Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

És a nossa Fé!

Final do período de transferências

lumorsporting1.jpg

Terminada a "janela (de oportunidade)" - raispartam estas expressões da moda - de Inverno, um pequeno rescaldo. No dia em que o "mercado" - raispartam estas expressões da moda - fecha o Sporting passa para o primeiro lugar, ainda que o Porto tenha menos um jogo. Não está mal, nada mal  mesmo, e esta é decerto a melhor contratação. Ainda por cima logo após a conquista da prestigiada Taça da Liga, a segunda melhor contratação de Inverno.

Ontem uma outra terceira boa novidade: no jogo com o organizadíssimo Vitória de Guimarães, equipa com bons avançados e que parece ter muito menos pontos do que futebol, anuncia-se a chegada de um Sporting aguerrido, combativo, pressionante, concentrado e crente. Uma excelente contratação, muito necessária, e pela qual muitos adeptos suspiravam. 

Este enriquecimento do plantel provocou melhorias colectivas e individuais, que se potenciarão com o crescente entrosamento desse trio de recém-chegados. Mas já deu para ver alguns efeitos das chegadas: ontem belo jogo de Fábio Coentrão, seguro e assim desprovido das habituais patetices cénicas que tinha vindo a desenvolver; grande jogo de Acuña, a desdizer-se cansado e precisado de férias, ontem o melhor em campo; esclarecido jogo de William Carvalho, a abandonar a postura Martin Zeegelar 2017/2018 que o tem acompanhado. 

Outras mudanças são significativas: a partida dos jovens da formação que muito prometeram ainda sem terem contribuído significativamente para a equipa sénior é sempre lamentável, mesmo que compreensível, tanto para as finanças internas como para as carreiras respectivas. Ainda assim lamento que Tobias Figueiredo, de quem tanto se esperou, siga como seguiu. Só lhe desejo que persiga José Fonte. Continuo a acreditar que sim, que pode. Entretanto ficou-se com três centrais, só rogo ao deus do futebol (a entidade hindu "Cinco Violinos") que nos proteja contra as lesões no seio das "três torres". Iuri falhou este ano. Mas sair para Itália era dantes um enorme sucesso. Por enquanto pode contar com o sucesso de ter deixado o clube à procura de um ala até ao último dia - com a lesão de Gelson temo que iremos lamentar a saída do seu mais natural suplente. E Bruno F. à direita é um desperdício.

Despachou-se, e muito bem, aquele Jonathan e foi um alívio, que até um treinador de sofá percebe que o homem não é para estas andanças. Aleluia. Rosell saíu e ganhou-se algum mas Douglas e Petrovic ficaram, e não consigo perceber estas coisas das contratações. A ver se Douglas serve para 4º central e se o Palhinha ainda jogará mais uns cinco minutos este ano - a semana passada dizia-me um amigo Belenenses, fanático como já haverá poucos, que "naquele ano o Belém era o Palhinha e mais dez". Não sei, não vi, não me lembro. Mas quero acreditar.

Entretanto houve outras aquisições, secundárias, no tal "mercado de Inverno". Chegaram Misic, que está para o "a ver vamos", se outro Petrovic ou não. Wendell, sobre o qual já se noticia ter o Inter oferecido 31,5 milhões de euros para o levar, "sem ver". Assusta-me, espero estar errado, mas estas coisas sopradas para os "mentideros" cheiram-me sempre a esturro, peneira a tapar a lua. E aquele Ruben Ribeiro, que já atrapalhou em quatro ou cinco jogos (ok, fez um passe para golo - "assistência" diz-se em XXI), mas que é aquilo que parecia antes de vir: bom jogador para clubes médios, aqui apenas uma fixação passageira do treinador. Que se ofuscará daqui até ao final da época.

E agora, mesmo no fim, lá de Portimão chega um lateral-esquerdo, Lubor. Ainda bem, que não havia suplente - pois se Acuña recua para lateral ficamos com o simpático e elegante Brian Ruiz lá à frente e aquilo, pura e simplesmente, não carbura. Mas, caramba, desta última contratação diz o treinador: "não temos capacidade para ir buscar os mais ou menos lá fora e tivemos de recorrer ao mercado nacional, foi o que conseguimos ir buscar." Só espero que o Lubor, jovem ganês ao que li, ainda não tenha aprendido português. E que ninguém tenha a impiedade de lhe traduzir tão sábia, gentil e motivadora recepção.

