23 Jul 17
Gostei!
Edmundo Gonçalves

alvalade.jpg

 

 

Gostei da primeira parte, mais pelos golos e do início da segunda, com a entrada de William Carvalho e Adrien.

Já foram feitos os destaques pelo Pedro no post habitual, mas quero deixar apenas algumas notas, mais sobre os novos jogadores.

Mathieu começou a tremer, desacertou mais do que acertou, mas com o decorrer do tempo "atinou" e fez uma excelente segunda parte (também lá tinha William à sua frente e o esquema táctico foi outro);

Piccini é "curto", mas se não vier mais ninguém, parece-me capaz para o lugar, tenha ele sempre a ajuda de Gelson, como teve hoje. Não esteve mal.

Coentrão esteve vários furos acima dos jogos na Suíça e França. Se não tiver lesões pode ser reforço.

Battaglia fez um excelente jogo. Será ele o sucessor de William, quase de certeza.

Bruno Fernandes será o sucessor de Adrien, esteve bem, mas certamente ainda melhorará muito, precisamos disso.

Acuña. Parece-me que vai pegar de estaca.

Estes foram os que jogaram na primeira parte e parecem-se ser as primeiras opções de Jesus.

 

Gostei de ver aquele sistema de "quase" 3x5x2 de início. Vê-se que faltam rotinas, foi aí que Mathieu andou um pouco aos papéis, mas foi onde Battaglia esteve melhor. Vai ser o sistema que talvez vá ajudar a furar as defesas de equipas que jogam para o pontinho. Eu confesso que gosto, é um sistema que se bem jogado é empolgante. Vamos ver se Jesus opta por ele nas situações que referi.

 

Sábado há mais, com mais uma semana de trabalho, e um troféu para ganhar.

 

E agora vou de merecidas férias, se vossas excelências se não importarem.

 


comentar ver comentários (1)
20 Jul 17
No futebol nada é eterno
Edmundo Gonçalves

E se no futebol português há uma pessoa que sabe muito bem o que esta frase quer dizer, é precisamente Octávio Machado.

Confesso que nunca vi grande vantagem na sua contratação (o mesmo serve para outra qualquer pessoa com as mesmas tarefas, não tem nada de pessoal), mas admito que o seu trabalho fosse mais de bastidores, logo longe dos holofotes e do escrutínio de quem está deste lado.

O futebol vive de resultados e normalmente quebra pelo elo mais fraco. Octávio, que de parvo nada tem, percebeu há muito que era ele o elo mais fraco.

Saiu, como era expectável por muitos há algum tempo.

Sabendo do futebol o que sabe, esperava-se que se mantivesse calado, ainda que hipoteticamente cheio de razão.

Foi (é) mais forte do que ele e, qual escorpião, teve que abrir a boca. Está-lhe na natureza.

Vocês sabem do que eu estou a falar.


comentar ver comentários (38)
19 Jul 17

Diz Jesus, talvez para justificar a bosta de resultados, e não só no placard, que a "viagem" foi mal planeada.

Quem terão sido os incompetentes? Jesus não supervisiona isto? 

Eu não fui!


comentar ver comentários (38)
18 Jul 17
Nem bom vento?
Edmundo Gonçalves

Detido presidente da Federação Espanhola de Futebol por suspeitas de corrupção.

Ah, se por cá fosse assim, que belo ar se respiraria.


comentar ver comentários (32)
16 Jul 17
Delete
Edmundo Gonçalves

Foi dada a machadada final no assunto e-mails.

Como dizem os brasileiros, ao dar uma casquinha a Pinto da Costa e ao Porto, anulando os castigos do apito douro-rubro, é meio caminho andado para relativizar o correio electrónico. Vai uma aposta?


comentar ver comentários (12)
Aviso!
Edmundo Gonçalves

Fica a promessa.

Ofereçam uns patins ao Francisco Geraldes e fica aqui o aviso de que, semanalmente, terão um post alusivo.

A paciência tem limites, porra!

 


comentar ver comentários (40)
14 Jul 17

Ontem tive oportunidade de ver o jogo completo.

Como ponto de ordem, quero deixar claro que entendo todas as experiências que se queiram fazer nestes jogos, mesmo a peregrina ideia de estar a levar dois e jogar sem ponta de lança. Por outro lado, não gosto de perder, nem mesmo a feijões!

Eu não percebo nada de futebol, no entanto vejo bola quase desde que nasci e tenho cá p'ra mim que há nas preparações da época dois factores essenciais que se pretendem atingir: Aquisição dos métodos do treinador e o consequente entrosamento entre os executantes, por um lado, e começar a criar um suporte psicológico forte para enfrentar uma época longa e complicada.

