Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Algumas certezas e muitas dúvidas ainda por esclarecer...

Decorridas 2 semanas do vergonhoso ataque dos grunhos da bancada Sul aos jogadores da nossa equipa de futebol, já nos são permitidas algumas certezas, embora algumas dúvidas permaneçam por esclarecer, o que mais dia menos dia acabará por acontecer.

-É um facto que o vil e cobarde acto foi premeditado, porque planeado atempadamente na rede social whatsapp, como admitiram ao juiz de instrução, alguns dos vermes agora em prisão preventiva.

-É um facto que a escumalha que se dirigiu em matilha a Alcochete foi recrutada na claque oficial e apoiada pelo clube, denominada “Juve Leo”

-É um facto que poucos dias antes, durante a última partida disputada no nosso estádio, energúmenos pertencentes ao mesmo bando, lançaram artefactos incendiários na direcção do nosso guarda-redes e capitão, Rui Patrício.

-É um facto que alguns bandalhos, seguramente com a conivência de escroques que supostamente deveriam servir o clube, tiveram acesso ao parque de estacionamento reservado do nosso estádio, com o intuito de ameaçar alguns jogadores.

-É um facto que alguns hooligans proferiram ameaças a alguns dos nossos jogadores no aeroporto da Madeira, apesar de terem ido apoiar a equipa enquanto membros da claque oficial apoiada pelo clube.

-É um facto que existe proximidade entre o presidente do clube e o líder da claque, além de outros destacados figurões da mesma. O que não permite por si só afirmar que o presidente ordenou estes actos bárbaros, nem sequer que os líderes da claque o tenham feito. Mas convenhamos, será que os líderes da claque desconhecem totalmente o que fazem os seus membros mais radicais e exaltados? Porque existe uma organização com hierarquia, convém não esquecer. Será que ninguém na Direcção ou altos funcionários do clube esteve no mínimo conivente em todos estes acontecimentos? Não posso afirmar que os ordenou ou inspirou, mas também é um facto que existiu alguma relutância que resultou em demora, na condenação destas bestas. E até surgiu uma justificação tola, que os jogadores teriam sido moralmente responsáveis, posição entretanto abandonada perante o coro de indignação que se levantou…

-A agressão de Alcochete está longe de poder ser considerada um acto isolado ou reacção a quente a um mau resultado desportivo. As sementes da violência já haviam sido plantadas, os sinais vinham em crescendo, só não viu quem é cego, incompetente ou não quis ver…

-A decretada suspensão temporária dos apoios oficiais à guarda pretoriana da bancada Sul são para inglês ver e durarão o tempo do defeso? Ou ganharão vergonha na cara e vai o clube acabar de vez com esta horda infestada de álcool e droga que envergonha o clube a cada jornada?

-Por último, quererão os sócios do Sporting Clube de Portugal mudar de vida? Ou sentem-se confortáveis com a actual situação?

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D