Enfim, JJ no seu melhor. Mas, é certo, se acabar à frente a gente esquece tudo, os rubens, os não-palhinhas, "o ego-clickismo" e estas coisas. E ama-lo-á.

 

Adenda: no texto escrito de rajada (a la blog) esqueci-me da partida (por empréstimo) do Ruiz, Alan, para o clube de origem. Diz tudo sobre o esquecível que o talentoso argentino mostrou por cá. E passou-me o regresso do Montero. Quanto a este, a quem muito apreciei e sobre o qual continuo convicto que a sua (necessária?) transferência num Janeiro anterior nos custou o título dessa época, só espero estar errado. Neste minha cinquentona convicção de que, nisto da bola, regressos nunca são gloriosos. A ver se este é excepção.

Décimo primeiro reforço

Stefan-Ristovski-Osjecamo-se-dominantno-a-kemija-s

 

E vão onze: acaba de ser anunciada a contratação do lateral direito macedónio Stefan Ristovski, que há meses se sagrou bicampeão croata, ao serviço do Rijeka. Tem 25 anos e chegou a actuar também como lateral esquerdo e médio direito. Já foi 32 vezes internacional pelo seu país.

Os outros nove reforços já recebidos são André Pinto, Fábio Coentrão, Battaglia, Mattheus Oliveira, Piccini, Bruno Fernandes, Doumbia, Mathieu, Acuña e Salin.

Lei de Ciani

Inédito nas pré-temporadas leoninas, pelo menos que me lembre, a contratação/dispensa de Ciani na própria pré-temporada (2015/2016) teve o mérito de livrar o Sporting de um flop à espera de acontecer. Na altura, a medida de gestão foi elogiada.

Digamos que é uma lei que merece fazer escola. Se numa pré-temporada com quase 10 jogos, for nítido que determinada contratação não vai resultar nem acrescentar valor, mais vale então corrigir o tiro ao lado que se anuncia, do que deixar arrastar um peso morto por mais uns meses. Haja coragem.

Entradas e saídas (menu do dia)

 

«Dia de Fábio. Jesus terá hoje em Alvalade o lateral mais desejado. Coentrão faz exames médicos e assina contrato. Presidente do Real Madrid confirma empréstimo.»

Manchete do Record

 

«Mathieu já acertou contrato. Central esteve até ontem em Lisboa e o anúncio como reforço do Sporting está iminente.»

Manchete d' O Jogo

 

«Bruno Fernandes vai assinar por 5 anos. Sporting perto de garantir médio internacional sub-21.»

Manchete d' A Bola

 

«Gastón [defesa internacional do Uruguai] confirma que "negociação [com Sporting] está avançada.»

Notícia de capa d' O Jogo

 

«Battaglia chega da Argentina.»

Notícia de capa do Record

 

«Milan de olho em Rui Patrício. Guarda-redes pode ser a solução para a saída de Donnarumma.»

Notícia de capa d' A Bola

 

Sinais

Custa-me que o SCP possa estar a cometer os mesmos erros do passado recente no que diz respeito a contratações: jogadores no nível descendente da sua carreira, jogadores de segunda categoria da nossa liga e jogadores da Academia em risco contínuo de serem excluídos do plantel por via do enésimo empréstimo ou cedência a título definitivo. Só com gestão e estratégia o Sporting vai lá e consegue ombrear com os seus rivais para definitivamente se constituir como candidato permanente ao título e vencedor na última jornada. Isto em vez de apostar no vazio, sonhar e perder em momentos-chave da época.

Mais um

Eu não sei se houve efectivamente interesse do Sporting neste atleta, mas que o mesmo esteve escarrapachado nas pantalhas dos jornais, é um facto.

Hoje está sem colocação.

A culpa não terá sido do próprio, sabemos dos interesses dos empresários, agentes, presidentes e outros actores nas carreiras dos jogadores de futebol e muitas vezes, vide o exemplo Carrillo, a vontade do jogador não é tida em conta e não é respeitada.

A lista de jogadores apontados ao Sporting que acaba nos rivais e posteriormente desaparece em clubes de menor dimensão é longa.

Não será aviso suficiente?

Antecipando o mercado!

Olhando para o atual plantel e para o leque de jogadores emprestados, que jogadores dispensavam e emprestavam, que jogadores faziam regressar de empréstimo, que jogadores que estão no clube merecem uma aposta mais regular e que posições reforçavam? Já agora que que jogador sugerem para reforçar cada posição?

Deixo em baixo a minha opinião. Façam o mesmo.

 

Dispensados e para emprestar: Jug, Markovic, Elias, Petrovic, Jefferson, Marvin, Joel Campbell, Alan Ruiz (empréstimo para ver se explode)

Regressados e apostas: Jonathan Silva, Palhinha, Francisco Geraldes, Matheus Pereira, Esgaio , Bruno Paulista, Marcelo Meli, Castaignos e André (acredito que estes últimos 2 bem trabalhados e com ritmo e rotinas ainda podem ser excelentes reforços)

 

Asim  ficaria com:

GK: Rui Patrício, Beto, Pedro Silva

Def: Jonathan, Esgaio, João Pereira, Schelotto, Douglas, Paulo Oliveira, Coates e Rúben Semedo

Med: Adrien, William, Gelson, Bryan, Meli, Matheus, Bruno Paulista, Palhinha e Francisco Geraldes

At: Dost, André, Castaignos, Bruno César (parece-me que onde joga melhor é no meio atrás do PL a fazer ligação ao meio campo)

Uf!

Terminou.

Agora e durante os próximos quatro meses, pelo menos, podem andar de cabeça limpa.

Desejamos que a procura continue a ser grande, sinal de que a equipa e cada um deles individualmente, estará a fazer um belo campeonato.

Neste defeso tiveram pela primeira vez, provavelmente e de forma clara, contacto com um novo Sporting, aquele que dita as regras no que pode controlar, tão diferente do Sporting de "ontem", que pedia desculpa por existir. Em janeiro, eles próprios irão encarar de outra forma eventuais abordagens, sabendo quais as regras e a fronteira que não podem, nem devem, ultrapassar. 

Foi, para além duma fase de grandes negócios, coisa nunca vista neste Clube, um tempo de aprendizagem.

Que lhes sirva de lição.

E aos paizinhos deles, também.

 

Trabalhar com tempo

Pode-se criticar a medida, afinal temos uma formação de elite, mas sempre tivemos (o futebol português em geral) dificuldade em produzir avançados goleadores, pontas-de-lança, 9's puros.

A aquisição atempada deste jovem lituano de 21 anos, enquadrada numa possível saída de Slimani e "assessorada" pela presença de Barcos, pode potenciar um goleador para muitos anos. Tiro certeiro? À primeira impressão sim, atentas as declarações do jovem: "Eu tinha outras opções, mas o Sporting é o clube de sonho para mim. Agora estou concentrado em fazer quatro meses fantásticos no Aalborg e despedir-me da melhor maneira".

15 golos em 18 jogos parece-me um belo cartão de apresentação. Isto no youtube eles são todos fenomenais, mas fiquem com um cheirinho do que poderemos ver com a verde e branca vestida:

 

Balanço

Contas feitas, parece-me que ficamos mais fortes, uma vez que, como prometido, não saiu nenhuma jóia da coroa. Fosse eu a decidir e  teria saído outro colombiano, mas reconheço que não tenho qualquer informação e uma vez que ficou o outro, é em relação a esse que teremos que fazer figas para que atine. Isto se não sair ainda, uma vez que há mercados ainda abertos e o rapaz é capaz de dar uma cambalhota, que dali já se viu que pode sair tudo.

Não tendo saído ninguém do núcleo duro e tendo principalmente a defesa sido (bem) reforçada e tendo chegado um jogador que pode ser um clone de Slimani, assim à primeira impressão, parece-me que temos razões para encarar com ainda maior confiança as 14 finais que temos pela frente.

Spooooooooorrrrrrrtiiiiiiiiggggggggggg

Pantomineiros

Nada melhor para começar o dia de forma agradável e bem disposta que ler as capas dos desportivos.

A mais estranho-folclórica é a do jornal o Jogo, que diz que a propósito da suposta falha na contratação de dois jogadores ao Marítimo (e mais outros dois, num total de quatro), Jesus está em brasa (será do carvão?) e exige um director desportivo. E para que se mandem para o chão a rebolar a rir, adivinhem quem exige Jorge Jesus: Augusto Inácio, o tipo que, segundo o mesmo jornal, foi afastado do cargo por exigência de... Jorge Jesus, o próprio!

Nunca mais é dia 1?

{ Blog fundado em 2012. }

Siga o blog por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D