Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Cobardolas

É absurdo que uma classe profissional investida da responsabilidade de tomar decisões corajosas dentro das quatro linhas seja incapaz de transportar essa suposta coragem para a defesa dos seus interesses socio-profissionais. Os árbitros cobrem-se de ridículo com a estrambólica avalanche de "pedidos de dispensa" de apitarem jogos na próxima jornada do campeonato nacional, alegando "falta de condições psicológicas". Apenas três em 76 se demarcaram desta indefensável manobra colectiva disfarçada de incómodo pessoal.

Só uns poltrões e uns cobardolas agem assim. Quem tem brio, determinação e galhardia assume a greve e decreta sem sofismas o boicote aos desafios da Liga. Gostava que estes senhores agissem dessa forma. Mas, pelo andar da carruagem, já percebi que terei de esperar sentado.

4 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 22.11.2017

    Quem não deve,não temem.Sera a sua consciência que diz que não devem apitar por algo menos correto?A única forma de dormir de consciência tranquila é denunciar tudo aquilo que fizeram,e sabem-no.Tenham coragem e ajudem a desmontar esta pirâmide da vergonha.
  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 22.11.2017

    Alguns são os mesmos que há uns anos recusaram apitar jogos do Sporting. Enquanto se agachavam perante o SLB e o FCP.
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 22.11.2017

    Foram os ....., não digo o nome, que no Centro de Estágio comemoraram o 3º golo do Vitória de Guimarães contra o Sporting, golo ilegal que até o padre reconheceu., na época passada. Cambada, são iguais ao Carnide.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D