07 Jan 17

Relatório e contas consolidado 2015/2016.

Garotices.


comentar
02 Dez 16

alvalade_xxi-1[1].jpg

 

MAIS

  • Andavam aí umas alminhas a uivar de emoção, putativamente preocupadas com as contas do Sporting. Podem baixar os decibéis: as nossas finanças estão bem e recomendam-se. De tal maneira que no primeiro trimestre desta temporada oficial (Julho-Setembro) atingiram a melhor cifra desde que foi constituída a SAD leonina: um lucro de 62,9 milhões de euros.
  • No mesmo período, as nossas receitas de bilheteira subiram 737 mil euros face ao período homólogo do ano anterior, o que se traduz em 4,207 milhões de euros. Resultado da boa prestação desportiva do plantel leonino, confiado ao timoneiro Jorge Jesus. Os números demonstram: tem sido mais do que justificado o investimento que o Sporting já fez no melhor treinador a actuar em Portugal.
  • Ainda números do passado trimestre: o Sporting gastou 19,5 milhões de euros em reforços para esta temporada. A receita líquida conseguida com as saídas de João Mário e Slimani foi muito superior: 59,6 milhões. Saldo positivo, pois. Contra factos não há argumentos.
  • Segundo o Observatório do Futebol, temos o plantel com mais elevada estatura média do campeonato português: 184,2 cm. Conclusão: se os campeões se medissem aos palmos, o título já era nosso.
  • Outra conclusão do Observatório do Futebol: o Sporting é, de longe, a equipa que utiliza mais jogadores da formação na Liga 2016/17. No total, 42,9% do nosso tempo total de jogo tem a inconfundível marca da academia leonina. Também neste aspecto podem aquietar-se portanto as tais alminhas que pareciam muito desassossegadas com o "escasso aproveitamento" dos recursos que formamos. Quase sempre o pior cego é o que não quer ver.
  • Mais uma estatística: Jesus cumpriu 69 jogos oficiais à frente da equipa do Sporting, tendo vencido 47. Uma percentagem digna de cumprimento: 68,1%.
  • À nona oportunidade foi de vez: Alan Ruiz marcou enfim o primeiro golo vestido de verde e branco. Frente ao modesto Arouca, numa coisa chamada Taça CTT. Mais vale tarde que nunca.
  • E vão três jogos seguidos sem sofrermos golos. Nenhum título se conquista sem defesas consistentes.
  • O Arouca regressou a Alvalade e desta vez não houve casos. Antes assim.

 

MENOS

  • Meli e Bruno Paulista continuam sem jogar. Foram contratados para quê?
  • No futebol, como jogo que é, a sorte e o azar contam muito. Está provado: Castaignos é azarado. O holandês tem de ir à bruxa.
  • Markovic continua sem demonstrar a menor prova de categoria e classe ao serviço do Sporting.
  • As despesas com pessoal elevaram-se para 15 milhões de euros no trimestre Julho-Setembro. Aumentaram 31% face ao período homólogo de 2016. Há que pôr travão nisto.
  • Alguns sportinguistas, até com colunas nos jornais, andam a imitar os benfiquistas mais desqualificados, gastando tempo e tinta com factóides como a suposta cor do carro de Alan Ruiz. Às vezes interrogo-me qual será a verdadeira convicção clubística desta gente.
  • Bruma, numa extensa entrevista publicada no jornal A Bola, garante: "O Sporting vai ser sempre o meu clube." Devíamos ser poupados a estes exercícios de hipocrisia. Nós temos memória: Bruma, que deve toda a sua formação desportiva ao Sporting, a dado passo recusou treinar, alegou que o contrato de trabalho tinha cessado para se furtar aos seus deveres de assalariado do clube e optou pela via litigiosa para quebrar o vínculo com Alvalade, acabando por ser derrotado em tribunal. Do mal o menos: ainda acabou por render 10 milhões de euros aos cofres leoninos. Só podemos desejar-lhe que passe bem. Lá longe, onde se encontra.


comentar ver comentários (26)
12 Out 16

"FC Porto SAD anuncia prejuízo de 58,4 milhões de euros

O FC Porto chamou esta quarta-feira os jornalistas ao Dragão Caixa para apresentar as contas anuais da SAD e anunciar um prejuízo de 58,4 milhões de euros.

