17 Set 16

Li com atenção, com respeito mas não com concordância este post do José Navarro de Andrade e este do Francisco Chaveiro Reisum jogador como Cristiano Ronaldo tem de se comportar, profissionalmente, em todas as situações do jogo.

Nós, nas nossas profissões, não nos atiramos para o chão para daí retirarmos vantagem, pois não?

Nunca gostei da expressão "cavar faltas" gosto muito mais da expressão "jogar limpo" e por muito que isso custe a admitir a alguns sportinguistas, Ronaldo por vezes, muitas vezes, na minha opinião, tem atitudes à Gonçalo Guedes.

Deixemos as manhosices futebolísticas para quem está habituado a vencer assim.

Termino com um conselho para Cristiano Ronaldo, joga à bola, pá, deixa-te disto!


comentar
21 comentários:
De Leão de Queluz a 17 de Setembro de 2016 às 12:48
Obrigado pelo vídeo Pedro, na altura achei estranha a falta, mas agora é mais que evidente que William não toca no Ronaldo.
Que dizer : embora Ronaldo tenha dito ser um orgulho jogar com o Sporting, não acredito, o nosso clube era a última equipe que queria encontrar; cavou uma falta, não há duvida. O jogo estava difícil, provavelmente, o Real iria perder pontos e havia que dar a volta; se bem pensou, melhor executou e o árbitro, caseiro, sancionou.
Se fosse outro jogador era motivo de censura, não vejo porque o mesmo não se aplique a Ronaldo. Não pode valer tudo.........Mesmo assim, Ronaldo é o maior jogador português de todos os tempos.

SL


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 14:55
Caro Leão de Queluz,

"Se fosse outro jogador era motivo de censura, não vejo porque o mesmo não se aplique a Ronaldo. Não pode valer tudo"

Nem mais, é mesmo isto.
Ronaldo não está acima de críticas.
De que valem as declarações de amor se depois se porta dentro do campo como um mau profissional?
E se William tivesse levado amarelo nesta jogada? E se tivesse sido expulso por causa desta (má) simulação?

Um abraço, SL


De Carlos Silvaaa a 17 de Setembro de 2016 às 16:12
Ronaldo para mim é o melhor jogador do mundo, mas face à desonestidade que lhe vimos fazer, não é nem de longe, o melhor sportinguista do mundo. Roubou insisto, roubou pontos ao scp de forma vergonhosa.


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 16:26
Caro Carlos Silva,

Desonestidade sim, simulações para enganar o árbitro também; roubo não. Os jogadores não roubam pontos. Os apitadores sim.
Ronaldo simulou, o árbitro marcou e o Sporting dançou, se eu fosse brasileiro era assim que sintetizava o acontecido.


De Carlos Silva a 17 de Setembro de 2016 às 17:44
Pedro. Lamento, vejo de forma diferente da sua. Estamos ambos de acordo quando, por exemplo um apitador vê claramente que não houve falta na área e assinala penalty. O que dizemos foi um roubou, quer quem seja encarregue de meter a bola lá dentro o consiga ou não. Para mim o que Cristiano fez teve o intuito de nos prejudicar ou beneficiar à equipa dele de forma ilícita e isso eu chamo um roubo. Enganou o apitador (ou este se deixou enganar), colocou em causa a permanência em jogo (caso o seu opositor já tivesse um cartão amarelo), enganou o público, nomeadamente os nossos adeptos. Eu não vou perdoar.
Vou mais longe, acho que a direcção do scp deveria dar indicações expressas para que nenhum dos nossos jogadores simulem faltas. Se desejamos a verdade desportiva é forçoso que comecemos em nossa casa.


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 19:35
Carlos, concordo e subscrevo, inteiramente, o último parágrafo do seu comentário. Quando quro ver teatro vou à quarta-feira ao D. Maria (é mais barato).
Nos estádios gosto de ver futebol de preferência bem jogado, futebol bonito.


De Augusto Calista a 17 de Setembro de 2016 às 12:53
Sou visitante assíduo deste blogue embora seja a primeira vez que deixo um comentário.
Aprecio a forma como falam sobre os temas e o pluralismo de opinião dos autores.
Quanto ao tema deste texto acho que o autor tem razão, achei piada à tirada do nosso ex capitão Venâncio, tropeçar numa minhoca é muito bem caçado. Será por isso que as papoilas andam tão estragadas, serão as minhocas que as estão a lesionar?
Voltando ao texto, considero Cristiano Ronaldo o melhor jogador da actualidade nascido na Europa mas é verdade que muitas vezes tem atitudes anti desportivas o que é uma pena.


De Miguel Borja Jiménez a 17 de Setembro de 2016 às 13:35
"considero Cristiano Ronaldo o melhor jogador da actualidade nascido na Europa mas é verdade que muitas vezes tem atitudes anti desportivas o que é uma pena" - Augusto Calista

Ou seja, restringe o CR7 à Europa...porque fora dela existe um deus-levado-ao-trono com o nome de Messi.

Pois. Oiço muitas (demasiadas) vezes os adeptos do "clube" de carnide expressarem a opinião que o senhor expressou, quer a respeito da menorização do Cristiano Ronaldo, quer a respeito das "atitudes anti-desportivas". Sabemos todos por que é que o fazem. [De forma alguma admitirão a possibilidade de um jogador da Academia do Sporting, adepto do Sporting, ser considerado o melhor do Mundo.]

Bem, por partes:
- pluralidade de opiniões não implica, por certo, via livre para a expressão de preconceitos (especialmente os que passam por análises "neutras")
- para milhões de adeptos em todo o mundo, o Cristiano Ronaldo é o melhor. Ponto.
- para milhões de adeptos em todo o mundo, o Messi é o melhor. Ponto.
- ninguém pode apontar nada ao profissionalismo do Cristiano Ronaldo, muito especialmente tendo em conta a quantidade de vezes que arriscou a carreira (e os joelhos em fraca forma) por Portugal, Manchester United e Real Madrid.
- a reacção que teve na falta (inexistente) deve-se simplesmente ao receio de sofrer pancadas nos joelhos após a final do Europeu. Infelizmente, dali nasceu o golo do empate (que foi efectivamente o golo da reviravolta).

Quanto às "muitas vezes tem atitudes anti desportivas":

diga, quais? Enumere-as, sff.




De Augusto Calista a 17 de Setembro de 2016 às 14:03
Senhor Miguel,

Pode entreter-se a ver estes exemplos
https://www.youtube.com/watch?v=DEkN_ptUPZE


De Miguel Borja Jiménez a 17 de Setembro de 2016 às 14:08
Senhor Calista,

já o senhor me entreteve provando o que digo acima.

Diz-se "nem tudo o que luz é ouro", eu diria nem todos os que dizem "o nosso" são nossos.


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 15:12
Caro Miguel Borja Jiménez,

"- a reacção que teve na falta (inexistente) deve-se simplesmente ao receio de sofrer pancadas nos joelhos após a final do Europeu. Infelizmente, dali nasceu o golo do empate (que foi efectivamente o golo da reviravolta)."

O problema é que a atirar-se assim para o chão Ronaldo arrisca a magoar-se, seriamente, no joelho. Talvez fosse preferível não arrastar o pé e atirar-se para o chão sem ninguém lhe tocar ou então já que quer atirar-se para o chão, começar a atirar-se de costas tipo "a morte de um miliciano" assim não corre o risco de magoar o joelho.

SL


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 15:02
Caro Augusto Calista,

Bem vindo a este espaço e comente sempre que lhe aprouver.
Obrigado (pela parte que me toca) pelas suas amáveis palavras sobre a pluralidade do blog.
Quanto à frase de Venâncio muito boa, sem dúvida.
No que diz respeito às papoilas magoadas, pode ser isso, um ataque de minhoquices.
Para terminar, concordo quando diz que Cristiano é o melhor jogador da actualidade nascido na Europa; Gelson Martins nasceu em Cabo Verde, África


De Leão de Queluz a 17 de Setembro de 2016 às 14:20
Caro Miguel, nem tanto ao mar nem tanto à terra ; no vídeo vê-se Ronaldo, no chão, a pedir falta; o joelho é outra história......
Ratice para beneficiar o patrão; teria gostado mais que o livre fosse legal.
Em relação ao Messi, extraordinário jogador, os benfiquistas, não tendo ninguém à altura, resolveram adota- lo.

Saudações Leoninas


De Miguel Borja Jiménez a 17 de Setembro de 2016 às 15:14
Caro Leão de Queluz,

eu não disse que ele não tirou partido (pedindo falta no chão), apenas me parece evidente que nesta altura, como os comentadores disseram, ele receia o contacto, principalmente naquele joelho.

Para dizer a verdade, quem dera que tivesse falhado, quem dera que o Rui tivesse feito algo mais (tocou a bola mas a mão parecia pouco tensa).

O Cristiano é um profissional. E nada mais.

Quanto ao Messi (como lhe chamam em Espanha, Messienda de Messi+hacienda) e àquele "clube"...adopção que nunca espantou.


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 15:25
Caro Miguel Borja Jiménez,

Julgo, como já disse num comentário anterior, que não faz sentido tentar "colar" Messi ao Benfica e os apreciadores do talento de Messi a benfiquistas.
As papoilas de São Domingos de Benfica não se preocupam com futebol, nem com futebol bem jogado, preocupam-se em vencer seja lá como for, com vouchers, com jogos ganhos na secretaria, etc e tal.
Messi e Cristiano Ronaldo são dois grandes jogadores de futebol. Ponto.


