Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

As minhas memórias - II

Após um jejum de 5 anos, o Sporting C.P. voltaria a conquistar o campeonato na época de 1979/80. Partindo sem qualquer favoritismo, fomos vencendo jogos, até ao jogo do título, no estádio das Antas, a quatro jornadas do fim, com SCP e FCP separados por um ponto. O árbitro foi o "sportinguista" António Garrido, que até então jamais apitara o nosso clube. No início da 2ª parte o SCP adiantou-se no marcador, mas a 11 minutos do fim foi assinalada grande penalidade a favor do FCP. Após falhar à primeira tentativa, o árbitro mandou repetir. António Oliveira voltaria a falhar, mas Romeu na recarga empatou o jogo. Até final do campeonato o SCP manteve a liderança. Na penúltima jornada em Guimarães, um autogolo de Manaca que havia sido jogador do SCP, indignou os dragões que lançaram suspeição. Na sequência de várias polémicas com o SLB, a eterna rivalidade entre leões e águias ficou momentaneamente suspensa. Viram-se algumas bandeiras do SLB nos festejos do campeonato que conquistámos, na semana seguinte houve sportinguistas a festejarem a vitória do SLB na final da taça de Portugal. Era a resposta de parte do país às declarações de Pinto da Costa, então chefe do departamento de futebol, que se preparava para substituir Américo de Sá e José Maria Pedroto, treinador bi-campeão após um longo jejum dos azuis e brancos. 

Então com 14 anos, marquei presença em Alvalade na maior parte dos jogos e claro, não falhei o jogo do título que também consagrou Rui Jordão como melhor artilheiro da prova. 

11 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D