Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Hoje giro eu - Ganhar o que está à mão, perder o que está ao pé

Quando temos um treinador de andebol, de seu nome Hugo Canela, que transforma os 10(!) jogos de Champions mais a pré-eliminatória numa oportunidade para o crescimento competitivo da equipa - nunca dando relevo ao cansaço daí decorrente - , quando um treinador de voleibol, Hugo Silva, pega numa babilônia de jogadores, muito deles veteranos, cansados de duras batalhas anteriores, e fazendo das fraquezas forças se sagra campeão - nunca valorizando o facto da equipa treinar em Fiães, no Norte do país, só se deslocando a Lisboa para os jogos - , quando tudo isto acontece, dizia, acrescido do ênfase de ambos os treinadores em dar mérito aos jogadores, fica claro porque falhamos consecutivamente no futebol. É só fazer aquele passatempo de ‘descubra as diferenças‘... 

 

#savingprivateryan

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Verde no Branco 07.05.2018

    Caro JHC já falei aqui nisso mesmo e portanto concordo em absoluto.
    O dinheiro tira humanidade. Neste caso o futebol tem muito menos humanidade que as outras modalidades.
    Sinal de tudo isto foram as reações dos CAMPEÕES no volei, no futebol feminino e nos andebol que acompanhei de perto na nossa tv.
    No futebol os atletas amuam, nas outras modalidades sentem o desafio.

    Será como diz e o futebol está destinado à extinção? Ou será um golf ou ténis das elites?
  • Sem imagem de perfil

    JHC 07.05.2018

    Também acho que o dinheiro retira humanidade e algum do carácter lúdico com que foi criado o futebol.
    Vimos as queixas das equipas europeias(Salzburgo e Roma a cabeça) quanto à qualidade das arbitragens que resultaram em finais "apetecíveis" aos cofres da UEFA.
    Em relação às modalidades já o Pedro Azevedo sugeriu uma maior sinergia entre as modalidades ditas amadoras e o futebol.
    Também tenho a opinião que a aproximação entre atletas, e também adeptos, retira este sentimento elitista do futebol e aumenta o sentimento de pertença a uma só e grande família Sportinguista.
    Achei fantástica a autorização da abertura dos portões do Pavilhão João Rocha para a comemoração dos adeptos com os jogadores de andebol.
    Uma grande alegria para muitos dos nossos jovens que guardaram uma selfie com os atletas como recordação de uma tarde que não irão certamente esquecer. SL
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D