Trata-se de um resultado negativo enorme, que ameaça bater recordes, mas que o administrador Fernando Gomes garante ser assumido. Ou seja, de acordo com o responsável das finanças portistas o clube preferiu assumir o prejuízo superior a 58 milhões de euros, de forma a não desinvestir e, com isso, enfraquecer o valor da equipa para esta época.

Fernando Gomes garantiu ainda que esta época é encarada no FC Porto como o ano zero: a partir da próxima época, a SAD portista vai reduzir progressivamente os salários, ajustando-se à realidade atual. Em dois anos, o FC Porto quer poupar vinte milhões de euros em ordenados."

in Maisfutebol

Portanto, aquilo que nós começámos a fazer há três anos e qualquer coisa e que tão bons resultados tem dado, cedo ou tarde todos terão que fazer. Estes já apresentaram o timming. Esperemos pelos relatórios dos restantes.


comentar ver comentários (73)
21 Jun 16
Rigor.
Edmundo Gonçalves

Carlos Vieira, da SAD do Sporting, ao JN.


comentar ver comentários (17)
01 Jun 16
Diz o roto para o nu
Edmundo Gonçalves

Eu não sei como estão as contas "cá em casa", mas parece que o vizinho tem as barbas de molho...

Ou outra forma de dizer que BdC tinha alguma razão, há um mês atrás.


comentar ver comentários (38)
18 Fev 16

Publicadas no jornal do Clube as contas das transferências de Inverno, como tem sido hábito desta direcção.

Aquisições:

Jogador Valor Comissão  
Bruno César               0,00€      1 300 000,00€  
Schelotto               0,00€        203 000,00€  
Zeegelaar     300 000,00€        190 000,00€  
Coates*             00,00€          75 000,00€  
Barcos             00,00€          80 000,00€  
total aquisições -300 000,00€ -1 848 000,00€ -2 148 000,00€

*Coates tem opção de compra pelo valor de 5 000 000,00€

Saídas:

Definitivas        
Jogador Valor Comissão    
Montero 5 000 000,00€   350 000,00€    
Boeck           00,00€      
Viola           00,00€      
Salomão           00,00€      
Empréstimo        
Jonathan      100 000,00€      
Tanaka      169 000,00€      
Labyad      300 000,00€     50 000,00€    
Sacko              00,00€      
Rossel              00,00€      
Cissé              00,00€      
Luis Ribeiro              00,00€      
Total vendas +5 569 000,00€ -400 000,00€    
Saldo vendas     +5 169 000,00€  
Saldo total       +3 021 000,00€

 

 

Tags:

comentar ver comentários (17)
28 Jun 15
Assembleia Geral
Edmundo Gonçalves

Amanhã falaremos melhor, mas sou só eu que me sinto envergonhado?


comentar ver comentários (4)
17 Jan 15
Como já piam fininho...
Edmundo Gonçalves

... Inventam "novos" métodos, porém já gastos:

 

Sporting SAD - Comunicado

Tags: ,

comentar
01 Dez 14

comentar
10 Set 14
Transparência
Tiago Cabral
O Sporting publicou as suas contas anuais. Introduziu uma novidade, pelo menos ao nível do três grandes clubes em Portugal. Detalhou jogador a jogador todos os valores envolvidos na compra e venda dos seus passes. Chama-se transparência.

Aguardemos pela publicação das contas dos outros dois.


comentar ver comentários (10)

comentar
09 Set 14

Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD informa sobre Resultados do Exercício 2013/2014. Leitura muito interessante, como habitualmente.

 

" (...) O resultado líquido da Sporting SAD na época de 2013/14 ascendeu a 368 milhares de euros positivos, o que compara com um resultado líquido negativo de 43.816 milhares de euros na época anterior. (...)"

 

Assembleia Geral a 1 de outubro.

Destaco o ponto 9 da ordem de trabalhos proposta:

 

"(...) O Conselho de Administração da SPORTING CLUBE DE PORTUGAL – FUTEBOL, SAD, vem, nos termos e para os efeitos do disposto no número 2 do artigo 8º dos Estatutos, propor à Assembleia Geral da Sociedade, reunida aos 1 de Outubro de 2014, que delibere conceder-lhe autorização para a emissão, com oferta pública de subscrição, de um empréstimo obrigacionista, até ao montante máximo de € 30.000.000,00 (trinta milhões de euros), mediante a emissão de obrigações ordinárias, com o valor nominal unitário de € 5 (cinco euros). (...)"

