03 Mar 17
Voto Bruno porque sim
Edmundo Gonçalves

E agora é a vossa vez de dizer "ouve lá meu, és parvo ou quê?"

- Ou quê, respondo-vos eu.

Anda por aí um candidato que não apresentou uma ideia, uma novidade, um arremedo de programa e pediu-me, por e-mail e sms que votasse nele. Atenta a falta de sumo da sua candidatura, só posso presumir que me tenha pedido o seu voto porque sim.

Em contrapartida, há outro candidato que para além de obra feita, surpresa! ainda se atreve a apresentar um programa credível. Se outro motivo não houvesse, este bastaria. Porquê? Ora, porque sim!


comentar
26 comentários:
De Carlos Silva a 3 de Março de 2017 às 15:59
Amanhã não vou dar o meu voto ao Bruno.
Peço desculpa, mas não o faço. Vou vendê-lo, ou trocá-lo. Eu voto nele, mas não será incondicionalmente. Quero em troca algumas explicações, nomeadamente as causas das contratações tão falhadas. Quero estar descansado quanto ao futuro. Saber que a lição foi aprendida e que não se voltará a repetir. Conta comigo mas por favor não me falhes.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 17:39
Carlos, creio que este blog já deu mostra de que não se limita a apoiar, tem também ideias e propostas e "casca" quando acha que o deve fazer. Por mim assim continuará a ser e estou convicto que com os colegas se passará o mesmo.

SL


De Carlos Silva a 3 de Março de 2017 às 18:07
Para além de tudo o que o Edmundo citou, gostaria de assinalar uma excelente capacidade de encaixe ao deixar passar verdadeiras barbaridades carnidenses que frequentemente aqui tentam agredir os sportinguistas. Tiro-vos o chapeu, pois têm uma postura que eu creio (infelizmente) não conseguiria.
P.S O meu comentário anterior baseava-se somente numa chamada de atenção a Bruno de Carvalho, sem qualquer intuito de beliscar este blog, que tanto aprecio. Se esse meu texto deixou algumas dúvidas, aqui ficam as minhas desculpas.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 18:32
Nada que pedir desculpas, meu caro. a mensagem foi perfeitamente entendida.

Quanto à lampionagem, estamos vacinados com vitamina S (umas pastilhas verdes muito boas), só isso nos permite publicar o que publicamos. Não vê o Carlos aquilo que vai para o lixo, por impublicável...

SL


De Yazalde a 3 de Março de 2017 às 17:24
Gostava era de perceber o motivo de o atual presidente ter uma entrevista/monólogo no canal do clube. O outro candidato vai ter a mesma possibilidade? É que isto de utilizar os meios do clube para fazer campanha é baixo nível. E depois a ideia que alguns neste blog querem fazer passar de que os sportinguistas que não votam no atual presidente são menos sportinguistas que eles, é uma tristeza. São livres de fazer campanha pelo presidente atual, mas ofender os outros e julgarem-se mais inteligentes por o defenderem já não. Ainda agora acaba um mandato cheio de promessas de vitórias no futebol (que é o principal e o que realmente interessa à maioria dos sócios), e parece que não aprendeu nada, começa já por dizer que promete não um, mas mais que um campeonato nos próximos quatro. Atenção, ele diz claramente que vai ganhar, não vai ser candidato. É apenas louco, ou isso já está garantido? Estou farto que me vendam ilusões. E farto de ser apelidado de lampião de cada vez que exprimo a minha opinião também. Democracia é uma coisa muito bonita e custou muito a conquistar neste país. SL.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 17:37
O que p'raí vai, meu caro!
Aqui ninguém chamou lampião a ninguém, excepto ao candidato Madeira, que utiliza os mesmos argumentos que os lampiões para atacar o presidente, e aos seus mais directos apoiantes. Muitos deles nem podem votar, uns por serem lampiões, outros por terem sido expulsos de sócio.
Quanto à democraticidade do acto, é comparar com anteriores eleições.
Vote bem, meu caro.

SL


De Balakov a 3 de Março de 2017 às 17:44
Realmente ridículo prometer campeonatos, com a preciosidade de dizer que não vai ser um, mais mais que um... Populismo barato.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 17:52
Refere-se a qual dos candidatos?
É que ouvi essa promessa de ambos...


De JL a 3 de Março de 2017 às 18:22
O outro candidato não teve o mesmo espaço na Sporting TV porque o recusou e ainda andou aí a acusar o canal de falta de isenção, entre outras atoardas. Pelos vistos, achou mais correcto dar milhentas entrevistas ao Jogo e à CMTV. Fez a opção que quis.


De JRamos a 3 de Março de 2017 às 18:53
Para mim PMR teve uma ideia válida nomeadamente quanto à forma: a de não dirigir pessoalmente o futebol chamando um homem com saber opara o post. Podemos discutir se Boloni era adequado e eu não concordei com a ideia de Boloni ficar encaregue do futebol profissional e da formação. A exigências do futebol profissional precisam de um director exclusivo tal como as exigências da formação embora claro possa haver hiererquia entre ambos e trabalho conjunto.

BdC infelizmente continua a querer mandar directamente no futebol e portanto estamos na fase da formação de Bruno de Carvalho para o mundo do futebol profissional enquanto os adversários tem gente já mais que formada a dirigir o futebol.

Eu espero bem estar enganado como é evidente mas a minha crença em vitórias no campeonato não é muita. Perdemos 4 anos na medida em que poderíamos ter lançado a construção de uma estrutura para o futebol do clube e não do treinador que nestes próximos 4 anos estaria já mais experiente e eficaz. Vamos começar mais 4 anos com uma estrutura de clube pequeno, com o presidente a manda directamente em tudo, e portanto inferior à do benfica e porto -- embora algo da estrutura do porto esteja agora e tribunal acusada de crimes.


De JRamos a 3 de Março de 2017 às 19:07
Desculpem as muitas gralhas mas tenho um problema com a "sensibilidade" das teclas no meu teclado. Passa muitas vezes sem registrar a letra.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 19:12
Caro JRamos, eu não discordo muito de si, já aqui escrevi que também me parece ser mais eficaz ter alguém que não o presidente para responsável pelo futebol, no entanto em relação aos adversários mais directos, não me parece ser por aí. Sabe quem é que manda no futebol no Porto ou no Benfica, assim de repente? Eu acho que o homem forte para o futebol destes adversários é aquele que distribui prebendas, que trata das classificações dos árbitros e por aí fora. Contra isto é que é preciso continuar a lutar e se não acabarmos com isto, nem com o plantel do Barcelona ganharemos.

SL


De JRamos a 3 de Março de 2017 às 19:38
Certo. Apenas julgo que temos que considerar também o que nos nossos adversários vai além das prebendas e é simplesente organização e metodos de trabalho mais eficazes. Isto custa muito porque implica ver méritos nos adversários nomeadamnte no benfica mas temos que ser um pouco implacáveis com a nossa sensibilidade para que não nos tolde o pensamento e a razão no que respeita a aumentar a força do nosso futebol. Não somos só nós que aprendemos com os erros e melhoramos, os adversários também e se ficarmos em Portugal na posição em que apenas um entra directamente na CL e outro na terceira pré-eliminatória tudo vai apertar ainda mais.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 22:12
Não me custa nada dar mérito a quem o tem, mas perdoe-me a insistência, enquanto os nossos adversários ganharem da forma como ganham, de mim nunca receberão qualquer elogio.

SL


De Implacável a 3 de Março de 2017 às 23:16
Desculpem a intromissão na agradável conversa mas o JRamos tocou no ponto.
Irrita-me solenemente a conversa tipo cassete de toda a gente a cada vez que um treinador é despedido.
Sinceramente, considero a profissão de treinador o mais confortável emprego de gestor - que o são, não nos esqueçamos - porque nunca são culpados de nada.
Atiram sempre com o argumento de que não tiveram tempo para desenvolver o seu trabalho e que acreditavam plenamente na recuperação da equipa e bla, bla, bla.
No fim, são sempre "castigados" com uma choruda indemnização e nunca um clube conseguiu provar em tribunal que os objectivos não foram atingidos para alegar justa causa no despedimento. Todos (a habitual "cambada - para ser simpático - jornalística) criticam os dirigentes por firmarem contractos de longa duração com os treinadores, mas nunca nenhum se deu ao trabalho de investigar o porquê desta situação. É pena...
Ora, para mim, a permanência de um treinador á frente de uma equipa justifica-se enquanto esta se mantiver em evolução. A partir do momento em que se começa a verificar um retrocesso, o ciclo do treinador acabou. A não ser que se queira adoptar o triste exemplo do Arsenal.
O que anda a fazer Wenguer no colosso Inglês? Os donos do clube andam permanentemente á espera do milagre do "acredito no meu trabalho e que ele vai devolver a equipa aos títulos"?!
Veja-se, ao contrário, o Chelsea. De campeão á luta pela manutenção. Treinador despedido e na época seguinte, domínio total. Embora hajam excepções (e muitas, devo reconhece-lo), manter um treinador porque sim á espera de ter descoberto um novo Alex Ferguson, é arriscar ir parar á segunda liga.
Voltando ao comentário do JRamos, também eu fui apreciando o trabalho de BdC - mesmo tendo ficado "doente" com o mais do que previsível disparate ao contratar jj - enquanto o clube se manteve a evoluir para a recuperação da competitividade.
O problema é que esta época foi desastrosa, inverteu esse ciclo e vai provocar a destruição de uma equipa que se estava a formar para ganhar.
Jogadores como Adrien, William e até Rui Patrício, estão já com a cabeça fora do SCP. Não aguentarão mais uma época a marcar passo. Ou seja, este defeso trará a necessidade de montar uma equipa nova porque, á semelhança do que acontecia do outro lado da Segunda Circular, jj esbanjou fortunas em contratações para aproveitar uma nesga de jogadores (apenas 2 para ser mais preciso).
Isto não é novo para ninguém, a não ser para BdC...


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 23:39
O fascínio do futebol (e do desporto em geral), é que não há resultados pré-definidos (se tudo correr dentro da legalidade). Deste modo ninguém pode garantir, à partida para qualquer prova, que vai ganhar. Claro que quem está melhor apetrechado, tem maiores probabilidades de vencer, mas apenas isso.
Em Inglaterra investem todos muito porque têm muito dinheiro (os direitos são centralizados), mas de há muitos anos a esta parte que vencem os mesmos três, sendo o Leicester a excepção que confirma a regra, daí os donos do Arsenal limitarem-se a gerir o clube e retirarem os lucros do investimento. Como o Wenger conhece os cantos à casa, para quê criar confusão mudando o treinador?
Voltando ao Sporting, esta época foi desastrosa também porque alguns já andavam com a cabeça noutro lado (William é um caso flagrante) e como vimos com Dost, os que pegam de estaca custam muito dinheiro. Claro que temos na cantera até melhor que o que se comprou, mas a equipa tem que ser temperada de juventude e experiência e com a qualidade dos nossos jogadores, dificilmente ficarão no clube até ganharem essa experiência.
Quanto aos contratos dos treinadores e ao seu despedimento, embora tenda em concordar consigo, as regras são estas, nada a fazer.

SL


De Implacável a 4 de Março de 2017 às 00:41
Sim, concordo na generalidade.
Gostei do seu parêntesis. De facto a lei impede que haja resultados previamente assegurados mas, por cá, é demasiado evidente que eles existem. Só não percebo porque é que, desta feita, a Dra. Maria José Morgado não se empenha com o afinco que a levou a "criar" o apito dourado.
Tenha uma boa noite.

SL


De Implacável a 3 de Março de 2017 às 19:18
Discordo Edmundo.
Não vou votar nele mas PMR teve o condão de apresentar um treinador. Coisa que o SCP, neste momento, não tem!
Nesta altura ficaria feliz de ter um treinador medíocre como Paulo Sérgio ou Sá Pinto, mas nem isso!
O que o SCP tem, neste momento, é um velho egocêntrico e parolo que se serve do meu clube para se pavonear e dar aso á sua alucinação de que é um bom treinador espalhando as suas asneiras pêlos campos. O resultado são duas épocas sem títulos - sendo a actual uma calamidade.
E, no final, ainda custa uns pornográficos 8 milhões por época.
Parte da Nação Sportinguista só pode andar anestesiada para não se revoltar perante esta gigante aberração.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 19:23
Não seja injusto, meu caro.
A época passada não fomos campeões todos sabemos porquê, com o record de pontos e vitórias batido e com um futebol bastante agradável.
Está no direito de não gostar de Jesus, não pode é, de forma séria, dizer que ele é mau treinador.
Pode dizer que é teimoso, isso pode. E até arrogante (já é menos), mas compará-lo com Juande Ramos, não é justo para o espanhol.

SL


De Implacável a 3 de Março de 2017 às 19:36
Edmundo, para mim um bom treinador é o que ganha. e jj ganhou ZERO! Lamento.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 22:14
Em Inglaterra há uma dúzia de excelentes treinadores. Alguns nunca cheirarão o título...


De Implacável a 3 de Março de 2017 às 22:53
São realidades diferentes com uma mentalidade muito peculiar.
Em Inglaterra, as pessoas vão aos estádios para ver futebol, em Portugal é para ver o seu clube ganhar. Por isso os adeptos do West Ham e QPR, para citar dois dos mais populares clubes britânicos, pouco se importam com o facto do clube deles não lutar por títulos.
Por cá, e na maioria dos países, um clube que não ganha vai definhando.
É certo que jj é um bom treinador, mas para equipas médias.
Ganhou onde ganhou da forma como todos sabemos e não vale a pena "chover no molhado", mas em clubes onde a "margem de manobra" é nula, a sua vaidade que resulta em frequentes invenções, levam-no a perder jogos. E num clube que lute pelo campeonato português, não se pode perder pontos.
É esse o problema de jj. Erra demasiadas vezes, não é constante e regular e gasta demasiado dinheiro em contratações.
Não é um treinador caro, é, simplesmente, ruinoso...


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 23:13
Só gasta o que lhe deixam...

Eu por acaso sou um adepto/sócio à inglesa e confesso que me entusiasma o futebol das equipas de Jesus, em regra jogam muito bem, com um sistema que me agrada.
Como qualquer treinador, tem os seus jogadores fetiche e por vezes erra, mas aponte-me um que nunca tenha errado. Provavelmente erraria menos se fosse mais cínico, mas se o fosse, cairia o Carmo e a Trindade.

SL


De Implacável a 3 de Março de 2017 às 23:21
Pois, já eu sou um adepto bem portuga...
Quanto ás contratações, acabo de enviar um comentário na conversa entre o Edmundo e o JRamos no qual dou conta da minha visão sobre o assunto e as suas consequências em termos futuros.



De facio a 3 de Março de 2017 às 19:45
"Anda por aí um candidato que não apresentou uma ideia, uma novidade, um arremedo de programa e pediu-me, por e-mail e sms que votasse nele."

Sim, de seu nome Bruno Carvalho. Juntou a tudo isso um RC apresentado à la trump, e uns minutos de cogumelos mágicos ontem na Sporting TV.


De Edmundo Gonçalves a 3 de Março de 2017 às 22:16
Mas ontem na SportingTV não foi o outro?
Pelos sorrisos...
Se quer falar de democraticidade nas eleições do Sporting, quando quiser.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Os nossos comentadores me...

'Nunca lutes com um porco...

A luso-portuguesa Jéssica...

22 de Abril

Um pedido singelo

A minha visão do derby

Rescaldo do jogo de hoje

Pérolas de Ribeiro Cristó...

Viva o Benfica!

Os nossos comentadores me...

Arquivo

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

prognósticos

jorge jesus

vitórias

há um ano

balanço

slb

campeonato

arbitragem

benfica

jogadores

rescaldo

eleições

mundial 2014

taça de portugal

liga europa

godinho lopes

ler os outros

clássicos

golos

árbitros

nós

euro 2016

futebol

comentadores

crise

marco silva

cristiano ronaldo

scp

análise

humor

formação

chavões

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds