Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

A mini silly season

Pouco me importa qual seja a resposta do presidente do Sporting logo à noite.

Ela certamente não será crítica dos jogadores que lhe responderam, terá isso sim um alvo concreto, a comunicação social, que nestes dez dias se vai entreter a malhar no ferro, com o claro propósito de desestabilizar.

Eu não tenho dúvida nenhuma que uma parte da notícia do DN é verdadeira: Bruno de Carvalho não terá ficado nada agradado com a resposta dos três jogadores em causa! mas como "o 25 de Abril já chegou ao futebol", pelo menos nalguns aspectos, era o que mais faltava os visados numa crítica não terem direito de resposta.

Se o fizeram nos termos correctos? é irrelevante! cada um interpreta à sua maneira.

Para mim, que apoiei a chamada de atenção do presidente, qualquer resposta que não seja proferida na forma de ofensa pessoal (e não foi) é admitida e nunca deverá ser considerada falta de respeito, ou sequer quebra de dever profissional. Não, não defendo que o Clube vire uma república das bananas, mas quando o presidente se expõe, propositadamente, da forma como o faz, tem que admitir respostas em conformidade! (ainda que esteja carregado de razão). E, recorde-se, eu concordei com a comunicação do presidente. É o seu estilo, sabíamos com o que contávamos, quando o elegemos.

 

Já aqueles que criticaram Bruno de Carvalho pela "heresia" no facebook, e que vêm, por antecipação, atacar uma eventual condenação, fica-lhes mal a "preocupação". Deveriam pautar a sua pose pela coerência, no mínimo: se criticaram o presidente pela mensagem extemporânea (para ser simpático) ou inadequada, terão agora que agir em conformidade com os atletas em causa e repudiar as suas respostas, também em público, uma delas até durante um estágio da selecção nacional, o local menos adequado para falar de clubes e do Sporting em particular (sim, eu sei que o mesmo jogador foi bastante incisivo na resposta logo a seguir ao jogo da CL), sob pena de aí sim, com o jargão do "quem cala, consente", se correr o risco de transformar o Clube na tal república das bananas.

 

Contradigo-me? de todo!

O que defendo é que o presidente tem legitimidade para agir/reagir da forma que quiser, sendo umas vezes mais feliz que outras, errando como todos nós que não sendo presidente, somos humanos como ele, e que, sentindo-se, como bons filhos de boa gente, os jogadores injustiçados, eles podem, dentro das mais elementares regras da boa urbanidade, defenderem-se do que considerem criticas infundadas.

 

E isto é um pouco diferente de condenar intervenções deste tipo por parte do presidente, considerando que incendeiam o Clube, mas defender que já que o presidente falou, os jogadores devem responder e estas respostas serem tidas por normais e nada incendiárias. Opiniões...

 

Sabem que mais? nunca mais recomeça o campeonato!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D