Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Esteve bem o presidente Frederico Varandas

A cada dia tenho menos dúvidas, que os nossos rivais equipam de vermelho, ou azul e branco, ao passo que os nossos inimigos, vestem o verde e branco.

Atrevo-me a adaptar uma frase atribuída a Winston Churchill, a propósito das críticas internas que o presidente F. Varandas foi alvo esta semana. Mas vamos por partes:

-Após o final do jogo com o FCP, o presidente surpreendeu, mas foi assertivo, tomando para si, a responsabilidade de publicamente manifestar a indignação que julgo todos os sportinguistas sentiam, pelo roubo vergonhoso que acabáramos de assistir. Talvez uma certa facção de hienas, estivesse um pouco mais desiludida com o golo do empate perto do final do jogo, pois a derrota das nossas cores, serviria melhor a agenda e ambição do seu líder espiritual.

-Em Manchester, Pinto da Costa, resolveu atacar o presidente do SCP, lançando insinuações, como por exemplo, ter saído favorecido do ataque a Alcochete. Ao que F. Varandas ripostou, com factos, qualquer um pode pesquisar no Google as palavras “apito dourado” e “escutas” e sabemos o que aparece. Mas o presidente utilizou também a expressão, “um bandido, será sempre bandido”.

Imediatamente surgiu o bando de hienas, uns porque não atacou o presidente do rival encarnado, outros porque está a cavalgar a onda para desviar atenções. Não é difícil imaginar, que todos estes críticos, o teriam apelidado de frouxo, manso e outros mimos menos simpáticos, se F. Varandas tivesse permanecido em silêncio.

-Também esta semana, ficámos a saber, que Miguel Albuquerque foi condenado em Tribunal por violência doméstica. Após a sentença judicial, aqui permitam, vou mesmo fazer um desenho para os mais distraídos, sentença judicial não é propriamente equivalente a rumores que há muito existiam, decidiu e bem, o SCP suspender o contrato do dirigente, porque estão em causa valores nos quais o clube não se revê. Uma vez mais, sequiosos de vislumbrar qualquer fraqueza no reino do leão, as hienas surgem em acção. Uns porque estamos a prescindir do dirigente mais vitorioso da última década, outros porque tudo não passa de manobra de aproveitamento, para afastar possíveis rivais de F. Varandas em futuras eleições. Ora aqui, uma vez mais, tenho que estar em desacordo com esta seita acéfala, não pode o clube pactuar com violência doméstica. Mais um desenho, violência doméstica é mesmo bater na esposa, acto bárbaro e cobarde, que ficou provado em Tribunal. Tentem explicar às sócias e adeptas do nosso clube, que frequentam o estádio ou pavilhão, porque razão devemos manter no cargo de director das modalidades, alguém com uma condenação por violência doméstica. E já agora, tentem também explicar às nossas atletas e treinadoras, que merecem o máximo do nosso respeito, se gostariam de continuar sob o comando de alguém com este perfil.

Claro que trogloditas para quem o ataque a Alcochete ou apertões a jogadores são actos sem gravidade por aí além, terão dificuldade em compreender as minhas palavras, ao passo que os líderes da seita, apenas tentam o aproveitamento para uma vez mais criticarem, porque caso o SCP tivesse ignorado a sentença judicial, já teria surgido do delirante reino da hipocrisia uma crítica em nome da defesa da honra das nossas leoas.

Tenho sido crítico do mandato de Frederico Varandas, mas não vale tudo, não pode valer tudo, o Sporting Clube de Portugal tem valores, esta semana terá sido porventura, a melhor semana do actual mandato dos órgãos sociais. Esteve muito bem o presidente Frederico Varandas.

 

Adenda: Alertado em comentário, vi que a ex-mulher de Miguel Albuquerque, usou do direito de resposta. Porque considero o mesmo relevante no contexto do post, deixo o link:

Direito de resposta

 

120 comentários

Comentar post

Pág. 1/3

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D