Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

Rescaldo do jogo de hoje

Gostei

 

Da exibição global do Sporting. A nossa equipa controlou o jogo contra o Belenenses do primeiro ao último minuto. Foi um triunfo indiscutível. Mais um: o décimo em 13 jogos, o quinto consecutivo. E que valeu mais três pontos. Estamos agora com 32 - cinco pontos acima dos nossos competidores directos, FCP e SLB, que só jogam amanhã.

 

Que juntássemos mais três golos ao nosso pecúlio. Até agora, neste campeonato, ainda não tivemos um jogo sem marcar. O que diz muito sobre o rendimento da equipa.

 

Do penálti muito bem marcado que inaugurou a vitória leonina. Outros prometem muito, mas Adrien cumpre. Chamado a converter a grande penalidade, não falhou.

 

De André Martins. Marcou o segundo golo e fez uma assistência fabulosa, em profundidade, para o terceiro. Outra excelente exibição do médio leonino, que vem melhorando de jogo para jogo. Talvez o melhor jogador neste desafio em que quase todos os colegas se destacaram.

 

De Jefferson. De uma eficácia impressionante, dominou o corredor esquerdo. E já se tornou titular na marcação de livres.

 

Da exibição de Cédric. Soube desequilibrar sempre na sua ala. Grande arrancada aos 44' que possibilitou um centro milimétrico para Montero: o colombiano falhou por pouco esta oportunidade, a melhor da primeira parte.

 

Da prestação de Carrillo. O peruano fez um excelente slalom aos 19', servindo Capel pela ala esquerda: o golo só não aconteceu por ligeiro atraso do andaluz. Amorteceu muito bem a bola e fez uma óptima assistência para o golo de André Martins.

 

De Wilson Eduardo. Entrou para o lugar de Capel, aos 73' - e marcou 12 minutos depois. O terceiro do jogo e o seu terceiro golo na Liga. Nota máxima para a sua execução técnica neste lance.

 

De ver as bancadas tão bem preenchidas. Mais de 37 mil espectadores presentes neste Sporting-Belenenses: uma inequívoca prova de confiança dos sócios e adeptos nesta direcção, nesta equipa técnica e nestes jogadores.

 

 

Não gostei

 

Que o Sporting tivesse demorado 27 minutos a marcar o primeiro golo. Não havia necessidade de esperar tanto.

 

Que o árbitro não tivesse assinalado um penálti claríssimo sobre Montero aos 43'. Um erro grave de Hugo Pacheco. Ficou por marcar a grande penalidade e ficou por exibir um cartão vermelho ao defesa João Meira.

 

Do resultado ao intervalo: 1-0. Só pecava por ser escasso.

20 comentários

Comentar post

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D