Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Rescaldo do jogo de ontem

Gostei

 

Do regresso de Izmailov. Mesmo longe da sua melhor condição física, jogou e fez jogar. O passe para Wolfswinkel abrir o marcador já era meio-golo.

 

Da exibição de Carrillo. Sempre lutador, sempre inconformado. Promete ser uma das grandes figuras deste campeonato.

 

Do regresso de Xandão. Confesso que já estava com saudades de o ver jogar. Fez uma exibição de alto nível, formando boa dupla com Rojo.

 

Das substituições. Sá Pinto fez entrar André Martins para o lugar de Adrien e Capel para o lugar de Izmailov. Manteve a intenção atacante, infelizmente não concretizada. E confirmou a qualidade do banco sportinguista, muito superior ao da última temporada.

 

Da comparação com a época passada. Empatámos 1-1- com o Marítimo. Mas foi melhor do que na última época, perante o mesmo adversário: derrota 0-2 à 18ª jornada. A que fez cair Domingos Paciência.

 

 

Não gostei

 

Da primeira metade do jogo. Decorreu num ritmo lento e demasiado desinspirado. Dominámos a bola, mas isso nem sempre basta.

 

De sofrer um golo a três minutos do fim. O 'tiro' de João Guilherme, na marcação de um livre directo, era indefensável. Mas custa ver voar dois pontos tão perto de uma vitória que já nos preparávamos para festejar.

 

Da falta de pontaria. Rematou-se bastante, mas nem sempre bem. Izmailov (por duas vezes) e Cédric apontaram com força à baliza adversária, mas a equipa tem de melhorar a eficácia neste domínio. Sem golos não há vitórias.

 

Da falta de tecnologia. Capel marcou golo ou não? Muitos tivemos a sensação de que a bola chegou a entrar - incluindo Jorge Coroado, hoje no Tribunal d' O Jogo. Subscrevo o que o antigo árbitro escrevia há dias noutro texto publicado no mesmo jornal: "Sou favorável à introdução de um chip na bola que permita aferir se esta ultrapassa completamente a linha de baliza por baixo da barra e entre os postes."

 

Da transmissão da SportTV. O operador de televisão que detém o exclusivo dos direitos de transmissão do campeonato deve proporcionar aos espectadores os meios técnicos que permitam tirar dúvidas em todos os lances. O do remate de Capel que o guardião do Marítimo defendeu em cima da linha de golo, por exemplo. Lamentavelmente, a SporTV não desfez as dúvidas.

 

15 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D