Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

És a nossa Fé!

O que a imprensa desportiva não quer ver e é muito óbvio...

O 1.º lugar do Sporting no campeonato, com a liderança isolada, não está a fazer bem a algumas cabecinhas iluminadas da imprensa desportiva doméstica.

Se às segundas, quartas e sextas, os comentadores escrevem que o plantel do Sporting é curto para o título, às terças, quintas e sábados escrevem que o Sporting é que tem sorte pois só tem o campeonato com que se preocupar e mais nenhuma outra competição para desgastar os seus jogadores. Afinal, em que é que ficamos?

Se há poucos meses atrás, depois de mais um campeonato decepcionante, os comentadores carpiam lágrimas pela mó de baixo do Sporting, clamando por um Sporting forte para dar luta ao campeonato, agora que o Sporting lidera a Liga e dá luta aos adversários, existe um misto de crónicas entre o elogio sincero e o elogio com manha, este último insistindo que a fase brilhante do Sporting no 1.º lugar não irá durar muito tempo pois os jogadores não aguentarão com a pressão e mais cedo ou mais tarde o Sporting começará a perder terreno para a concorrência directa.


Esta ideia de que o plantel do Sporting é curto para ganhar o título, que não conseguirá aguentar a pressão e que com naturalidade acabará por sair da liderança, inspira-se nos exemplos de Boavista e Braga (sobretudo) que no passado fizeram campeonatos muito acima das expectativas, mas que, a certa altura, algumas das vezes quase a chegar à praia, acabaram por soçobrar. O Sporting será mais do mesmo, prevê-se com uma certeza tão categórica como a Páscoa calhar no Domingo.

Ora, com o devido respeito, essa leitura está profundamente equivocada.

Desde logo, porque o Sporting é um clube que sabe e tem hábitos de ganhar campeonatos. São 18 ao todo, não 1 nem 0.

Depois, porque boa parte dos jogadores do plantel do Sporting estão doutrinados na disciplina de cultura de vitória e conquista. Sabem o que isso é. E sabem também o que é estar em 1º lugar. São coisas que já vêm com eles desde os «petizes». Por isso, quem ontem esperava tremedeira como varas verdes da equipa perante a hipótese de chegar ao 1.º lugar enganou-se redondamente….

Por último, e não menos importante, existe ainda um outro «pormaior» que Boavista e Braga também nunca tiveram, e que no caso concreto do Sporting está a fazer toda a diferença, até mesmo por comparação com os últimos anos de Porto ou Benfica: o seu 12.º jogador.

Ontem, em Barcelos, parecia que se estava em Alvalade. E não foi apenas naquele jogo. O Sporting nas deslocações fora de casa tem contado, como há muito tempo não se via, com um apoio muito presente e bastante alargado dos seus adeptos. Uma falange que nunca se cala, nem nunca se cansa de apoiar a equipa e os seus jogadores.


A imprensa bem pode teimar em querer ler o Sporting e o seu 1.º lugar à luz das leituras que fez no passado sobre Boavista e o Braga. Mas essa leitura é redutora e enganadora, e presta-se a dar grandes dissabores aos seus autores, como o Pedro Correia vem muito bem dando conta.

 

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D