10 Jan 17

 

Foram estes os termos que me vieram à cabeça quando soube como votou Carlos Queiroz: Messi em vez de Cristiano Ronaldo como melhor jogador do ano, Fernando Santos fora do pódio dos melhores treinadores do mundo.

Um gesto destes define muito bem um cidadão, seja ou não profissional do futebol. Mais que cem imagens, mais que mil palavras.

 

Adenda:justificação de Queiroz.


comentar ver comentários (37)
24 Jun 12

Perante a excepcional exibição de João Moutinho neste Europeu, torna-se ainda mais absurda a decisão tomada há dois anos pelo ex-seleccionador nacional, Carlos Queiroz, que excluiu o então médio do Sporting do Mundial da África do Sul, sublinhando que Danny faria melhor o seu lugar. E, com uma arrogância muito característica, ainda entendeu acrescentar uma frase desdenhosa, própria de quem não sabe enfrentar críticas: "É uma pena que em Portugal não transmitam a Liga russa..."

Trocar Moutinho por Danny: isto diz tudo sobre o critério de Queiroz, que entendeu convocar jogadores como Zé Castro (depois excluído), Daniel Fernandes e Duda. Sem espaço para Moutinho, pois. É uma pena que ande agora a falar em "circos" e nem hesite em insurgir-se contra o "excessivo protagonismo" de Cristiano Ronaldo e da "equipa que anda atrás dele". Indiferente ao facto de a mais prestigiada imprensa internacional chamar ao nosso número 7 gigante e outros epítetos elogiosos, sem dúvida merecidos.

Há homens simplesmente incapazes de conviver com o sucesso dos outros.


comentar ver comentários (4)
08 Jun 12

Parece que Manuel José foi lixado por Queiroz. Parece que Queiroz foi medíocre na África do Sul, mau gestor de jogadores como ele é - mas continua a achar-se' o maior!'. Pois bem, na véspera mesmo da partida para a Polónia deram um recital de declarações sem nexo, incendiando mais e mais o ambiente anti-seleção, para delícia dos media. Os jogadores de Manuel José andam sempre de autocarro, mesmo quando chegam aos treinos e à concentração? Nunca houve, nas equipas do treinador, demonstrações de novo-riquismo? Os jogadores ganharam ou perderam jogos por chegarem à concentração de Ferrari ou de trotineta? Proponho que, quando Manuel José for selecionador, reunam os jogadores na sede da FPF e façam uma cavalgada até Óbidos, patrocinada pela Sociedade Equestre Portuguesa. Com o treinador à frente, fardado de Joana D'Arc. Precedido por Queiroz, apeado, mas à espadeirada a tudo e a todos. Ganharemos o Mundial, com certeza.


comentar ver comentários (1)
A Selecção
António Correia Novais

Carlos Queiroz e Manuel José podiam aprender alguma coisa com o seleccionador alemão Joachim Löw que ontem, ao falar da selecção portuguesa, fê-lo com respeito. Um respeito que estes senhores não tiveram.

Algum ressabiamento?


comentar
07 Jun 12
Pois perdeu
Pedro Correia

«Carlos Queiroz perdeu uma boa oportunidade de estar calado. Porque, no caso dele, isto é visto como um ressabiamento.»

Marques Mendes, há pouco, na TVI 24


comentar
06 Jun 12

Aproveitando a boleia de Manuel José, que saiu a terreiro com "duras críticas" (uma redundância de que alguns jornalistas abusam até à náusea, como se houvesse 'críticas moles') à preparação da selecção nacional, Carlos Queiroz quebrou a sábia reclusão mediática em que mergulhara para deitar também achas na fogueira. Revelando que quando era seleccionador chegou a receber uma proposta para que fossem os adeptos a escolher o 23º jogador destinado a integrar o lote de futebolistas portugueses no Mundial 2010.

Ignoro se Manuel José se sente lisonjeado por ver agora a seu lado o actual seleccionador do Irão, que deixou poucas ou nenhumas saudades no seu atribulado percurso de dois anos (2008-2010) à frente dos destinos da nossa selecção. Mas espanta-me (ou talvez não) que Queiroz, havendo permanecido em silêncio todo este tempo, só agora tenha decidido revelar a nefasta influência exercida pelos patrocinadores nos corpos dirigentes da Federação Portuguesa de Futebol. A três dias do decisivo jogo Alemanha-Portugal, partida de arranque da nossa campanha neste Europeu. Há coincidências que não lembram ao diabo...

Razão tem mestre Fernando Correia, que ainda há pouco escutei com a atenção de sempre na TVI 24: «O grande problema de Manuel José e Carlos Queiroz é não serem seleccionadores nacionais. Se o fossem, as críticas não seriam neste tom.»

Julgo que com isto fica tudo dito. Passemos adiante.

Publicado também aqui


comentar

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

Pequenino e mesquinho

Quando Queiroz trocou Mou...

Detalhes III: os candidat...

A Selecção

Pois perdeu

Uma revelação com dois an...

Arquivo

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

prognósticos

vitórias

jorge jesus

há um ano

balanço

campeonato

slb

arbitragem

benfica

jogadores

rescaldo

mundial 2014

taça de portugal

liga europa

eleições

godinho lopes

ler os outros

clássicos

árbitros

golos

euro 2016

nós

futebol

comentadores

crise

marco silva

scp

cristiano ronaldo

análise

formação

humor

chavões

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds