Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Não fui eu, foi aquele senhor

A entrevista do presidente da direcção do Sporting à RTP i foi lamentável, a vários títulos. Mas acima de tudo por ter invocado o nome de Aurélio Pereira, um dos maiores detectores de talentos do nosso clube, promotor das carreiras de diversos meninos depois tornados campeões e homem de indiscutível prestígio, que deve ser deixado à margem de contendas internas (tal como o professor Mário Moniz Pereira, por exemplo) em vez de ver o seu nome inesperadamente desgastado por terceiros na praça pública.

Vem agora Godinho Lopes justificar o facto de ter convidado Vercauteren para treinador da equipa principal de futebol, no preciso momento em que instaurava um sistema presidencialista no clube, porque essa escolha foi afinal sugerida por Aurélio Pereira. "Presidente, é fundamental nesta fase do Sporting vir um treinador estrangeiro."

Isto foi o que Godinho Lopes disse que lhe terá dito Aurélio Pereira.

Eu ouvi e anotei, naturalmente perplexo.

Estranho presidencialismo este, em que o presidente anuncia aos sportinguistas ter delegado noutra pessoa a escolha do perfil do técnico da equipa principal de futebol...

Mais perplexo ainda fiquei quando o presidente continuou a escudar-se em Aurélio Pereira, na mesma entrevista, para justificar outra escolha: afinal Jesualdo Ferreira foi recomendado pelo mesmíssimo detector de talentos que tinha recomendado Vercauteren dois meses antes. "Quem me ajudou nesta reestruturação, quem me ajudou a pensar, quem me ajudou na escolha de Jesualdo Ferreira foi  Aurélio Pereira. (...) A indicação deste nome foi do  Aurélio Pereira" (dito assim, duas vezes seguidas, para que não restassem dúvidas).

Ou seja: em Outubro, era "fundamental" vir um estrangeiro para treinador; mas dois meses depois, paradoxalmente, para o cargo de "treinador dos treinadores" já é preferível que venha um português...

Nada disto bate certo. Aliás nada bate certo neste Sporting que atravessa a pior fase da sua história.

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 18.12.2012

    Meu caro: nada mais contraditório do que recomendar a vinda de um treinador estrangeiro em Outubro e menos de dois meses depois a vinda de um português. De resto, nunca ouvi um presidente (ainda por cima em regime auto-intitulado 'presidencialista'!) afirmar que duas escolhas fundamentais, do ponto de vista estratégico, afinal não foram dele... Eis mais uma contradição para juntar à lista.
    Parece-me entretanto estar criado o cenário antecipado para atribuição de culpas a terceiros caso a coisa der para o torto...
  • Imagem de perfil

    Jose Manuel Barroso 18.12.2012

    Meu caro, parece que o Jesualdo vem para coordenador do futebol, lugar vago desde que sairam Duque e Freitas. Que tambem assistiam aos treinos e se sentavam no banco (Duque). Que tem isso a ver com o facto de o treinador ser estrangeiro? Será que o presidencialismo impede o presidente de se aconselhar com alguém? Tomara a gente que, nisto do futebol, fosse predominantemente com o Aurélio! Ab
  • Imagem de perfil

    Pedro Correia 19.12.2012

    Meu caro, por mim o Aurélio é intocável. Comecei o meu texto escrevendo isso. Até por este motivo não gosto nada de ver o nome dele a servir de aval a quem necessita de autoridade emprestada por lhe escassear obra concreta para ostentar autoridade propria.
    Abraço e SL.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    { Blog fundado em 2012. }

    Siga o blog por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

     

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D