Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Os nossos ídolos (29): Manuel Marques

 

Manuel Marques e Vítor Damas. Duas das grandes glórias e lendas da História do Sporting

 

Tive a enorme honra de o conhecer. Na verdade foi Manuel Marques, o “Mãos de Ouro”, que fez a recuperação física da minha irmã mais nova, operada ao um joelho e muito necessitada de urgentes cuidados de fisioterapia, o que levou semanalmente a minha casa durante alguns meses, depois de uma bem sucedida operação levada a cabo por Branco do Amaral, médico do Sporting. Manuel Marques não era médico mas sabia muito mais do que a maior parte deles. Modesto, de uma educação exemplar, ficava deliciado a vê-lo trabalhar.

 

Uma vez, anos mais tarde, consultei-o em sua casa, ali para as bandas do Liceu Padre António Vieira. Tranquilizou-me relativamente às minhas suspeitas de que teria um problema num joelho. Até hoje o seu diagnóstico revelou-se certeiro. Possuídor de uma capacidade ímpar de recuperação de atletas, Manuel Marques conseguiu, ao longo da sua vastíssima carreira de mais de 50 anos no nosso Sporting, tornar-se numa lenda viva.

 

Natural de Arganil, terra onde nasceu a 19 de Setembro de 1910, veio para Lisboa com 12 anos e nunca chegou a ser médico, o seu sonho, tendo-se formado em enfermagem. Nessa qualidade exerceu funções no Sporting e na Selecção Nacional de Futebol durante 54 anos, nesta a partir de 1942.

 

Como reconhecimento dos seus enormes atributos, em 1953, por ocasião da conquista pelo Sporting do seu segundo tri-campeonato, o Clube atribuiu-lhe a camisola 12 numa homenagem àquele que era considerado o 12º jogador.

 

Deixou-nos em 1990, data que recordo com tristeza, sendo que, de certa forma, o seu nome ficou perpetuado para sempre ao ser atribuído à sala onde funciona o Posto Médico do Clube.

 

Não era um atleta, mas muitos atletas nada teriam sido sem ele. É o ídolo de muitos. Merece estar aqui.

 

 


9 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D