Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Missão cumprida

Missão cumprida na Hungria, frente a uma autêntica selecção de sarrafeiros, que parecia jogar mais com os cotovelos do que com os pés - ensanguentando as caras de Pepe e Cédric. O jogo não foi bonito, mas o que interessava era a vitória. Conseguida aos 48', com golo de André Silva e assistência de Cristiano Ronaldo. Passamos a depender apenas de nós próprios para atingirmos o Campeonato do Mundo de 2018.

Destaque para o facto de a selecção nacional ter entrado hoje em campo com três jogadores titulares do Sporting (Rui Patrício, Fábio Coentrão e Gelson Martins) e outros três formados na Academia de Alcochete (Cédric, João Moutinho e Ronaldo). A melhor escola futebolística do País e uma das melhores da Europa.

6 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 03.09.2017 22:28

    A última coisa que me interessa, após esta vitória tão difícil e tão decisiva da selecção portuguesa, é comentar comentadores.
    Isso são 'píners', como dizia o outro.
    Festejemos a vitória. E preparemo-nos para aplaudir a selecção no próximo ano no Mundial da Rússia.
  • Sem imagem de perfil

    O Cid 03.09.2017 23:16

    Duvido muito que esta selecção se apure directamente para o mundial.
    Pensando melhor, tenho a certeza.
  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 03.09.2017 23:30

    Vocês diziam o mesmo durante a campanha para o apuramento do Euro 2016. E já com a selecção em França andaram todo o tempo a repetir isso. Até à náusea e até à final que Portugal venceu.
  • Sem imagem de perfil

    O Cid 04.09.2017 00:02

    Olhe, P. Correia.
    Se pensa que é má vontade minha ou despeito pela vossa academia, acredite se quiser mas não é nada disso.
    Foi preciso as Ilhas Faroé jogarem contra Portugal para marcarem um golo.
    E hoje a jogarem contra dez, as duas melhores ocasiões de golo foram da Hungria. A primeira logo a seguir ao golo de Portugal, e segunda já nos descontos.
    Depois do jogo contra a Suíça voltamos a falar. Se não falarmos antes depois do jogo contra Andorra.
  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 04.09.2017 00:07

    Que tem as Ilhas Faroé terem marcado um golo num jogo em que Portugal venceu por 5-1?
    Não vi nenhuma oportunidade de golo para a Hungria. Vi, isso sim, os húngaros jogar muito com os cotovelos. Tanto quanto sei, os cotovelos não marcam golos.
    E a propósito de golos: nesta campanha de apuramento para o Mundial a selecção nacional já leva 28 golos marcados. Nada menos que isto. Metade são do Cristiano.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D