Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Glória

        

                                         

Agora que regressamos às competições europeias de clubes e assistimos, mais uma vez, ao recrudescimento indecoroso do  espectáculo  que nos é regularmente dado pela imprensa, ao promover  da forma mais acéfala e intelectualmente abjecta o desempenho internacional das equipas portuguesas - aqui se incluindo, quando é o caso, a selecção - perco-me em congeminações sobre os motivos por que, no nosso país, os jornalistas desportivos são, aparentemente, os únicos que se consideram desobrigados do respeito pelos deveres fixados no Estatuto do Jornalista. Rigor, isenção, independência, rejeição do sensacionalismo, demarcação clara de factos e opiniões e muito mais, quando os clubes e selecção portugueses defrontam estrangeiros? Vou ali e já venho.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    João Paulo Palha 15.02.2013

    Um jogo de castigo significa, como é evidente, que aquele agarrão, seguido de puxão, na camisola do árbitro não valeu o mais pequeno juízo de censura, uma vez que Cardoso foi contemplado com apenas 1 jogo de suspensão, a pena mais leve a que se candidatou com a agressão a um adversário. Sempre quero ver como é que vão ser tratados, de hoje em diante, os casos dos jogadores que, incitados pela Comissão de Disciplina e, ao que parece, pela pusilanimidade revelada no relatório do árbitro - o Benfica contou, afinal, com um amigo - se dedicarem a este tipo de afagos e puxões amigos.
    Já agora, não me lembro bem, mas o nosso treinador de guarda-redes Ricardo Peres não foi expulso, num jogo qualquer em 2009, por se ter atravessado à frente de Duarte Gomes e ter sido, depois, empurrado por este? Imagino o que teria acontecido se Ricardo Peres, que nem era jogador, tivesse agarrado e puxado a camisola do árbitro. A esta hora, ainda estava na prisão.
    Quanto à imprensa, e para retomar o tema do post, muito me admiro também com o silêncio à volta desta enormidade. Enfim, nada que não devêssemos esperar.
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D