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 15:16
Caro Leão de Queluz,

É óbvio que não há nenhuma falta, trata-se duma má encenação.
Quanto à disputa Messi vs. Ronaldo, não faz sentido nenhum transformarmos isso num Sporting vs. Benfica.
O Sporting e o Barcelona formam jogadores, o Benfica e o Real Madrid compram jogadores.

SL


De Miguel Borja Jiménez a 17 de Setembro de 2016 às 18:48
Pedro Oliveira,

uns acham que cavou a falta. Outros acham que não o fez.

Já ouvi ex-jogadores comentar o lance e quase todos concordam que (a) não foi falta, (b) não foi encenação, foi antes a reacção de alguém que tem tido problemas sérios nos joelhos há mais de 4 anos, sendo o mais grave o que Payet causou.

Claro, caiu. Não houve falta, mas caiu. Tudo o que faz é escrutinado pelos meios de comunicação social estrangeiros, pelos de Madrid e pelos de Barcelona. Jogou bastante mal, está fisicamente ainda longe do melhor, não contribuiu para a equipa, e ao acabar o jogo cai num lance insignificante em frente à linha da grande área. Claro que caiu. E claro que protesta.

Deixemo-nos de ingenuidades e sejamos realistas. Proponho que analisemos este caso hipotético:

o Oriol Rosell, formado na La Masia (cantera do Barça), jogou no Barcelona B (uma das ante-camaras do FC Barcelona).

Um dia, vindo de uma lesão, a jogar pelo Sporting, enfrenta o Barcelona. Estamos a precisar de um golo e ele cai (haja ou não falta, cave-a ou não). O arbitro apita, e ele marca o livre e dali sai um golo para o Sporting.

Alguém entre nós o criticaria? Não. Era a sua equipa de formação, continua a ser a sua equipa em Espanha, mas trabalhando para o Sporting faz o melhor pelo Sporting. E ponto.

Cavou, não cavou - opiniões.

Está acima de qualquer crítica? Obviamente que não. Por exemplo, recentemente perdeu tempo a dar resposta ao imbecil do Xavi, e ainda por cima não o fez com a inteligencia requeria tal situação. Mais, na época 2015-2016 teve 4 acções que os árbitros podiam ter sancionado com amarelo e um ou outro vermelho, consequencia de perder a cabeça com as patadas e agarrões que sofre em cada jogo.

Mas mau profissional? Os da quinta de carnide chamaram mau profissional ao talisca por marcar o golo de empate na 3a feira que passou, nós fazemos o mesmo a quem trabalha para quem lhe paga? Pelo menos eu, e muitos que conheço e leio, não.


De Pedro Oliveira a 17 de Setembro de 2016 às 19:53
Concordo com quase tudo, ressalvando o seguinte, o livre que deu o empate aos Taliscas é indiscutível. O que deu o empate ao Real Madrid é muito duvidoso.
Ronaldo não é mau profissional por ter marcado golo, esteve bem ao fazê-lo, foi mau profissional por ter passado o jogo a aventar-se para o chão e a pedinchar faltas inexistentes.


De Carlos Silva a 17 de Setembro de 2016 às 21:08
Se compararmos Cristiano e Messi, há na realidade um aspecto que o Messi é melhor. Falo no drible, mais especificamente no drible ao fisco. É esta vertente que leva os carnidenses a gostar mais dele.


De Miguel Borja Jiménez a 17 de Setembro de 2016 às 22:39
"Se compararmos Cristiano e Messi, há na realidade um aspecto que o Messi é melhor. Falo no drible, mais especificamente no drible ao fisco. É esta vertente que leva os carnidenses a gostar mais dele."

Herr Carlos Silva,

ora aí está uma associação que eu não tinha feito. Bem apontado, sir.

E cá vou aprendendo.


De Carlos Silva a 18 de Setembro de 2016 às 09:27
Don Miquel Borja Jiménez,
"ora aí está uma associação que eu não tinha feito".
Usted me encanta. Que genialidad


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Os nossos comentadores me...

Programa eleitoral, II

Programa eleitoral

Aqui estamos de novo

Boas notícias

Serenidade

Os nossos comentadores me...

Debater o Sporting.

É tão bom estarmos a disc...

Alinhamo-nos agora?

Arquivo

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

vitórias

prognósticos

jorge jesus

há um ano

balanço

campeonato

slb

arbitragem

benfica

jogadores

mundial 2014

rescaldo

taça de portugal

liga europa

godinho lopes

eleições

ler os outros

árbitros

euro 2016

golos

clássicos

futebol

comentadores

nós

crise

marco silva

scp

cristiano ronaldo

análise

chavões

formação

humor

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds