Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Indubitavelmente amador

Imaginem o candidato Madeira Rodrigues, caso fosse eleito presidente do Sporting, a escolher o treinador, o director desportivo, os jogadores, os financiadores e os parceiros estratégicos do nosso clube com idêntica argúcia à que usou para escolher o mandatário da sua candidatura, afinal um admirador confesso de Bruno de Carvalho que aproveitou a primeira exposição mediática ao seu dispor para fazer rasgados elogios ao líder leonino.

Isto só aconteceu, valha a verdade, porque Madeira Rodrigues optou por faltar à apresentação oficial da sua própria candidatura junto dos órgãos sociais do Sporting. Em vez de comparecer em Alvalade, o adversário de Bruno de Carvalho preferiu voar para Londres, onde foi visto a passear de metro e num jogo de futebol. O que diz tudo sobre as suas prioridades.

Eis uma opção quase tão incompreensível como a escolha do mandatário. Mas numa coisa ao menos ele se distingue: é capaz de ultrapassar tudo e todos em amadorismo. Nada recomendável para um clube onde se exige gestão profissional.

Os nossos comentadores merecem ser citados

«Todo o benfiquista rapidamente identificou os vícios e defeitos de Jorge Jesus no inicio da época quando despachou os jovens de Alcochete e foi buscar jogadores sul-americanos e europeus de segunda linha. Não preciso nem de enumerar os inúmeros flops que pararam pela Luz durante o seu consulado. Podem dizer mal de Jorge Mendes, mas é ele quem traz para os clubes portugueses jogadores que fazem verdadeiramente a diferença. Jesus não sabe nem nunca saberá escolher jogadores.»

André, neste meu texto

Save the date!

O lançamento público em Lisboa de "Crónicas Moralistas", a minha segunda colectânea de apontamentos e comentários, terá lugar no próximo dia 11 de Fevereiro pelas 15,30 no Instituto Amaro da Costa (Rua do Patrocínio nº 128 A em Campo d’ Ourique). O livro será apresentado por Eduardo Cintra Torres, por Pedro Mota Soares e pelo Cónego Carlos Paes, pelo que peço desde já aos meus amigos que aqui me visitam que reservem a data para estarem comigo nesse dia muito especial para mim. 

Oposição pró-Bruno de Carvalho

«Eu sempre fui pró-Bruno de Carvalho. Acho que ele fez um excelente trabalho e está a ser um bom presidente. (...) Ele tem o seu estilo, tem a sua personalidade, acho que é uma boa personalidade. O Sporting estava a precisar de um presidente como ele. Eu acho que o Pedro [Madeira Rodrigues] é talvez um Bruno de Carvalho... um bocadinho mais polido. Se bem que eu ache muito bem o estilo do Bruno de Carvalho.»

Pedro Ribeiro Ferreira, mandatário de Madeira Rodrigues, falando ontem em Alvalade ao ser oficialmente formalizada a candidatura da oposição

Os nossos comentadores merecem ser citados

«Nos últimos dias, Bruno de Carvalho tem sido a principal fonte de problemas que têm minado a equipa de futebol. BdC corre mesmo o risco de ser o principal responsável pela delapidação das suas maiores conquistas enquanto presidente leonino e elas não foram poucas: devolveu o orgulho à nossa massa adepta, fez-nos reviver a nossa grandeza, recuperando um Sporting competitivo e temido. Essas conquistas, lamento, estão todas em risco!»

Pedro Bello Moraes, neste meu texto

Mais um

Eu não sei se houve efectivamente interesse do Sporting neste atleta, mas que o mesmo esteve escarrapachado nas pantalhas dos jornais, é um facto.

Hoje está sem colocação.

A culpa não terá sido do próprio, sabemos dos interesses dos empresários, agentes, presidentes e outros actores nas carreiras dos jogadores de futebol e muitas vezes, vide o exemplo Carrillo, a vontade do jogador não é tida em conta e não é respeitada.

A lista de jogadores apontados ao Sporting que acaba nos rivais e posteriormente desaparece em clubes de menor dimensão é longa.

Não será aviso suficiente?

Carácter

Tenho ouvido apoiantes de Madeira Rodrigues aludir a supostas questões de "carácter" para justificarem o seu voto anti-Bruno de Carvalho no Sporting.

Motivo acrescido para eu esperar a primeira entrevista em que algum jornalista se atreva enfim a perguntar ao candidato - com todas as letras - se é verdade ou não que durante três anos, sob anonimato, insultou o presidente, o treinador, o director desportivo e vários jogadores do nosso clube.

Entre os mais comentados

Em 22 destaques feitos pelo Sapo em Dezembro, entre segunda e sexta-feira, para assinalar os dez blogues nesses dias mais comentados nesta plataforma, És a Nossa Fé recebeu 13 menções ao longo do mês.

 

Os textos foram estes, por ordem cronológica:

Não adianta nada? Também não atrasa! (96 comentários)

Quem não se sente... (66 comentários)

Não se trata só de incompetência (74 comentários)

Da necessidade de pôr fim a isto (52 comentários)

O elo mais fraco (48 comentários)

Prognósticos antes do jogo (76 comentários)

A obrigação de tudo fazer (80 comentários) 

Justiça (74 comentários)

Este é o momento de falar (174 comentários)

Boas notícias (52 comentários)

A solução e o problema (70 comentários)

Chamem o Sherlock (52 comentários)

Mais do mesmo (64 comentários)

 

Com um total de 976 comentários nestes postais.

Fica o nosso agradecimento a quem nos dá a honra de visitar e comentar. E, naturalmente, também aos responsáveis do Sapo por esta iniciativa.

Pág. 8/8

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D