Ora, na minha opinião de analfabeto futebolístico, o primeiro propósito adquire-se praticando nos treinos; Muitas vezes, parando o apronto as vezes que forem necessárias, indo lá por repetição até que aquilo seja feito de olhos fechados e o segundo colocando em campo, em jogos particulares, aquilo que se praticou nos treinos e conseguindo com isso vitórias. Porque, mesmo para quem nada percebe de futebol como eu, repito, a vitória é o maior elixir para um "caparro" psicológico forte e consistente. Quem não ouviu já dizer que as equipas se alimentam de vitórias?

Assim sendo, mais uma vez na minha modesta opinião como futebolisticamente analfabeto, as pré-épocas devem ser planeadas em função destes dois objectivos primordiais e os jogos delas constantes serem jogados em função do que se pretende atingir (entrosamento e confiança), ou seja, há duas hipóteses: Ou se escolhem equipas fracas e se fazem todas as experiências durante estes jogos, considerando-os como mais um treino e rodando todos os disponíveis para os observar num contexto diferente, apenas um pouco mais complicado, ou se escolhem equipas fortes. Nestes jogos com equipas da mesma igualha que a nossa, perdoem-me os catedráticos do futebol, Jesus incluído, o meu orgulho sportinguista não se compadece com experiências e 22 jogadores em campo (só dos nossos) e não vai em conversas de que "isto é só um jogo-treino, o resultado não interessa". Interessa e muito! Como disse, as equipas alimentam-se de vitórias e se anteontem a vitória no jogo com os turcos foi um belo tónico, o descalabro de ontem foi um murro no estômago e o deitar por terra do que se terá conseguido no dia anterior. Quem pensar que estes jogos são apenas treino, não percebe o que é ser Sporting. Quem encarar estes jogos com displicência, está a mais no Sporting, do topo à base.

"Ah e então como é que tu farias, ó inteligente?" perguntam e bem vocês, que estão a perder o vosso tempo a ler-me. Pois, como eu não percebo nada disto, nesta opção de pré-época, os jogos seriam para ganhar, o prestígio do Sporting está em causa. E para ganhar estes jogos, é escalar um onze para tentar isso mesmo, é jogar um jogo de futebol e não uma partida de treino. Experiências fazem-se em casa! "Ah, mas no início da época todos devem ter a mesma oportunidade". Pois devem, mas nestes casos, valores mais altos se alevantam e, mais uma vez, quem não entender isto, estará a mais no Sporting. Perguntem aos sócios e adeptos sportinguistas que estiveram ontem no estádio se ficaram satisfeitos com a merda de jogo que foi produzido, já não falando do resultado que só não foi mais expressivo, porque não calhou mesmo.

Não quero ser alarmista, mas temo que o caminho que se está a querer traçar seja o mesmo que o da época passada, com a porcaria de resultados que se viu.

Portanto, ainda estamos a tempo de arrepiar caminho. Senhor presidente, vamos lá a pôr ordem na barraca, está bem?


comentar ver comentários (46)
13 Jul 17

É extenso, mas como alguns dos leitores estarão de férias, são apenas cinco minutos do vosso tempo que vos tomo. 

 

"É  continuar a assobiar para o lado porque não se passa nada! Três secretários de Estado demitiram-se por terem aceitado o convite de uma empresa privada para assistirem à final do Euro 2016 que teve lugar em França e que levou a nossa Selecção Nacional a sagrar-se campeã europeia. Nestes casos, embora se considere que não seria pelas viagens que os secretários de Estado alterariam as suas decisões políticas, houve o entendimento que esta não foi a conduta adequada para os cargos que exerciam, pelo que assumiram as respectivas consequências e demitiram-se.

Talvez agora as virgens ofendidas, os “encartilhados”, os hipócritas e alguns ingénuos percebam melhor o que estava, ou melhor, o que está em causa no caso “vouchers dourados”. Há, no entanto, para já, pelo menos, uma questão que distingue os casos anteriores, é que contrariamente ao primeiro, nos “vouchersdourados” não houve, para já, qualquer tipo de consequência. Mas se não é considerado adequado um secretário de Estado aceitar uma oferta de uma entidade privada com quem se relaciona, e sobre a qual toma decisões, já o será no caso nos nossos eternos rivais com os “vouchers dourados”?

