Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Memórias de Peyroteo (31)

<<

 

«PORTUGAL - ESPANHA

Portugal, 1 - Espanha, 1

Estádio Nacional 20-3-49

 

Equipa Portuguesa: - Barrigana; Virgílio, Felix e Serafim; Canário e Francisco Ferreira; J. Correia, Vasques, Peyroteo, Travassos e Albano.

 

No Jornal “A Bola” de 21-3-49, acerca deste Portugal - Espanha, Ribeiro dos Reis escreveu o seguinte:

“O encontro de ontem no Estádio Nacional foi um autêntico jogo de “Taça” a eliminar, em que a vitória se busca por todos os processos, legais ou ilegais, aceitáveis ou condenáveis. Houve de tudo: a entrada violenta ou com o pé ao alto para magoar; a agressão clara a pontapé, depois da bola já passada: “queimar” tempo com bolas para fora do rectângulo, provocar a demora na execução dos castigos, não se colocando à distância regulamentar; ficar estendido no rectângulo, a simular acidente grave, para gastar tempo ou enganar o árbitro sobretudo em lances desenrolados na área de grande penalidade. Houve, até, descortesias, perfeitamente dispensáveis quando dos lançamentos da linha lateral. Em ambiente desta natureza, não é possível jogar bem”.

Não me parece necessário acrescentar muita coisa - ou mesmo nada - ao comentário do distinto jornalista Ribeiro dos Reis e meu prezado amigo. Em poucas palavras ficou tudo dito. Sim, porque dum jogo em que impera a maldade e a descortesia, apenas se deveria exigir uma derrota para cada equipa.

Enfim, um encontro para esquecer !!!

Fui eu o autor do golo do “team” Nacional. De resto… nada mais fiz digno de registo neste Portugal - Espanha de péssima recordação … E como foi este o meu último jogo internacional, não poderei dizer que fechei com “chave de ouro” a minha carreira na equipa das “cinco quinas”…»

 

In: Peyroteo, Fernando - Memórias de Peyroteo. 5ª ed. Lisboa : [s.n.], 1957 ( Lisboa : - Tip. Freitas Brito). p 203

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D