Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Fernando "Il tifoso" Mendes

22035419_mygQa.jpeg

 

Com a concorrência dos canais televisivos no que ao futebol diz respeito surgiu uma nova classe de protagonistas, algures entre os jornalistas e os funcionários: os comentadores desportivos afectos aos clubes.

Logo alguns clubes tentaram distorcer o debate através do coaching ou da entrega regular de  guiões ou cartilhas aos comentadores afectos, destacando-se nesse aspecto o Benfica e a "cartilha do Janela". Por outro lado, alguns dos comentadores menos alinhados com as direcções dos clubes respectivos logo aproveitaram o tempo de antena para lavar a roupa suja dos mesmos, e alguns "sportinguistas" nesse aspecto "pintaram a manta".

Entre uns e outros são mesmo raros os tais comentadores que pensam pela sua cabeça, e que transportam para o ecrã um genuíno e desinteressado amor clubista.

Fernando Mendes nasceu na terra do seu amigo Paulo Futre e chegou a defesa esquerdo da equipa A com 18 anos, tal como o Nuno Mendes. Também ele tinha um estilo de jogo vibrante e empolgante. Saiu do Sporting quatro anos depois com 115 jogos realizados, tendo representado depois vários clubes: Benfica, Est. Amadora, Boavista, Porto, Belenenses e outros, digamos que foi um saltimbanco do futebol português. A sua vida pessoal também conheceu altos e baixos, toda uma história que registou num livro que ainda não tive oportunidade de ler.

Ao contrário de Paulo Futre, um "cidadão do mundo" que julgo saber se mantém sócio do Sporting, o Fernando Mendes, na caracterização que dele faz Futre, "só vê Sporting", é um verdadeiro "tifoso".

Várias vezes vi os dois amigos entrar com estatuto VIP no tempo de Bruno de Carvalho no átrio central de Alvalade rumo aos elevadores que os iriam conduzir ao camarote presidencial. Depois do assalto a Alcochete, parece que as relações entre eles esfriaram, como esfriaram as do ex-presidente com muita gente desse tempo, que se atrevia a dizer o que ele não gostava de ouvir. Pouco tempo depois da destituição, Fernando Mendes já era "persona non grata" dos brunistas, e perseguido de diversas formas que ele já teve oportunidade de contar.

Desde então foi-se mantendo na CMTV. O que ganha deve dar-lhe muito jeito para ultrapassar anteriores dificuldades que não teve vergonha de assumir. É uma pessoa que fala com o coração ao pé da boca, diz o que sente doa a quem doer. Sobre os cartilheiros diz que "são uns tristes". Para o cartilheiro Amaral do Porto, acabado de perder a Taça da Liga, foi curto e grosso: "tens azia, come iscas."

Depois da derrota da época passada com o Rio Ave, naquela noite super-infeliz de Coates que ditou o fim de Marcel Keizer no Sporting, ficou desvairado e foi bem duro com a equipa. Disse que "o Sporting não joga nada !

Pois anteontem, também na CMTV, lá foi sofrendo com o jogo, dizendo que "o Sporting não pode facilitar em momento algum", mas quando o mesmo Coates marcou o golo final a reacção dele ultrapassou em muito aquela que eu tive, e ainda hoje o meu sobrinho veio reclamar que o acordei. A reacção dele foi esta.

Fernando "il tifoso" Mendes, não gastes tudo agora. Cada vez mais me vou convencendo que este ano vais ter tu e vamos ter nós todos a alegria que há muito merecemos.

#OndeVaiUmVãoTodos

SL

29 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D