Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Algumas certezas e muitas dúvidas ainda por esclarecer...

Decorridas 2 semanas do vergonhoso ataque dos grunhos da bancada Sul aos jogadores da nossa equipa de futebol, já nos são permitidas algumas certezas, embora algumas dúvidas permaneçam por esclarecer, o que mais dia menos dia acabará por acontecer.

-É um facto que o vil e cobarde acto foi premeditado, porque planeado atempadamente na rede social whatsapp, como admitiram ao juiz de instrução, alguns dos vermes agora em prisão preventiva.

-É um facto que a escumalha que se dirigiu em matilha a Alcochete foi recrutada na claque oficial e apoiada pelo clube, denominada “Juve Leo”

-É um facto que poucos dias antes, durante a última partida disputada no nosso estádio, energúmenos pertencentes ao mesmo bando, lançaram artefactos incendiários na direcção do nosso guarda-redes e capitão, Rui Patrício.

-É um facto que alguns bandalhos, seguramente com a conivência de escroques que supostamente deveriam servir o clube, tiveram acesso ao parque de estacionamento reservado do nosso estádio, com o intuito de ameaçar alguns jogadores.

-É um facto que alguns hooligans proferiram ameaças a alguns dos nossos jogadores no aeroporto da Madeira, apesar de terem ido apoiar a equipa enquanto membros da claque oficial apoiada pelo clube.

-É um facto que existe proximidade entre o presidente do clube e o líder da claque, além de outros destacados figurões da mesma. O que não permite por si só afirmar que o presidente ordenou estes actos bárbaros, nem sequer que os líderes da claque o tenham feito. Mas convenhamos, será que os líderes da claque desconhecem totalmente o que fazem os seus membros mais radicais e exaltados? Porque existe uma organização com hierarquia, convém não esquecer. Será que ninguém na Direcção ou altos funcionários do clube esteve no mínimo conivente em todos estes acontecimentos? Não posso afirmar que os ordenou ou inspirou, mas também é um facto que existiu alguma relutância que resultou em demora, na condenação destas bestas. E até surgiu uma justificação tola, que os jogadores teriam sido moralmente responsáveis, posição entretanto abandonada perante o coro de indignação que se levantou…

-A agressão de Alcochete está longe de poder ser considerada um acto isolado ou reacção a quente a um mau resultado desportivo. As sementes da violência já haviam sido plantadas, os sinais vinham em crescendo, só não viu quem é cego, incompetente ou não quis ver…

-A decretada suspensão temporária dos apoios oficiais à guarda pretoriana da bancada Sul são para inglês ver e durarão o tempo do defeso? Ou ganharão vergonha na cara e vai o clube acabar de vez com esta horda infestada de álcool e droga que envergonha o clube a cada jornada?

-Por último, quererão os sócios do Sporting Clube de Portugal mudar de vida? Ou sentem-se confortáveis com a actual situação?

4 comentários

  • Sem imagem de perfil

    JHC 30.05.2018

    Concordo consigo. Aqui no Norte nos anos(JEB e GL) em que os Sportinguistas eram pouco militantes e tinham vergonha de sair vestidos de verde e branco para o Estádio do Dragão, por exemplo, se não fossem as claques os jogadores não teriam qualquer apoio.
    Penso que não podemos meter todas as claques no mesmo saco. Mas está a vista quem são os criminosos e ninguém tem mão neles.
    Espero que a solução deste problema comece já no castigo da gangue dos 23 e que estes nunca mais possam entrar num Estádio ou Pavilhão.
    No desporto a tolerância deve ser zero para a violência e criminosos. Gostaria que fosse o Sporting a liderar a mudança. Fica o desafio para quem lidera e para quem pretende liderar o Clube no futuro.
    SL
  • Sem imagem de perfil

    Alvaro Dias Antunes 31.05.2018

    Muitos falam aqui das claques, dos arruaceiros, marginais e criminosos que nelas estão infiltrados mas ninguém (e particularmente o autor do post) teve a hombridade de esclarecer que o único clube a identificar infractores das suas claques e a solicitar ao Ministério público a sua interdição no Estádio doio SCP e com esta Direcção. Sim, tem que ser feita a solicitação ao MP para poder ser emitida uma ordem restritiva por um Tribunal, uma vez que o Clube não tem autoridade para impedir o acesso (apesar das instalações serem suas, os espectáculos desportivos são públicos).
    Por isso, talvez seja, mais uma vez, redutor e injusto usar a demagogia populista de meter todos no mesmo saco não reconhecendo que uns fazem o que, mesmo que ainda pouco, até agora mais ninguém fez ou faz. O SCP já conseguiu a interdição de alguns dos membros das suas claques. por sua iniciativa e foi o único clube a fazê-lo; o SP debita nas respectivas claques as multas que tem que pagar por actos ilícitos por elas cometidos e é o único clube a fazê-lo; após os gravíssimos actos terroristas ocorridos na Academia e praticados por delinquentes associados à Juve Leo (mas, ao que parece, e ao contrário do que insinua o autor do post, pertencentes a uma facção afecta ao anterior dirigente Fernando Mendes e oposta aos actuais dirigentes) esta Direcção do SCP reforçou significativamente as medidas de segurança na Academia e no Estádio, algo que mais nenhum clube se parece ter preocupado em fazer (apesar de, claramente, terem o mesmo risco à sua porta).
    Usar o ataque criminoso à Academia e ao plantel profissional de futebol do Sporting como arma de arremesso nesta espécie de pré-campanha permanente é baixo e profundamente divisionista.

    Saudações leoninas
  • Sem imagem de perfil

    Leão de Queluz 31.05.2018

    Alvaro Dias Antunes
    Conheço os seus comentário noutro blog, é pena viver tão longe, o caro consócio faz falta cá.
    Subscrevo o que disse , o Sporting corre o risco de ser devorado por abutres.
    SL
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D