De facto com o “manto sagrado” que os protege, como dizem “nuestros hermanos”, no pasa nada. O modus operandi, apesar de denunciado, continua a permitir que os seus responsáveis continuem impávidos e serenos a cumprirem o seu habitual expediente. Veja-se, por exemplo, os últimos episódios com a directora executiva da Liga, Sónia Carneiro, em que as práticas habituais da actual gestão do nosso rival dão uma vez mais o ar da sua graça. Esta que é a mesma que lhes permite continuarem a usar as denúncias de que são alvo como argumento das suas campanhas publicitárias, um sentimento típico de quem goza e tem um sentimento de impunidade. Resta saber apenas até quando…

Enquanto isto, como denúncias não pagam dívidas, há que continuar a criar cortinas de fumo para desviar as atenções, anunciando investimentos em universidades, ninhos de empresas e centros de investigação & desenvolvimento. Acreditamos que não tardará também uma estação orbital, sim, porque astral já terão por certo, pois esta fará parte do quotidiano… ou será bruxaria?

A propaganda, essa, continua cada vez mais intensa, com o vermelho a dominar boa parte da comunicação social. E não se pense que é com a cor da nossa Selecção Nacional, nem com a evocação da conquista europeia que agora completou um ano. Embora aqui se continue a fazer passar que um jogador oriundo da formação rival vale por 10 dos nossos, precisamente o número dos jogadores oriundos da nossa Academia que integraram os catorze jogadores utilizados na final de Paris. Por isso, apenas por ser curioso, sem questionarmos a transparência ou a metodologia dos Prémios da Liga, debrucemo-nos sobre a coerência da sua atribuição. Vejamos, por exemplo, o caso de Gelson Martins, nomeado para “jogador revelação do ano” e simultaneamente também para “jogador do ano”, sendo o único a ser nomeado para esta categoria entre os três que foram nomeados para a “revelação do ano”. A lógica diz-nos que se nenhum dos outros dois tiverem lugar nos três melhores da Liga, que é o prémio maior, então num prémio de outro patamar o nomeado para “jogador do ano” vence naturalmente o prémio revelação, certo? Errado, pois não foi isso que aconteceu com Gelson, e nem será necessário revelarmos qual a cor da equipa do jogador que venceu, pois os leitores já perceberam há muito!

A nossa equipa de futebol já iniciou os seus trabalhos, estando neste momento na Suíça, onde decorre a pré-época e onde estão a ser realizados jogos de preparação com equipas de topo. Uma primeira nota que aqui queremos registar é o apoio incondicional que, uma vez mais, os melhores Sócios e Adeptos do mundo têm demonstrado à nossa equipa desde a sua chegada a terras helvéticas.

Na próxima segunda, a nossa Sporting TV completa três anos, depois de em 17 de Julho de 2014, pelas 19:06 ter dado início às emissões regulares, sete dias por semana, 24 horas por dia. Actualmente, somos distribuídos em Portugal em todas as plataformas, e estamos a alargar a nossa presença internacional, sendo os conteúdos da Sporting TV também já presença assídua em voos de longo curso de algumas companhias aéreas. Nestes três anos temos vindo a crescer nas audiências e em qualidade, um caminho a continuar. Parabéns a todos quantos tornaram a Sporting TV possível e àqueles que diariamente trabalham afincadamente para levar aos Sportinguistas, tal como aqui no Jornal, toda a verdade verde no branco.

Boa leitura!"


comentar
11 Jul 17
Excelente
Edmundo Gonçalves

selecção.jpg

 

Excelente o trabalho da RTP no aniversário da conquista do Euro 2016.

Deve estar disponível no site da estação (RTP Play), para quem não teve oportunidade de ver.

Tags: ,

comentar ver comentários (9)
10 Jul 17
Napachacha
Edmundo Gonçalves

Não resisto a replicar aqui esta publicação no blogue sangue leonino reveladora, como se ainda fosse preciso, do estado a que chegou o jornalismo, desportivo no caso, neste País:

 

 

11.jpg

 


comentar ver comentários (23)
07 Jul 17
É hoje, é hoje!
Edmundo Gonçalves

Inicia-se hoje a época 17/18 com o jogo particular com Os Belenenses, logo mais, às 20.00 horas no Estádio do Algarve.

Hoje de manhã enviei um e-mail a um bruxo bem cotado na praça, para saber como iriam correr as coisas.

Respondeu-me há pouco, dizendo que fui descuidado, que o posso comprometer...

 

Efectivamente, o negócio dos bruxos anda pelas ruas da amargura.


comentar ver comentários (7)
04 Jul 17
Que pasmaceira
Edmundo Gonçalves

Isto se não fosse o Porto Canal, era um Verão tão monótono que até o Eliseu corria o risco de adormecer em cima da Vespa.