E ainda o Ponto 10 e as suas várias propostas:

" (...) 

Ponto 10 da Ordem de Trabalhos
Proposta A
O Conselho de Administração da Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD propõe à Assembleia Geral da Sociedade, reunida a 1 de Outubro de 2014, que, nos termos e para os efeitos do disposto no art. 75.º, 1, do Código das Sociedades Comerciais, aprovem a propositura de acção de responsabilidade civil pela Sporting SAD, contra os ex-administradores Luiz Filipe Godinho Lopes, Luis Duque, José Filipe Nobre Guedes, e ainda contra Carlos Manuel Rodrigues de Freitas, que à data também exercia funções de administração, pelos factos envolvendo a renovação do contrato com o jogador Marat Izmaylov, que resumidamente se apresentam:
1. Entre Abril e Junho de 2011, os referidos administradores decidiram e executaram a renovação do contrato com o jogador Marat Izmaylov.

Tags:

comentar ver comentários (3)
07 Mar 14

"O Sporting apresentou na semana passada resultados do primeiro semestre da época: lucros operacionais, contra prejuízos em igual período do ano passado. Tudo isso acontece depois da reestruturação brutal nas finanças e nos custos operacionais do clube, o que é notável. E revela que é possível sofrer a pressão dos bancos e, mesmo assim, conseguir gerir à tona da água."

Pedro Santos Guerreiro, na edição de ontem do Record


comentar
01 Mar 14
Caminho certo, mas...
Jose Manuel Barroso

... os pés na terra! Resultados positivos de €3,7 milhões para o SCP/Sad no primeiro semestre desta época (Julho a Dezembro de 2013). Resultados negativos de €15,9milhões, para o SLB; e de €29,2 milhões, para o FCP. Na época anterior e no mesmo período, os resultados foram negativos - €21,9 milhões de prejuízo - o que significa uma melhoria dos resultados de €25,6 milhões. É obra! Fruto da austeridade e de uma política muito eficiente e inteligente de gestão de ativos (jogadores). Como na área desportiva esse emagrecimento resultou num adicional de resultados, parece que o caminho está certíssimo. Contenção na gestão economica-financeira, fazer render desportivamente a prata da casa (alguma ouro) e pagar as dívidas, depois do acordo positivo com os credores. Mas nada de ilusões excessivas, continuamos a ter de reduzir o passivo para sermos um clube solvente. Nada de pedir ou exigir a Lua!

 

P.S. Ler o post do Cerdeira Branco.


comentar

Isto impressiona. Fica de sugestão de leitura para o fim-de-semana, para comparar jogadas e resultados. Pela primeira vez em muitos anos o Sporting está subir a ladeira, outros aceleram ladeira abaixo.

23:25 Sport Lisboa e Benfica - Futebol, SAD informa Relatório e Contas Consolidado e Individual 1º Semestre 2013/2014 Prestação de contas semestrais
22:30 Futebol Clube do Porto - Futebol, SAD publica Relatório e Contas Consolidado do 1º semestre de 2013/2014 Prestação de contas semestrais
22:26 Futebol Clube do Porto - Futebol, SAD informa sobre os resultados consolidados do 1º semestre de 2013/2014 Informação Privilegiada
21:41 A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD divulga o Relatório e Contas do 1º Semestre do Exercício 2013/2014 Prestação de contas semestrais
21:39 A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD informa sobre a Evolução da Actividade no 1º Semestre do Exercício 2013/2014 Informação Privilegiada


comentar
29 Nov 13

A ler: A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD publica as contas do 1º Trimestre 2013/14 

 

Resultado líquido de €7,238 milhões (-€7,707 milhões em período homólogo).


comentar
13 Set 13

Assistimos nestes últimos dias à disponibilização de muita informação sobre a gestão do nosso Sporting dos últimos anos. Merece, antes de tudo, uma saudação e reconhecimento especiais a actual direcção do nosso Sporting ter, de forma inédita, disponibilizado para todos os Sportinguistas dados que nos permitem entender, não perceber ou aceitar, como foi de facto o nosso Sporting gerido durante o mandato do anterior presidente.

A prometida auditoria à gestão do nosso Sporting está em andamento, a empresa está a ser seleccionada, mas pela informação disponibilizada qualquer pessoa, mesmo sem quaisquer conhecimentos básicos de gestão, pode verificar que o fito dos anteriores órgãos sociais do nosso Sporting nunca foi o engrandecimento desta nobre instituição. Outra meta teriam em vista, felizmente foram travados a tempo.
É incompreensível que o órgão estatutário que valida as contas apresentadas o tenha feito sem quaisquer reparos. Reafirmo, é incompreensível. Ultrapassa qualquer lógica.


comentar ver comentários (3)
12 Set 13
Inacreditável
Pedro Correia

«Lê-se e não se acredita. Quando pensávamos que já sabíamos que as contas do Sporting eram uma desgraça ficámos a saber que são também uma vergonha. Bruno de Carvalho já quase não precisa da auditoria de gestão: ela está no Relatório e Contas que o Sporting acaba de publicar. Ou o que está no relatório é verdade e há gestores antigos que deviam ser questionados, ou então o relatório é um delírio e os gestores antigos deviam processar quem publicou aquelas contas.

Os detalhes do Relatório e Contas do Sporting têm vindo a ser descascados na última semana em vários jornais. É inacreditável saber que o marroquino Labyad custou afinal 3,5 milhões e não os 900 mil euros que haviam sido comunicados, pois houve 2,61 milhões de "gastos inerentes à aquisição do jogador". É de bradar aos céus que tenha sido paga uma comissão ao pai do jogador na qualidade de "olheiro". Com Elias, afinal a contratação mais cara de sempre do Sporting foi ainda mais cara do que se supunha, com encargos totais de 11,15 milhões em vez de 8,85 milhões. A diferença, claro, é o costume: serviços de intermediação e prémios de assinatura. Também Pranjic implicou afinal 1,08 milhões.»

Pedro Santos Guerreiro, hoje, no Record


comentar
09 Set 13

Os dados agora vindos a lume sobre o vendaval de loucura que varreu o Sporting durante o anterior mandato tornam ainda mais urgente a auditoria de gestão presentemente em curso para honrar a promessa feita por Bruno de Carvalho aos sócios.

Há muitos aspectos chocantes no relatório e contas referente à época 2012/13, agora divulgado. Mas nada me escandalizou tanto como saber que Elias - a mais cara e inútil contratação de sempre na história do Sporting - custou não os 8,8 milhões de euros que tinham sido anunciados, quantia que já era inaceitável num quadro de gestão rigorosa e competente, mas 11,15 milhões de euros, segundo o último comunicado enviado à CMVM.

Parafraseando Churchill, num contexto muito menos heróico, nunca o Sporting ficou a dever tanto a tão poucos. Precisamente a alguns dos que menos fizeram pelo prestígio do clube, o que nos custa ainda mais. Percebe-se agora ainda melhor porque estivemos quase a bater no fundo.

É bom que todas estas informações circulem. Para que os tempos de pesadelo não regressem. Nunca mais.

 


comentar ver comentários (16)
08 Set 13

Afinal o marroquino Zakaria Labyad representou um investimento pesado para o Sporting no momento em que foi contratado. Aos 900 mil euros já conhecidos, pagos ao PSV Eindhoven, acresceram 2,610 milhões. Este último valor, de acordo com o relatório e contas enviado sábado à CMVM, "deve-se a gastos inerentes à aquisição do jogador".

Os leões, que ficaram na altura com 70'% do passe do jovem, de 20 anos, venderam praticamente no imediato 35% à Doyen Sports, por 1,5 milhões de euros, ficando o Sporting com igual percentagem. - Record


O custo anunciado em agosto de 2011 foi de 8,85 milhões de euros, um recorde na história do Sporting. Agora, o total de encargos reconhecido pela SAD ascende a 11,15 milhões de euros, ou seja mais 2,3 milhões do que há dois anos. Uma discrepância que ficará a dever-se a rubricas como serviços de intermediação ou prémios de assinatura.

Neste mesmo contexto, o investimento em Pranjic foi afinal de 1,08 milhões de euros. - Record


Já se podem chamar os bois pelos nomes e dizer... CRIMINOSOS CULPADOS DE GESTÃO DANOSA E FRAUDULENTA?

Se calhar ainda não... falta sair mais lixo debaixo do tapete, aguardemos então!





comentar ver comentários (7)
03 Set 13

"Entre vendas e compras, Sporting inicia a época com lucro de 20 milhões de euros."

 

"Bruno de Carvalho já contabilizou quase tanto em vendas como o seu antecessor em duas temporadas. O presidente actual aproxima-se dos 25 milhões de euros, em vendas, enquanto Godinho Lopes não atingiu os 28 milhões. Em duas épocas, repita-se. E com a agravante dos 4,5 milhões cobrados ao Nice Por Yannick Djaló ainda não terem chegado a Alvalade."

 

"Godinho Lopes gastou 36 milhões de euros em jogadores, contra apenas 4 milhões de Bruno de Carvalho. Uma poupança que significa boa gestão."

Record


comentar ver comentários (12)
02 Jun 13
As contas do Sporting
Alexandre Poço

Um texto muito bem resumido sobre a questão financeira do clube, tendo em conta os resultados da SAD no período entre Julho de 2012 e Março de 2013. As opções de presente e futuro a tomar pelo clube estão totalmente relacionadas com o que é apresentado. Aconselho vivamente a leitura.


comentar ver comentários (3)
05 Mai 13

Dei por mim satisfeito com a derrota do Nacional no jogo contra o FCP.


comentar ver comentários (10)

Após visitar a exposição «Álvaro Cunhal - Vida, Pensamento e Luta», no Pátio da Galé, em Lisboa, encontrei a inspiração para encarar a situação da equipa de futebol do nosso clube. Após uma análise às condições objetivas, a conclusão só pode ser uma: é indispensável, para o Sporting se classificar para as competições da UEFA na próxima época, que o Estoril perca. E se não perder esta jornada, dificilmente perderá nas outras duas. Concluído tal facto, só nos resta fazer como Cunhal em 1986: tomar sais de frutos e engolir o sapo vivo de desejar, mais uma semana (já na anterior foi assim) uma vitória do Benfica. Àqueles mais ortodoxos e sectários, Cunhal em 1986 também explicou como fazerem: tapassem a cara do candidato no boletim de voto. Aos mais sectários e ortodoxos de nós, recomendo: esqueçam o nome do clube com quem o Estoril joga. Mas o Estoril tem que perder.


comentar ver comentários (2)
29 Abr 13

Dei por mim satisfeito com a derrota do Marítimo no jogo contra o Benfica.


comentar ver comentários (16)
16 Abr 13
Fazer muito com pouco
Tiago Loureiro

Este título resume bem o grande desafio que o futebol do Sporting terá de enfrentar nos próximos tempos. Fazer muito e bem (como se exige a um clube com esta dimensão e pergaminhos), gastando o pouco que está disponível em termos de dinheiro e margem de manobra (devido aos anos sucessivos de uma miserável gestão do clube).

 

A recente e bem sucedida negociação com a banca para reestruturar as contas do clube trouxe consigo a necessidade de implementar medidas duras mas necessárias, já previstas em período eleitoral pelos candidatos à presidência do Sporting, sendo uma delas a adopção de um orçamento para o futebol bem mais reduzido do que o dos anos anteriores (a este propósito, será importante ler as notícias que o Alexandre Poço partilha neste post). Estas limitações e obrigações financeiras fazem, por isso, adivinhar que o Sporting desportivamente terá de viver, pelo menos mais uma vez, um dos males dos últimos anos: uma nova reformulação do plantel, desta vez mais por necessidade do que por opção. Ao contrário da revolução no plantel feita por Godinho Lopes, que fez disparar os custos com pessoal (neste particular, verificou-se em 2011/2012 um aumento superior a 40% em relação à época anterior), esta provável nova reconfiguração do plantel para a próxima época dever-se-à, precisamente, à necessidade de fazer recuar esses custos para níveis comportáveis.

 

Assim sendo, para além do desafio de encontrar colocação para algumas vedetas de pés de barro e que rapidamente passaram a excedentários, como Pranjic, Elias, Gelson, Evaldo e Bojinov (lembram-se dele?), e jogadores que rendem menos do que deviam como Boulahrouz e Jéffren (e Onyewu, apesar de este ser um caso diferente) todos eles prováveis donos de salários principescos que o Sporting não poderá continuar a pagar, a nova direcção do Sporting poderá ver-se na necessidade de deixar sair alguns jogadores do plantel actual, mesmo que tenha vontade de ficar com eles, com Rui Patrício à cabeça desse grupo, não só porque a sua saída permitiria cumprir de forma imediata o objectivo de encaixar 10 milhões com transferências de jogadores (e, muito provavelmente, ultrapassa-lo), mas também porque representaria uma redução importante na pauta salarial do Sporting.

