Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Assobiar ou não assobiar

Como já escrevi várias vezes, discordo profundamente das vaias aos nossos jogadores por parte dos adeptos em Alvalade durante as partidas. Eu até hoje só assobiei árbitros: nunca me lembro de ter assobiado um jogador, muito menos enquanto os jogos decorriam.

Feita esta ressalva, que não é de somenos, consigo entender a insatisfação das bancadas perante o desempenho de alguns profissionais do nosso clube - como ficou bem patente sobretudo durante a segunda parte do Sporting-Nacional.

Fica a pergunta aos leitores: entendem que alguém merece ser assobiado?

5 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 20.03.2017

    E por falar em bolas: no início do jogo houve distribuição de bolinhas laranjas, numa acção de 'marketing' de uma empresa. Foi um erro, como logo se viu. Porque algumas dezenas de bolas não tardaram a ser arremessadas para o relvado mal o árbitro anulou (bem) um golo ao Bas Dost.
    Esta brincadeira poderia ter valido uma severa sanção ao Sporting. Felizmente foi logo anulada pela pronta intervenção de elementos do clube, que do relvado fizeram sinais categóricos de que se impunha parar com aquilo.
  • Sem imagem de perfil

    Carlos Silva 20.03.2017

    Sempre a aprender. Brindes passíveis de arremessar, só autorizáveis no fim do jogo, à saída.
  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 20.03.2017

    Naturalmente, Carlos. Em nome do mais elementar bom senso.
  • Sem imagem de perfil

    Carlos Silva 20.03.2017

    Ou por esquecimento, excesso de humidade, ou pela acção do vento, quem plantou este país à beira mar, esqueceu-se de o adubar com bom senso.
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D