Ah! Minto. Há a notícia de eles quererem ir gerir um clube em Inglaterra. Mas essa piada deve vir imbuída de um humor tão british, que nem eu ainda me consegui rir.


comentar ver comentários (32)
30 Jun 17
É Umbadé, umbadé Doumbia
Edmundo Gonçalves

A ver se marca na CL como há duas épocas.

 

1024.jpg

 


comentar ver comentários (40)
28 Jun 17
Sem honra, nem glória
Edmundo Gonçalves

Uma equipa mal armada.

Uma táctica do deixa que o Ronaldo resolve.

Uma teimosia do tamanho do Mundo.

Um jogo perdido nos penaltis, quando a sorte foi mãe durante o jogo jogado.

Resultadista? Quando o Ronaldo engrena.

Já agora, porquê a insistência em jogar com menos um, sempre?

 

 


comentar ver comentários (32)
pergunta para queijinho
Edmundo Gonçalves

O que vê Fernando Santos em André Gomes?


comentar ver comentários (42)
Fotocópia autenticada
Edmundo Gonçalves

Os outros tinham o bruxo de Fafe.

Estes têm o Nhaga.

O homem aprendeu a lição toda com o padrinho (à cautela, não vá o diabo tecê-las, há que ter à mão uma ajudinha extra).

E se o melhor está para vir, a conclusão só pode ser uma: A cria venceu o criador!

 

Chamem depressa o Hércules, que há por aqui muita cabeça a decepar.

Tags:

comentar ver comentários (60)
26 Jun 17
Pontapé de saída
Edmundo Gonçalves

Hoje renovam-se todas as esperanças.

Vinte e um acompanharam a equipa técnica no primeiro dia de trabalho da época 2017/18, dentre os quais quatro reforços e dois regressos (André Pinto, Mattheus Oliveira, Piccini e Battaglia e os regressados Domingos Duarte e Petrovic).

Os melhores jogadores do mundo, os nossos, enchem-nos mais uma vez de fé.

Que a coisa seja limpa (e não limpinha) e que ganhe o melhor. E que o melhor seja o Sporting!


comentar ver comentários (7)

Ou a capitulação do último "moicano" à ditadura do polvo e aos mendilhões?

Até este último europeu de sub-21, as equipas de Rui Jorge, que detinham um enorme record de jogos sem perder, mais de cinco anos e meio, sentiram pela primeira vez o sabor da derrota. E por causa disso mesmo, ficaram pelo caminho na fase final do recente Euro-2017.

No jogo que ditou a derrota com a Espanha e que está na génese dessa eliminação, Rui Jorge recorreu a uma equipa maioritariamente oriunda da maior academia do Mundo e do Dubai. O rapaz com maior experiência de banco da bundesliga foi, só, o pior jogador de entre os portugueses e tudo leva a crer que a sua inclusão terá sido uma imposição, ainda que por interposta convocatória (ao não ser convocado para a "Confederações", era quase obrigatório que o moço fosse titular nos sub-21 e Rui Jorge foi permeável à pressão). Nesse jogo que quebrou a invencibilidade da turma portuguesa, estiveram ainda João Carvalho, que fez parelha no meio-campo com Renato Sanches, sendo tal como o colega uma das asas do passador que foi aquela zona do terreno, João Cancelo, que perdeu tantas bolas que o delegado da FPF teve que ir ao supermercado comprar uma vintena delas para que se continuasse o jogo, Bruno Varela e Guedes. Ou seja, com cinco pérolas do Seixal em campo e pela primeira vez com uma minoria de rapazes de Alcochete, apenas três (Ié, Semedo e Podence), toma lá bolachas, Rui! A primeira derrota em cinco anos e oito meses.

Quando precisava de golear, lá recorreu aos do costume. A coisa até estava a correr bem, quando lhe passsou pela cabeça trocar Podence por Diogo Jota, que nada acrescentou e até acabou expulso e num rasgo de revolta (deduzo eu) lá tirou o rastafari, trocando-o pelo Ricardo Horta que para que o colega não ficasse ofendido, foi ainda um bocadinho menos eficaz que ele.

Por último e para colocar a cereja no topo desta açorda (que como se sabe não casa), nem deu um minuto sequer a Francisco Geraldes.

 

Era este senhor com que alguns andavam a sonhar para ocupar o posto numa eventual saída de Jesus?

Tags:

comentar ver comentários (37)
23 Jun 17
Expulsemo-los
Edmundo Gonçalves

A ser verdade e tudo leva a crer que sim, o que foi denunciado pelo presidente na AG de hoje configura uma clara violação dos estatutos do Clube.

Por mim, toda a oposição é legítima. Mais, toda a oposição é necessária. Os unanimismos são sempre maus conselheiros e o confronto de ideias é normalmente sinónimo de evolução e sempre um campo fértil onde floresce a democracia.

Mas isto nada tem a ver com a tal de democracia.

Isto é jogar o jogo do adversário, diria no caso vertente, do inimigo.

E quem joga, descarada e despudoradamente, o jogo do inimigo contra nós deverá arcar com as consequências.

Os estatutos são claros.


comentar ver comentários (4)
22 Jun 17
Isto será sobre o quê?
Edmundo Gonçalves

"200 euros o tempo que quiseres. Se for a três, é 400 euros".

 

Será sobre aluguer de camiões?

Será sobre uma trip de branca?

Será sobre uma viagem de tuk-tuk?

Ou será sobre truca-truca?

Confesso que estou baralhado.

Tags:

comentar ver comentários (34)
E agora Fernando?
Edmundo Gonçalves

E agora Fernando, será que já tens motivos para levantares o rabo da cadeira?

 

Ou o lugarzinho na UEFA desculpabiliza tudo?...

Tags:

comentar ver comentários (25)
21 Jun 17

José de Pina foi nossso colega aqui no És a nossa fé. Por razões que só ele saberá, talvez por falta de tempo avento eu, não colabora mais no blogue.

Isso não invalida que de forma lúcida e assertiva as mais das vezes, toque na ferida que mina o futebol português.

Esta é uma publicação na sua página de facebook, que reproduzo com a devida vénia:

 

"O que é o estado lampiânico - das origens ao momento actual.

 

Começa a ser evidente que todos nós, que não somos do SLB, nos sentimos cada vez mais sufocados com esta sociedade pré totalitária de um certo expansionismo imperialista benfiquista. Aquilo a que eu chamo há dois anos, o  Estado Lampiânico. A implementação deste ambiente não foi por acaso, demorou muitos anos e utiliza métodos clássicos de tomada de poder. Nada disto é novidade, basta estar atento aos sinais.
 

FASE 1 - Criação de uma percepção de poder através de uma grandeza demográfica e social. 

 
O mito urbano dos mais de 6 milhões. Dois terços dos portugueses são do SLB! Portugal é o Benfica e o Benfica é Portugal. Tudo frases que são repetidas há dezenas de anos para impor num subconsciente colectivo uma ideia de gigantismo. Uma força sociológia e demográfica para impor poder.  A mentira do “Somos 14 milhões em todo o mundo”, feita a partir de estudo que foi adulterado e que já foi negado pelos próprios autores. Esta ideia, mitómana, de uma maioria esmagadora de benfiquistas  foi a alavanca para a fase seguinte.
 
FASE 2 - Tomada e captura da Comunicação Social. 
 
Tal como nas revoluções e golpes de estado, o controlo da informação é fundamental. Jornais, radios e os canais de TV, são logo as primeiras instalações a serem capturadas. A tal força demográfica tem de se legitimar através da chantagem proto-totalitaria e monopolista do: “Somos muitos”. A ameaça da quebra de vendas de jornais, audiências televisivas e consequente perda de receitas publicitárias é o mantra para a necessidade de capas, artigos e noticias simpáticas para essa tal maioria que não pode ser beliscada. Jornais como montra de jogadores. Publicidade a Academia de jogadores. As empresas começam a fazer contas: “Eles são mais, a maioria da imprensa está com eles, temos de usar o SLB para promover a nossa marca.”  A criação através das Cartilhas ou Al Carnidão de um pensamento único sobre o clube no espaço mediático. E assim se cria a percepção de um força enorme da tal marca Benfica com a entrada de invstimento e rendimentos publicitários no SLB.
 
Com a soma da Fase 1 com a Fase 2, estavam criadas as condições para o assalto ao país desportivo.
 

FASE 3 - Tomada do poder político e judicial.

 
Os políticos gostam de chegar ao poder e depois não querem sair. Quando há um clube que criou uma percepção de grandeza demográfica e que se reflecte na comunicação social, qualquer politico (seja de que clube for) não se arrisca a hostilizar esse clube proto totalitário. Não é por isso de admirar as decisões, algumas inacreditáveis, sempre a favor do SLB. 
 
Exemplos: Leis feitas à medida para validar acções de uma SAD não cotada em bolsa. Dá-se a essas acções um valor ficticio e exagerado para um clube em ruína como garantia para umas enormes dividas fiscais. Tivemos trocas de terrenos desastrosas para a CML (Caso EPUL). Construção de piscina, pavilhão e museu sem licenciamentos camarários. Etc, etc. Dirigentes que continuam sem prestar contas de dividas. “Eles são muitos, têm a comunicação social, o país pára sem eles. Olha, o melhor é deixar andar para não nos chatearmos”, pensam os políticos e responsáveis deste país.
 
O Benfica é o clube de todos os regimes. O regime, qualquer que ele seja, serve-se do SLB, porquê? Porque está criada a ideia demográfica de uma esmagadora maioria e que é preciso agradar para ganhar votos e ter o povo do nosso lado. 
 

FASE 4 - Consolidação e disseminação.

 
Esta é a fase actual. Comentadores formados na BTV que são estrategicamente espalhados por canais de TV. Directores e sub directores de jornais. “Opinion makers”, como o ex ministro e maçon, Rui Pereira, a utilizar o seu espaço jornalístico para dar uma ajudinha ao seu clube sobre o caso vouchers. Na  semana passada  assistimos a vários programas especiais para falar do caso emails, com painéis total ou maioritariamente de gente afecta ao SLB. Ex arbitro e comentador de arbitragem na BTV, é convidado como imparcial para programas de outros canais.  Carlos Janela, depois de tudo o que se sabe, continua a ser um comentador “independente” e participa em programas criando sempre uma maioria pró benfiquista. Depois vemos o poder politico a prestar vassalagem na tribuna da Luz. Gostava de ver o ministro das finanças Centeno e o 1ºministro António Costa na tribuna da Luz, mas vestidos à Cobrador do Fraque. Tudo isto vem sempre suportado com a ideia de que sem o SLB o país pára. O PIB desce. Blá, blá, blá. Quem não se lembra destes chavões? Mais recentemente tivemos o aproveitamento de declarações de Isabel Jonet, Banco Alimentar (ver e ouvir no site da TSF), para se fazer campanha de marketing ao clube onde se passa a ideia de que quando o SLB joga isso se reflecte nas ajudas de alimentos e de voluntariado. Sim, foi uma campanha concebida pela empresa criativa Escritório que colabora com o Benfica ( foi noticia nos jornais de Economia). Tudo muito genuíno e espontâneo... 
 
É este o actual momento de expansão do ESTADO LAMPIÂNICO. A próxima e ultima fase, que ainda não está no terreno, deverá ser a Subjugação dos rivais a caminho do unanimismo - Provocar nos rivais a sensação de que nada há a fazer, eles são mesmo muitos, nós é que estamos mal e só temos direito a umas migalhas - O Carnide dos mil anos! A noticia de que o estado português está próximo de dar autorização para uma escola secundária e uma universidade do SLB é algo de intrigante (noticia do jornal Record 14 Junho).  Nessas futuras escolas vai rezar-se o Al Carnidão todos os dias? Os clubes têm o direito de crescer e ser mais vitoriosos, mas tem de ser com respeito e sã competição, e não através de uma monumental teia de interesses, manipulação e propaganda. 
 
Repito o que já ando a dizer há uns tempos: O SLB não é um clube organizado, é uma organização que tem um clube.
 
Para a defesa do desporto nacional e de uma rivalidade e competição saudável, temos de denunciar tudo o que de errado e estranho se está a passar.
 
Saudações Leoninas."


comentar ver comentários (24)
19 Jun 17
Sem palavras
Edmundo Gonçalves

1024.jpg


comentar

Estou aqui que nem posso.

Tags:

comentar ver comentários (88)
14 Jun 17

Mexam-se!

Sr. presidente da república;

Sr. presidente da assembléia da república;

Senhores deputados à AR;

Sr. primeiro-ministro;

Sr. ministro da educação e Sr. secretário de estado da juventude e do desporto;

Sr.ª ministra da justiça;

Sr.ª procuradora geral da república;

Sr. director nacional de polícia judiciária

 

Aguarda-se que levantem esses rabos das secretárias e mandem investigar esta pouca vergonha!

Sob pena de serem considerados coniventes com o fim do futebol em Portugal.

 


comentar ver comentários (39)
Jornalixo cartoonado
Edmundo Gonçalves

Ou como todos eles, à sua maneira, vão contribuindo para perpetuar a coisa.

 

transferir (1).jpg

 


comentar ver comentários (47)
12 Jun 17
Omisso
Edmundo Gonçalves

Vem no "MaisFutebol":

"A Liga de Clubes aprovou, esta segunda-feira, uma alteração ao regulamento disciplinar do campeonato que proíbe a utilização de cigarros eletrónicos na zona técnica.

A norma anterior não incluía os cigarros eletrónicos, embora fumar naquela zona já fosse proibido. O novo regulamento disciplinar prevê sanções para quem «fumar», «usar cigarros eletrónicos» ou «expelir fumo ou quaisquer outras substâncias, tais como saliva, na direção de dirigentes, jogadores ou quaisquer outros agentes desportivos».

Recorde-se que, este ano, o Sporting-Arouca ficou marcada por uma polémica envolvendo os presidentes dos dois clubes e em que se discutiu muito sobre o que aconteceu, de facto, no túnel de Alvalade.

À saída da reunião, Bruno Mascarenhas, diretor que representou o Sporting na Liga, condenou a medida, que foi proposta pelo Benfica.

«Isto é uma palhaçada, uma indignidade, que recebeu apenas a proposta favorável de Benfica, Arouca, Vitória de Setúbal, pelo senhor Paulo Grencho, e, em representação do presidente do Famalicão, veio um ex-jogador do Benfica que também aprovou a medida: João Tomás. Tivemos apenas votos contra de Sporting e FC Porto. Todos os outros assobiaram para o ar e abstiveram-se. Considero que isto é uma perseguição ao nosso presidente, Bruno de Carvalho, e esta aberração terá consequência jurídicas nos locais próprios», prometeu."

 

O peido está, portanto, omisso. Bruno, podes ainda mandar uns belos duns traques mal-cheirosos nas fuças de alguns!

Pelo menos por mais uma época...


comentar ver comentários (21)
Missa campal
Edmundo Gonçalves

No meio disto tudo nem é pelo volume da pança do padre, o que me incomoda é a promiscuidade entre a igreja e o poder político.

O primeiro-ministro não devia meter-se nestas coisas.

Tags:

comentar ver comentários (19)

2017-06-08_-_e4_-_Pavilhão_João_Rocha.jpg

 

Termino aqui a série de posts sobre a casa das modalidades.

Contrariando alguns velhos que por aqui foram destilando o seu fel contra esta obra magnífica, alguns jurando a pés juntos que nunca seria concluída, a obra ali está, para durante muitos anos ser palco, esperamos todos sportinguistas, de muitas e gloriosas vitórias. Dia 21 será inaugurado, para gáudio de todos nós.

A partir de hoje, desejo registar, pois, as vitórias dos nossos rapazes e raparigas nas mais diversas modalidades que ali irão ser praticadas, sempre com o lema do nosso grande clube presente: Esforço, Dedicação, Devoção e Glória.

 

2017-06-08_-_Pavilhão_João_Rocha.jpg

 

 

Como sempre, daqui.

Tags:

comentar ver comentários (8)
09 Jun 17

A todos, grandes e pequenos. 

Um destes dias temos um campeonato entre os gigantes da Europa e cedo ou tarde, o futebol desaparecerá.


comentar ver comentários (11)
08 Jun 17

Um senhor, especialista em direito desportivo, veio dizer que como os resultados das provas desportivas da FPF são homologados passados 30 dias, uma eventual condenação num eventual julgamento à eventual vigarice relatada aqui, não produz qualquer efeito, ficando os visados, se condenados, com os títulos conquistados eventualmente de forma "manhosa".

Atão não, coração...


comentar ver comentários (91)
06 Jun 17
F*+~#-%& (PIIIIIIIIIIIIII)
Edmundo Gonçalves

É pá, #$&%?=(piiiiii), esta &%»=!(piiiiiii) está toda &%?#/((piiiiii). Pó *+¨»«)$ (piiiiii).

E para que não fiquem dúvidas, #$%&/ "#$ %=( /(?+$# &/($#»++*#$ (piiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii).

 

Entretanto, parece que as contas estão 35 milhões de vezes para melhor, obrigado.

É aguentar, moços.

 

Puta que os pariu! (perdão. piiiiiiiiii)


comentar ver comentários (78)
02 Jun 17
Silly season II
Edmundo Gonçalves

Segundo O Jogo, Fábio Coentrão irá custar aos cofres do Sporting, 400.000,00 € (quatrocentos mil euros) em salários, o correspondente a 10% dos vencimentos que aufere no R. Madrid.

Para um lesionado crónico, não será demais?


comentar ver comentários (22)
Silly season
Edmundo Gonçalves

Não sei se se vai concretizar, mas se sim, muito sinceramente, lamento.

Já por aqui escrevi que, com as devidas proporções, daqui a dois, três anos, Ruben Semedo com uma utilização regular e com vitórias, que também ajudam a estabilizar o crescimento, poderia ser um outro Beckenbauer. Um pouco mais subido no terreno, o jovem que sai quase sempre com a bola jogável e em regra a entrega redonda aos colegas, bem explorado pode ser uma arma que ajude a furar defesas, naqueles passes "com olhos", que por vezes são meio golo.

Não parece ser essa a opção, a ver pelas notícias nos vários jornais, mas pode ser apenas e mais uma vez, carvão.

Por mim, claramente, ficava!

 

rubensemedo.jpg

 


comentar ver comentários (37)
30 Mai 17
Urticária
Edmundo Gonçalves

A capa do Record de hoje está a dar-me cá uma comichão...

Bem como a possibilidade de empréstimo de Gauld e a venda de André Geraldes e Esgaio.

Esperemos que tudo isto seja apenas carvão.

 

 

Nota: Como não publico links para a pasquinada, Record insiste no tema Coentrão.


comentar ver comentários (17)
Coerência
Edmundo Gonçalves

Se há atitude que admiro, nas pessoas e nas instituições, é a coerência.

Por isso (coisa que o Sapo se esqueceu de informar) é que um dos clubes que votaram contra foi, sem surpresa, o... Benfica!


comentar ver comentários (19)
29 Mai 17

Depois do ténis de mesa, do andebol, do futebol junior, do goalball, o fim-de-semana poderia ter terminado de forma perfeita.

 

Mas parece que o homem fica...

Tags:

comentar ver comentários (5)
27 Mai 17
Rabo de peixe
Edmundo Gonçalves

Desta vez a sorte protegeu-o, apesar da falta de audácia e do péssimo jogo.

Valeu-lhe o video-árbitro e um auto-golo dos iranianos, que foram amigos.

Tags:

comentar ver comentários (8)
26 Mai 17

É certo e anunciado que o presidente do Sporting vai casar no próximo dia 1 de Julho (escusam de voltar com comentários à novela da gala, que para esse peditório já dei).

Não sabia, no entanto, que a noiva tivesse sido trocada. O Sapo também teve dúvidas, de tal modo que retirou a "notícia" de um namoro entre Bruno de Carvalho e Jorge Mendes, que tinha anunciado com pompa hoje pela manhã.

Será que quem lhe deu a notícia foi a mesma pessoa que diz que o Jesus ia para o Porto, mas que agora vai para o PSG?

Ou que Jesus exige uma camioneta de croatas?

Ou que o Semedo vai ser vendido porque o Sporting precisa de fazer dinheiro de imediato?

Um conselho ao Sapo: Sai muito mais barato mandar um fotógrafo a uma carvoaria fazer um "boneco" e diariamente, por sob o emblema do Sporting, colocar a foto de uma saca de carvão. A malta percebe e aí na redacção poupam na composição. Combinado?


comentar ver comentários (4)
25 Mai 17

Vem hoje na capa d' A Bola que Bruno de Carvalho, caso não seja campeão nesta época que se avizinha, pondera marcar eleições para o Verão do próximo ano.

Confesso-me preocupadíssimo com o abandono do meu presidente, três anos antes do final do mandato, a sério. Para já porque será sinal de que não seremos campeões...

Já se ele fosse arguido pela prática de crimes de burla qualificada, falsificação e branqueamento de capitais que terão causado um prejuízo de milhões de euros ao antigo Banco Português de Negócios e que foram pagos por todos nós, estivesse implicado num caso de tráfico de coca-cola, mas fosse campeão, eu estaria tranquilíssimo.

Tags:

comentar ver comentários (42)

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Verde foi o meu nasciment...

Hoje giro eu - Quiz

#Juntos

Recuo ao tempo de gesto d...

Jogo de contrastes

Pérolas de Ribeiro Cristó...

Recordar - Sergey CHERBAK...

Os nossos comentadores me...

In destino Delgado, uma q...

Portugal, futebol feminin...

Facebook
És a Nossa Fé no Facebook
Twitter
És a Nossa Fé no Twitter
Arquivo

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

selecção

leoas

bruno de carvalho

prognósticos

balanço

jorge jesus

slb

há um ano

vitórias

campeonato

benfica

jogadores

eleições

rescaldo

arbitragem

mundial 2014

taça de portugal

nós

golos

ler os outros

liga europa

godinho lopes

futebol

árbitros

clássicos

euro 2016

comentadores

cristiano ronaldo

scp

humor

formação

análise

crise

chavões

liga dos campeões

derrotas

sportinguismo

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
142 comentários
138 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds