Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Hoje giro eu - Almoço de "jaquinzinhos" (G15)

O G15 - nome copiado do célebre movimento de um grupo de países não-alinhados com a Nato ou Cortina de Ferro, representativos da América do Norte e Sul, África e Ásia - fez aprovar, em AG da Liga, um conjunto de medidas que, na opinião de um dos líderes do movimento, o presidente bracarense António Salvador, foram históricas para o futebol português. 

Faço a minha declaração de interesses: acho que uma das soluções para a crise do futebol português passa por uma maior competitividade da Liga e, nesse sentido, tenho alguma simpatia por projectos que impulsionem um reequilíbrio de forças. Por isso, tive a curiosidade de ir lêr as propostas aprovadas nessa "célebre" Assembleia Geral. Acabei a concluir que a "montanha pariu um rato". Assim, tirando um desagravamento de umas inexpressíveis taxas televisivas - estamos a falar de 2500 euros - e de uma exigência de equidade na disponibilização de câmaras no visionamento dos jogos, medidas sem qualquer expressão, nada de relevante foi decidido que se perspective possa promover um novo equilibrio no futebol português. De facto, mesmo o limite imposto de cedência temporária de jogadores (6 dentro da mesma competição, 1 por clube) não irá resolver o problema de aglutinação dos melhores jogadores pelos "3 grandes", os quais facilmente contornarão esta medida através de vendas com acordo de recompra, o que, permitindo a esses jogadores defrontar o seu emblema de origem, até se prestará a uma maior suspeição, agravada pelo facto de ultimamente assistirmos a compras em pacote a clubes pequenos, alegadamente para resolver problemas de tesouraria destes. Algo substancial como a exigência de uma centralização na negociação dos direitos televisivos, mecanismos de compensação dos clubes mais pequenos, tectos salariais, limitação do nº de contratações ou imposição de um número mínimo de jogadores (por plantel) provenientes da Formação, nada.

O que esta reunião pareceu promover foi o ego e o desejo de afirmação do presidente bracarense, António Salvador. Além de ter insinuado que Porto e Sporting tentaram coagir a votação - algo prontamente negado pelo presidente do Belenenses -, Salvador teve o seu tempo de antena e ainda acabou a elogiar a postura do Benfica (depois de criticar Porto e Sporting), o que para quem quer percorrer um caminho independente não está nada mal, não senhor...

Estarão os "jaquinzinhos" a serem "comidos de cebolada" ou, como é mais usual, andarão acompanhados por arroz de tomate?

De resto, ingenuamente para alguns dos envolvidos ou não, o que marca esta reunião é a aprovação de uma alteração do ponto 2 do Regulamento Disciplinar, artigo 39º, que parece ter sido feita à medida da punição do presidente leonino, Bruno de Carvalho, quando enuncia que os presidentes dos clubes, a partir da 3ª suspenção numa época desportiva, deixam de poder marcar presença nos estádios onde a sua equipa actua. Um "must", um atentado às liberdades individuais!

JAQUINZINHOS.jpg

 

5 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Valdemar 30.12.2017

    Ó Simão, olhe que o seu estadista orelhas está a começar a sentir a corda a apertar. Corrupção, coação, tráfico de influências... A segunda é já ali. Para quem não é incendiário do futebol português, não está nada mal...

    Portanto, prefiro um presidente que "olha para o mundo através do facebook", do que um que, no fundo, é mais que um mero Vale e Azevedo.

    Estamos aqui para ver tudo aquilo que vocês merecem, acontecer-vos.
  • Sem imagem de perfil

    Simão 30.12.2017

    «Corrupção, coação, tráfico de influências [no Benfica]... » não passam de sonhos molhados de alguns frustrados por tantos anos derrotas.
    Corrupção, coação, tráfico de influências... existiram em clubes cujos vice-presidentes mandavam depositar dinheiro na conta de árbitros, pagavam "quinhentinhos", ofereciam "fruta de dormir" e "café com leite" a árbitros amigos, pagavam férias no Brasil e árbitros e suas famílias, etc.
    Corrupção, coação, tráfico de influências... no Benfica, não há um único FACTO que o comprove.

    Até a forma como foi feita a denuncia anónima para dar título a um pasquim da nossa praça e assim aumentar o alarido dos incendiários, mostra bem como os tais clubes (onde existiram factos comprovados de corrupção), agora amancebados, se comportam. Desde logo porque dos 4 jogadores denunciados 2 não jogaram e os outros 2 "comprados" para perder, foram SÓ os melhores jogadores do Rio Ave. O desespero é tanto que já nem se preocupam com os pormenores. Ou, como diria o poeta, Para a mentira ser segura e atingir profundidade, tem de trazer à mistura qualquer coisa de verdade....
  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 30.12.2017

    Pois, incendiário não é quem cria uma cartilha para difamar pessoas. Muito credivel, Simão, sempre muito zeloso, aliás fazendo jus ao seu nome. Mas, isso que você aqui traz é desconversar. Eu repudio o que PPC fez, aliás uma vasta maioria de sportinguistas também. Mas, você sabe que isso não foi corrupcao, mas sim denúncia caluniosa. Foi assim que o Tribunal definiu o acto. De qualquer forma, condenável, como qualquer pessoa do bem avaliar o que está nos e-mails. Crime ou não, do ponto de vista ético é execrável. O advogado do seu clube até já admite que isoladamente alguns casos podem configurar tráfico de influências, veja bem.
    Tudo isto é muito bonito (ou não), mas não é o ponto. O ponto é se queremos um futebol limpo ou não , doa a quem doer, seja sporting, Benfica ou Porto , nas isso a si não lhe interessa nada, pelo que se torna uma perda de tempo discutir o que seja consigo.
  • Sem imagem de perfil

    Simão 30.12.2017

    «O advogado do seu clube até já admite que isoladamente alguns casos podem configurar tráfico de influências, veja bem»
    O advogado do meu clube disse duas coisas: não há corrupção nem tráfico de influencias naquilo que conhece. Acrescentou ainda que a linguagem de alguns mails poderia indiciar a existência de tráfico de influências (e deu o exemplo do "temos de acabar com a nota" de um árbitro), mas que analisados os factos sequentes se verifica que não existiu qualquer irregularidade.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D