Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Sinais de alarme

Paulo Bento anunciou há pouco a lista dos 23 convocados para o Campeonato do Mundo. Não voltarei a questionar o critério do seleccionador, depois de já o ter feito aqui.

Mas preocupa-me muito, nesta convocatória, a quantidade de jogadores das linhas dianteiras marcados por graves lesões durante a temporada 2013/14. E questiono-me se estarão na forma física apropriada para enfrentar as duras semanas de Mundial no Brasil.

Refiro-me concretamente a Helder Postiga, que se lesionou ao serviço da Lazio e ainda não parece recuperado. E a Nani, que sofreu também uma lesão grave, tendo actuado apenas em 12 jogos esta época pelo Manchester United, que ficou em sétimo lugar no campeonato inglês. E a Vieirinha, do Wolfsburgo, que permaneceu sete meses afastado dos relvados por lesão, parecendo ainda muito longe da forma habitual. Já sem falar em Éder, afectado por frequentes lesões. E prefiro nem especular sobre Cristiano Ronaldo.

Serão dúvidas sem fundamento que não justificam esta emissão de sinais de alarme? Fica a pergunta para quem estiver em condições de responder.

A culpa foi da relva

«A relva do estádio de Alvalade está pintada. Porque não consegue ser verde. A relva do estádio de Alvalade está tão má que o Helton, ali, tem uma lesão que não é justificada. A relva é horrorosa. (...) Houve vários jogadores a cair.»

José Guilherme Aguiar, ontem, na SIC Notícias

Lesões: Jefferson

Jefferson tem-se destacado na equipa do Sporting como um dos mais sólidos e regulares jogadores. A sua lesão, e consequente afastamento por cerca de um mês, é algo que me preocupa em função do facto de o seu substituto natural (Rojo) poder não conseguir dar a mesma dimensão ofensiva ao flanco esquerdo. Espero que o Leonardo Jardim consiga encontrar os equilíbrios necessários para que a equipa não perca acutilância e bi-verticalidade.

Nova ausência de Izmailov

 

Segundo as informações disponibilizadas pelo Sporting, Marat Izmailov viajou para a Rússia, devidamente autorizado, por motivos pessoais. Considerando que não foi visto no treino matinal de ontem e que se tem limitado a fazer trabalho de ginásio desde o embate no Dragão, é de admitir a ressurgência dos sucessivos problemas físicos que o têm impedido de contribuir para a equipa com regularidade. Salvo novidade de última hora, não é de esperar que esteja disponível para alinhar no jogo do próximo domingo, frente ao Moreirense, a contar para a 3.ª eliminatória da Taça de Portugal. Uma situação preocupante, sem solução à vista, para este talentoso jogador que quando está disponível e ao seu melhor nível, tem a capacidade para fazer a diferença.

 

Mais uma baixa

Meio campo lesionado

Izmailov um lesionado crónico, Rinaudo ainda nada fez esta época e agora também Schaars está no estaleiro. Em relação a Izmailov penso que estamos mesmo perante um caso perdido, com muita pena minha, pois além de excelente jogador deu sempre mostra de ser um bom profissional. Rinaudo é a minha esperança para agarrar naquele meio campo e levar a equipa para a frente, Schaars foi fundamental o ano passado.

Conclusão, estamos a começar a época sem três jogadores que estando bem fisicamente, seriam sérios candidatos a um lugar no onze titular. Principalmente Rinaudo faz-nos muita falta.

os bofes na boca

 

Dizia-se de Hamlet que se Shakespeare tivesse prolongado a peça mais um quarto de hora, o enredo começava a matar os espectadores de primeira fila. Ontem em Alvalade, quando vi o Izamailov a coxear, o Diaz a sair de maca (com este, por cada meia-hora de jogo, são três jogos de posto médico) e próprio Rui Patrício a fazer ai! ai! já com as substituições esgotadas, cheguei a pensar que ainda iria haver lesionados na bancada. Depois de nos anteriores 90’ terem ficado magoados Onyewu e Rinaldo (outra vez) ficamos que das 6 substituições possíveis, 4 foram à força – eu próprio já estou aqui com umas dores.

Isto é falta de cálcio? São palmilhas mal postas? Os enfermeiros trocam-lhes os comprimidos? Se fosse gripe ainda era como o outro, agora assim…

Eu quero ir à bola ao Domingo à tarde, eu não quero ver na TV

Regressado de Alvalade, tenho a dizer algumas coisas. Jogos à tarde sempre que for possível, "eu não quero ver na tv". Os sócios encheram o estádio e estão com Domingos, mesmo que não estejam com todos os jogadores. Domingos é o elo de ligação entre bancadas e equipa. Espero que se mantenha assim. Independentemente de ter sido um dos meus ódios de estimação enquanto jogador, acho que é um bom treinador, com peso no balneário e carisma no clube. Só espero que leia alguns jogos mais cedo, uns até antes de começarem. O Renato Neto foi hoje um desastre, como já tinha sido em Olhão, aí muito ajudado pelo Carriço, para mim o pior jogador do actual plantel (sempre o considerei hipervalorizado). Para um tipo que foi elevado a símbolo da academia e capitão sem saber ler nem escrever, está visto o lado nefasto da cantera: formar juvenis e desleixar a formação de jogadores com fibra para sénior. Depois, Alberto Rodriguez. Um desastre. Não fosse o Capitão América a fazer as vezes dele, do Pereira e ainda ir lá à frente marcar duas batatas, não sei que seria. No final, vejo uma equipa de rastos a meio da época. Literalmente de rastos. Uns a coxear, outros agarrados às coxas, outros praticamente inertes. Uma equipa que quer ser campeã não pode estar assim fisicamente a meio do campeonato. É verdade que as lesões do Deus Rinaudo, do Schaars, do Ricky e do Izmailov acabam com uma equipa. Mas não se percebe como é que a que resta está no estado físico em que está. Isto também faz toda a diferença.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D