Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

40 anos disto

O inegável sucesso de Pinto da Costa como presidente do FC Porto, o maior clube da cidade do Porto mas sem verdadeira implantação nacional, deve-se antes do mais à sua extrema habilidade de gerir os relacionamentos com os dois rivais de Lisboa, com chocolates para uns e facadas para outros conforme o momento e as conveniências.

João Rocha foi um presidente que nunca pactuou com tal personagem e isto custou-lhe uma guerra desgastante do futebol da qual o Sporting muito saiu a perder, mesmo quando apostou em António Oliveira e na Olivedesportos. Pinto da Costa conseguiu desviar jogadores como Alhinho, Dinis, Futre, Inácio e Eurico e só não desviou Manuel Fernandes e outros porque souberam dizer não. Jogadores fundamentais para os êxitos que teve depois. Com o abandono de João Rocha, Pinto da Costa teve via aberta para a conquista dos poderes do futebol e consequemente para o triunfo do sistema mafioso que montou, bem documentado no livro "Golpe de Estádio", e denunciado anos mais tarde por outro presidente nosso que não pactuou, Dias da Cunha.

Cerca de década e meia depois, com campeonatos e títulos perdidos por roubos arbitrais no entretanto, Bruno de Carvalho foi um presidente que depois de insultado nas bancadas do pavilhão pelo seu vice-presidente teve palavras bem duras para com Pinto da Costa, mas terminou de braço dado com ele, descobriu ali um grande amigo.

Já Frederico Varandas teve as palavras que conhecemos, depois de o Sporting ter sido roubado por João Pinheiro no relvado do Dragão e antes dele mesmo ter sido roubado nas garagens do estádio.

Pinto da Costa está a terminar os seus dias como presidente do FC Porto, mas o sistema mafioso que montou com Reinaldo Teles continua bem oleado e extremamente eficaz. Esse sistema tem como base o controlo absoluto da arbitragem, premiando uns e castigando outros, nas classificações, nas promoções e na sua vida privada.

 

Amanhã vamos defrontar o  FC Porto em Alvalade num jogo que tem como árbitro o expoente máximo desse controlo, o árbitro mais azul de todos, visitado em tempos pelos SuperDragões, e com uma pastelaria para proteger dos mesmos.

Esse sistema bem denunciado por outro presidente nosso que não pactuou, Dias da Cunha, só terá fim quando Sporting e Benfica se unirem na luta para o derrubar, em vez de fazer o que fez Luís Filipe Vieira, ou seja, tentar montar um sistema mafioso doutra cor ao mesmo tempo que distraía o Sporting com pactos sobre o futebol.

Pelos vistos a eliminação na Taça às mãos dum árbitro de Lisboa (!) terá posto a nação benfiquista em estado de choque, incrédula como o seu "principezinho perfeito" Rui Costa foi comido de cebolada pelos APAFs azuis. Como os pontos que tem de vantagem na Liga podem não chegar para ser campeões este ano, sucedem-se as intervenções inflamadas, como estas que aqui trago:

"Estamos num clima viciado. Benfica tem de fazer o que o Sporting faz" (noticiasaominuto.com)

A cultura do ódio que o norte de Portugal não subscreve | NGB (geracaobenfica.blogspot.com)

Será desta que aquela malta desperta para a realidade ? Ou resolvem a coisa com uma cimeira no "Rei dos Leitões"?

SL

75 comentários

Comentar post

{ Blogue fundado em 2012. }

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D