 

Ou seja, uma coisa é certa: com a razia de Janeiro que permitiu identificar alguns jogadores com maiores salários, a possível saída de mais 3 ou 4 jogadores importantes no final da época e a extrema juventude e inexperiência - não obstante as suas inegáveis qualidades e talentos - da base que sobrará, o Sporting terá necessidade de ir ao mercado. E, desta vez, há menos dinheiro e menor margem de erro para perpetuar os catastróficos falhanços dos últimos anos em termos de transferências. Ou seja, o Sporting necessitará de ter olho de lince para identificar os alvos certos que possuam três características essenciais: bom, barato e experiente. Mais uma missão hercúlea para a nova direcção.


comentar ver comentários (8)
As contas do Sporting
Alexandre Poço

Conheça os planos do Sporting para reequilibrar as contas

Receitas do Sporting a milhas das do Benfica e Porto

 

Estes dois artigos do Dinheiro Vivo, pequenos mas com alguns dados interessantes, dão-nos uma ideia sobre as questões mais importantes da reestruturação financeira do Sporting. Seria útil que os adeptos e sócios do nosso clube tivessem estes números em mente na discussão deste problema tão actual. 


comentar ver comentários (4)
21 Mar 13

Tenho pena de ver partir Ricky van Wolfswinkel. Considero-o um bom avançado e o Sporting fica, futebolísticamente falando, mais pobre sem a sua contribuição. Mas a verdade é que o dinheiro não abunda para as bandas de Alvalade  (em bom rigor o cofre está vazio) e não se pode querer ter e exigir aos ainda responsáveis terem  tudo pago, sem ter onde ir buscar o dito cujo. Acresce, ademais, que muitos dos que agora choram a partida de Ricky no final da época são os mesmíssimos que, ainda recentemente, diziam "cobras e lagartos" do rapaz e que "não era jogador para o Sporting". Meras e ocasionais lágrimas de crocodilo, portanto.

Mas terá o Sporting, como alguns iluminados escrevem, perdido dinheiro? Aliás, será que o Sporting perdeu dinheiro com as vendas que fez? Nada mais falso. Vamos a contas. Mas contas a sério e não as de merceeiro que por aí se podem ler em catadupa.

O Sporting pagou por 50% do passe de Wolfswinkel 2,7 milhões de euros. Vendeu 15% deste por 975 mil euros. Logo, os 35% que restam custaram 1,625 milhões. Ora é precisamente esta parte, os 35%, que o Sporting agora vende por 3,5 milhões. Um lucro de 1,825 portanto. É pouco?. É, concordo, mas é lucro e é isso que conta nas contas de uma sociedade como a Sporting, SAD.

Esta direcção comprou 25 jogadores por 51 milhões de euros. Foi muito dinheiro? Foi, sem dúvida. Acontece que as vendas que já efectuou totalizaram 32 milhões de euros e os jogadores que potencialmente podem ser vendidos podem dar outros 30 milhões de euros. Dará prejuízo? É claro que não. Existirá sempre lucro. E substancial.

Nos últimos 10 anos o Sporting comprou 90(!) jogadores.Vendeu 2. Um deles por esta Direcção: João Pereira. Esta mesma Direcção que pagou Grimi, Torsiglieri, Pongole e todos os erros de Direcções passadas. E estão ainda no Sporting muito e bons jogadores, com forte procura no mercado. É o caso de Rinaudo, Rojo, Schaars, Carrilo, Viola, Jefffren, Arias, Diego, Turan, sem falar de Rui Patrício, Bruma, Etock, Zézinho, Tiago Illori, Renato Neto, etc.

Afinal de contas onde está a tão apregoada má gestão financeira dos jogadores do plantel, isto só para falar de contas, claro está? Pois é, falar é fácil. Demonstrar a dita é que é mais complicado.


