhão do Livramento, não olhando para as imagens, concluiria, numa primeira impressão, estar perante um jogo de futebol, em Alvalade. Não era, porém, esse o caso.

O ambiente fantástico que envolveu o jogo de hóquei fez recordar, para os mais saudosos, as grandes tardes desportivas na Nave de Alvalade.

Quanto ao resultado, o Sporting, depois de estar a vencer por 3-0, deixou que a equipa barcelense reduzisse para 3-2 (não vos faz lembrar algo?), no entanto, a turma comandada por Nuno Lopes voltaria a adiantar-se no marcador, fixando o resultado final em 4-2.

O Sporting reforçou-se muito no hóquei para esta época. Tem a melhor equipa sénior desde as suas últimas participações na 1.ª divisão. Os bons resultados que vem conseguindo, e que para já a colocam em 3.º lugar a 3 pontos de Benfica e Porto, têm entusiasmado bastante os adeptos (de que o tal ambiente fervoroso no pavilhão do Livramento é reflexo).

Muitos, onde me incluo, gostariam que esta onda verde de bons resultados só acabasse no 1.º lugar, no final da época. No entanto, este ainda não é o ano do "título" para os hoquistas leoninos, pelo que mais do que exigir um lugar para o qual não se está a concorrer, importa estabelecer as bases fundadoras de uma equipa que se quer a liderar o panorama hoquista nacional nos próximos anos.

De qualquer modo, dá um imenso gozo ver o Sporting posicionado muito perto do 1.º lugar.

1 comentário

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D