Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Acabámos

Com nove.

Contra o Moreirense, que conseguiu desde o primeiro minuto (foi dos forasteiros o primeiro remate, pouco passava do minuto de jogo) contrariar a invenção, vim a saber após o jogo, forçada, de Jesus (um síndrome gripal atacou mais de meia equipa e parece que alguns até jogaram inferiorizados).

Já se percebeu que é muito fácil contrariar a táctica de Jesus: Defender alto e não deixar iniciar a fase de construção, é simples! A isto junta-se uns jogadores que sabem que não é daqui que lhes chegará o ordenado e uma equipa de arbitragem rafeira e está o caldo entornado.

Apesar de tudo a equipa criou algumas oportunidades de golo, algumas, duas pelo menos na primeira parte, falhadas infantilmente (mais uma vez) em cima da linha de golo.

Depois o quarto árbitro inventou uma falta que deu a expulsão de Petrovic, que até nem estava mal no jogo e o adversário cresceu mais ainda, mas curiosamente não chegou a rematar com perigo.

A entrada de Leão, ao que parece também ele um pouco combalido, não acrescentou grande coisa talvez mesmo por causa disso, mas a classe está lá e aquela assistência que acabou no golo é de craque!

O golo. A gente sabe que aquilo é muita adrenalina, havia a ânsia de dedicar o golo a um amigo em dificuldades, mas caramba, estamos a falar de um profissional que tendo acabado de "meter" a equipa na luta pelo campeonato, veio a prejudicar a equipa precisamente nessa luta, porque aquele vermelho impede-o de jogar na sexta próxima contra o FCPorto e todos sabemos a falta que fará.

E acabou então com nove. E com assobios a Doumbiá que me irritaram mais uma vez. Os nossos são para apoiar, sempre! E muito bem esteve Bruno Fernandes (um moiro de trabalho mais uma vez), a "exigir" as palmas aos adeptos.

Estamos vivos, pode ser por pouco tempo, mas estamos vivos e isso é o mais importante.

Um recadinho para Jesus: Eu repudio os assobios, mas não é ao treinador que compete criticar os adeptos. Jesus não se pode esquecer que já lá vão quinze anos que não ganhamos nada e que continuamos lá, todos os jogos, mais de quarenta mil. Se os jogadores, para ele, hoje foram leões, os adeptos são o quê, todas as semanas?

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 27.02.2018

    Caro JHC, com tanto FB e tanta "rede social", os adeptos podiam e deviam ter sido informados sobre essa síndrome que afectou vários jogadores.
    Os adeptos que vão ao estádio numa noite invernosa, cheia de chuva, numa semana de trabalho, merecem ser informados pela equipa técnica e pela própria estrutura directiva sobre algo tão importantes.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D