Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Ética e bons costumes, CAL

Andamos a ser lidos, o que é bom para o Sporting.

Vamos ao que interessa.

Hoje ao entrar no blog dei com este post da CAL, em que discorre longamente sobre um post em que disse que Miguel Poiares Maduro utilizou ideias do Pedro Azevedo sobre a gestão do Sporting, sem mencionar o autor das mesmas. Fiquei a saber que a CAL empreendeu diligências junto do autor para o confrontar com este facto. 
A conclusão, da CAL, é que "duvidas houvesse..." Bem, cara colega de blogue, aqui não se tratam de dúvidas. Li com a devida atenção o ensaio publicado no Público, como acredito que a CAL também leu. Estamos a falar de um ensaio sobre o que Miguel Poiares Maduro, decorrente da sua nomeação para um cargo na Fifa, pensa sobre a organização do futebol europeu e mundial e, acima de tudo sobre quem e como circula pelos órgãos de poder, quem efectivamente manda no futebol. O ensaio mostra-nos a opinião do autor, sobre a dificuldade de alguém "sério" singrar neste mundo. No fim aborda e aqui de uma forma superficial, em comparação com a totalidade do ensaio, o panomara dos clubes e menciona o desejo de ver implementadas no Sporting algumas das ideias que explanou.


Não dúvido que Miguel Poiares Maduro não esteja verdadeiramente interessado em contribuir para uma mudança no nosso clube.


Tal como também não tenho quaisquer dúvidas que as propostas do Pedro Azevedo, assim explicadas e organizadas foram de facto dele e foi quem primeiro as formulou de forma tão directa e concreta, fruto da sua experiência profissional e direccionadas em exclusivo para o Sporting.
Aceito que tudo não passe de uma, neste caso, feliz coincidência, porque tudo o que seja para melhorar o nosso clube tem que ser positivo.
Sobre a disponibilidade de Miguel Poiares Maduro connosco debater o futuro do Sporting, penso que é unânime a vontade de todos em faze-lo.

.A CAL devia, enquanto tudo fazia para esclarecer o tema junto de Miguel Poiares Maduro, fazê-lo também junto de mim. Nada me perguntou, nada me disse. No mínimo poderia ter me contactado, se se sentiu assim tão ofendida com a minha publicação. Em último caso deveria ter, pelo menos, no seu post, feito uma ligação à minha publicação.

Acho o seu comportamento deselegante e lamentável.

Por último CAL, a ingenuidade e deslumbramento têm limites. O futuro nos dirá ou não.

Passe bem.

10 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D