Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

O país dos minis

Não, não é qualquer tipo de propaganda à marca de automóveis.

É mesmo a constatação de algo que é muito português e provavelmente estará tão enraizado, que nem daqui a dez gerações (mais ou menos 250 anos) se verá vislumbre de mudança.

Reparem que só há poucos dias tivemos uma ameaça de tornado. Até aí, fomos tendo alguns mini-tornados; Umas mini trombas de água, já tivemos mini-fenómenos atmosféricos, tudo em pequeno, mixuruca como dizem os brasileiros. Tivemos uma coisa em grande, mas lá está, já lá vão dez gerações, em 1755, e mudou muito pouco desta mentalidade pequenina. Não fora o Marquês e...

Então como nunca tivemos qualquer fenómeno terrorista (inch'allah, graças a Deus, o que queiram conforme as religiões que professem), vá de encontrar um mini-atentado terrorista, para que lá fora nos vejam como um país actual e civilizado (sim, porque não há país civilizado que se preze que não tivesse já o seu - verdadeiro - atentado terrorista) e os espanhóis não nos gozem, que eles já tiveram aquela coisa de Atocha que foi tudo menos "chata" e viveram a braços com a ETA dezenas de anos. Terrorismo à séria, do qual alguns de nós, pelos vistos, temos alguma inveja. Podem dizer-me que nós tivemos a FLA. É pá, mas isso não passou dum grupo de rapazes que queria vir para o continente mandar alguma coisa! Então e o MIJA? Pessoal, isso foi uma algaraviada tonta, que não passou de uns encontros onde se comia polvo grelhado e muxarra. Então, pensou aí um senhor doutor juiz, excelência, "que diabo, se tivemos já tantos mini-qualquer coisa, que tal ter um mini-atentado terrorista? Seremos a partir de agora encarados com outros olhos. Já podemos vangloriar-nos de que também já tivemos o nosso atentado terrorista e isso já nos dá o estatuto de grandes e um alvo importante da jihad ou do daesh" ou carapau a sete como se chama àquela malta dos atentados verdadeiros, aqueles que matam mesmo, não apenas desmoralizam, já sou eu a dizer...

Destas detenções de Domingo, que pelo dia só podem lembrar ao Diabo, eu acho que só levaram o Mustafá porque tem uma cor assim para o escuro e no ambiente carregado do calabouço, passa muito bem por um iemenita ou um marroquino (do sul, claro!), e o Bruno por causa daquela barba ridícula que ele teima em usar para se armar em Bin Laden de Telheiras e que se veio a provar lhe prejudica muito mais que a imagem.

Realmente, não deixando de ter a opinião de que os bandalhos que actuaram de forma criminosa em Alcochete deverão ser punidos de forma exemplar pelos órgãos do clube, os que forem sócios, bem como a claque a que pertencem, devendo também ser alvo de mão pesada, dentro dos limites que a Lei prevê, os máximos se possível e não for pedir muito, pela justiça, por favor, não caia ela, a justiça portuguesa, no ridículo, no ultrage e abjecta provocação a quem realmente foi vítima de ataques terroristas em Madrid, em Londres, em Paris, em Nova Iorque, em Nice, em Munique e outros locais onde muita gente foi vítima, alguns de forma terminal (terminal é morrer mesmo, para quem tenha alguma dificuldade cognitiva), de terroristas. É que estes que pensaram, mandaram e assaltaram Alcochete serão tudo o que lhes queiram chamar:  Arruaceiros, drogados, traficantes, gatunos, aproveitadores, desocupados, delinquentes, contumazes, paneleiros, filhos da puta, lampiões, cadastrados. Terroristas? Terroristas não!

53 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D