comentar ver comentários (27)
01 Jun 12

A SAD do Sporting comunicou à CMVM os números relativos ao terceiro trimeste do actual exercício, o período compreendido entre 1 de Julho de 2011 e 31 de Março de 2012, com um resultado líquido negativo de 30,9 milhões de euros. O balanço das contas é explicado pela evolução negativa das rubricas «Pessoal» e «Custos/Proveitos com Transacções e Passes de Jogadores». O passivo da SAD é presentemente 206,7 milhões. A SAD do FC Porto seguiu o mesmo curso e apresenta igualmente um resultado líquido negatiivo, referente ao mesmo período, de 22,139 milhões de euros. O respectivo passivo é agora 214,2 milhões. Quanto ao Benfica, se enviou semelhante comunicado à CMVM não terá sido ainda divulgado, algo que até não é de estranhar, uma vez que a comunicação social usualmente desdobra-se no sentido de minimizar a exposição pública das contas do clube do outro lado da 2.ª circular. De qualquer modo, a julgar pela contabilidade artística relativa à venda de Roberto por 8,6 milhões, é de esperar que um saldo positivo seja eventualmente anunciado. Este aparato não se evidencia com as contas do Sporting, uma vez que todos sítios noticiosos dão destaque primacial à ocorrência e, para satisfazer a conveniência, em simultâneo, os milhões que o clube da Luz anda a gastar na compra de activos. Os números são significativos no contexto de Portugal, mas são muito inferiores aos que foram apresentados pelos clubes da «Premier League», em que existe um negativo colectivo em excesso de 500 milhões de euros. 

Adenda: Fui entretanto informado por um leitor que a Benfica SAD enviou o seu comunicado à CMVM no dia 18 de Maio. Talvez pelo pouco destaque que é dado nos espaços noticiosos e pelo formato do mesmo, não verifiquei essa ocorrência. De qualquer modo, o escrito indica uma redução nos lucros de pouco mais de 2 milhões, um resultado operacional consolidado de 10,7 milhões, que representa um crescimento de 230% face aos 3,2 milhões alcançados no período comparativo do exercício anterior e, finalmente, no fim do texto, está indicado um resultado liquido negativo de 12,1 milhões. O passivo é de 400 milhões, colocando o total para os três «grandes» em 821 milhões de euros.


comentar ver comentários (10)
23 Jan 12

 

Aplicando, e bem, o ponto 3 do artigo 13 do regulamento, o Sporting continua em 4º lugar.

 

(via João Fazendas Vaz)

Tags:

comentar ver comentários (3)

"O Sporting não perde há seis jogos seguidos".

Tags:

comentar ver comentários (2)
16 Jan 12

   

 

A nova gerência da Liga prometeu durante a campanha eleitoral aumentar a "Zon Sagres" de 16 para 18 clubes. Tanto bastou para que fossem eleitos "sem espinhas" pela maioria dos clubes.

Ora acontece que Benfica e Porto lutam para ser campeões, separados que estão apenas por dois pontos. Braga e o nosso Sporting-"Cerelac" disputam o 3º lugar e o respectivo acesso à "pré" da Liga dos Campeões. Marítimo e Guimarães tentam garantir a presença na Liga Europa. A Académica se for à final da Taça está safa.

Ou seja, se a promessa eleitoral fosse cumprida já na próxima época, que consequências teríamos nesta segunda volta?

Não descendo nenhum clube, os tradicionais jogos de "vida ou de morte" dos aflitos, sobretudo nos jogos em casa, passariam à categoria de "a feijões".

Quem lucraria com esta aberração desportiva?

Benfica: seis (6) jogos "à borla" (P. Ferreira, Rio Ave, Olhanense, Setúbal; Académica e Feirense).

Porto: cinco (5) jogos "a brincar" (Nacional, P. Ferreira, Rio Ave, Setúbal e Gil Vicente).

Ou seja, 6 - 5 = 3 (pontinhos "a feijões")...

 

Notas: em relação ao "duelo" entre os "Sportings", pouco haverá a confabular: o nosso tem que ganhar tudo até ao final da época, seja contra ventos, marés ou departamentos clínicos juvenis.


comentar ver comentários (4)

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Nós? Nós cá vamos no bom ...

Sporting: mais e menos

Ó p'ra eles a encararem a...

Rigor.

Diz o roto para o nu

Com a transparência do co...

Assembleia Geral

Como já piam fininho...

Estamos no caminho certo

Transparência

Arquivo

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

prognósticos

vitórias

jorge jesus

há um ano

balanço

campeonato

slb

arbitragem

benfica

jogadores

mundial 2014

rescaldo

taça de portugal

liga europa

eleições

godinho lopes

ler os outros

clássicos

árbitros

golos

euro 2016

nós

futebol

comentadores

crise

marco silva

scp

cristiano ronaldo

análise

formação

humor

chavões

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds