Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

És a nossa Fé!

Faz hoje um ano

 

Ainda causava polémica a contratação de José Peseiro para treinador da equipa principal de futebol do Sporting.

 

Escreveu o Pedro Boucherie Mendes:

«Tem-me irritado, e muito, o desprezo e a desconsideração com que Peseiro é brindado. Nas redes sociais, nos blogues? Nada disso. Antes nos jornalistas e comentadeiros que - com aquela bonomia superior própria dos tolos - lá vão dizendo que o ribatejano até nem é mau e era o possível, ao mesmo tempo que controlam mal um certo esgar de gozo nos cantos da boca. (...) Pela minha parte estou-lhe grato que tenha aceite pegar numa equipa que nem sequer sabe qual será. Mas é a nossa equipa, não o esqueçamos - uma equipa que eu não trocaria por qualquer outra.»

Também elogios ao novo técnico da parte de Frederico Varandas, candidato à presidência do Sporting nesse dia 4 de Julho de 2018:

«José Peseiro é um homem competente. É o treinador do Sporting Clube de Portugal e será o meu treinador caso eu seja eleito.»

 

Na noite de véspera, o protagonismo fora de Sousa Cintra, enquanto líder em exercício da SAD leonina, em entrevista à SIC Notícias.

«Com Podence e Bruno Fernandes pode haver entendimento. O lugar deles é no Sporting. Estou a tratar desse assunto», declarou, revelando que estava a tentar persuadir também Gelson Martins a regressar.

«Se eu estivesse na Comissão de Gestão... reservava-me e não dava entrevistas até dia 8 de Setembro», observou o Duarte Fonseca.

 

Outro assunto em foco neste dia foi a questão das enormes dívidas aos fornecedores do Sporting, herança da gestão que terminara pouco antes.

Comentou o António de Almeida:

«É com alguma surpresa e receio que ouço rumores que algumas transferências estão por pagar, que existem dívidas a fornecedores no valor de 40 milhões de euros. A ser verdade, tal poderia explicar algum desnorte e fuga à realidade que fizeram perigar nos últimos meses a existência do Sporting Clube de Portugal.»

Comentou o Edmundo Gonçalves:

«No Sporting e noutros clubes, para o caso o Porto e o Benfica, que são os nossos adversários directos, as dívidas a fornecedores, como está escarrapachado no R&C, são pagamentos agendados por conta de aquisições de jogadores. Ou seja, o Sporting comprou passes de jogadores e diferiu o seu pagamento no tempo. O horror, a tragédia! Mas se procurarem lá bem, também lá haverá uma conta de dinheiro a receber por conta de vendas.»

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D