Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

És a nossa Fé!

Obrigado, Marega

Com a sua atitude no jogo de Guimarães, contra tudo e contra todos, inclusive treinador e jogadores da própria equipa, o maliano "preto como breu" (como se dizia noutros tempos), mas tão pessoa como eu, conseguiu dar uma grande pedrada no charco da podridão que existe no futebol português.  

Pedrada no charco, porque põe a nu a mediocridade dos regulamentos do futebol português e o desleixo das entidades que os aplicam, a começar desde logo pelo árbitro que até conseguiu mostrar um cartão amarelo ao maliano, ou a atitude cobarde dos dirigentes reféns de claques.

Acredito que o futebol português não é racista. O maior ídolo do Benfica é Eusébio, no Sporting veneramos Rui Jordão, Oceano foi o nosso capitão muitos anos, na tourada era o Chibanga, o Guimarães tem lá o Neno como director desportivo. O problema não está aí. No plantel do Sporting temos brancos e negros, o rapaz mais promissor de Alcochete é bem negro também. 

O problema, penso eu, está nesta conjunção de interesses entre as autoridades judiciais e policiais que tem entendido que o futebol é um mundo à parte onde quase tudo é permitido,  e os ultras integrando as claques ou "à paisana" (casuals) que se julgam donos dos clubes e moralmente acima de dirigentes e praticantes. O tal "O clube somos nós". Se depois a vítima do dia é negra, lá virão os cânticos "de macacos" ou as bananas para o campo, se for outra coisa qualquer (cigano, asiático, homossexual, rato traidor, marreco ou coxo), lá virão os cânticos adequados à situação. Ou umas tochas a bombardear. E se as vítimas ripostarem e porventura ofenderem as mães deles, está montada a cena para assaltos terroristas aos centros de treinos ou emboscadas em zonas escuras. 

Agora que os políticos estão a perceber a dimensão do problema, até pela vergonha nacional que representou a saída de campo do Marega, e que vão ter de fazer mais do que ir ao estádio e ver um grande jogo como convidados, espero que o castigo ao clube em causa seja exemplar, porque só assim as coisas irão mudar. Mas também que exista gente identificada que nunca mais possa entrar num campo de futebol.

Não ao racismo !

Não à escumalha das bancadas !

SL

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D