12 Dez 16

Não gostei

 

Da derrota. Precisávamos de ganhar este jogo para ultrapassar o Benfica e atingir a liderança do campeonato. Objectivo gorado: nem um ponto trouxemos do estádio da Luz. Derrotados 1-2, vemos o nosso principal rival ficar agora à distância de cinco pontos e fomos ultrapassados pelo FC Porto. Azarados à 13.ª jornada

 

Do árbitro. Actuação péssima de Jorge Sousa, que teve influência directa no resultado do clássico ao fazer vista grossa em duas jogadas de grande penalidade cometidas por jogadores do Benfica (Pizzi e Nelson Semedo) que dominaram a bola com a mão. No primeiro caso, o prejuízo para o Sporting foi ainda maior pois desse lance nasce o contra-ataque que resulta no primeiro golo encarnado.

 

Da falta de fair play do público. Durante todo o jogo os adeptos benfiquistas arremessaram cartolinas em direcção ao banco do Sporting e aos nossos jogadores sempre que iam marcar pontapés de canto. Inadmissíveis manifestações antidesportivas que não podem passar sem uma severa palavra de condenação.

 

Da falta de eficácia da nossa equipa. Fomos superiores em quase tudo neste confronto: tivemos mais posse de bola, mais ataques, mais remates, mais cantos. Faltou-nos superar a prova mais decisiva: sermos eficazes no último passe. Sem golos não há vitórias. E sem vitórias não há troféus.

 

Dos nossos laterais. Marvin, batido em velocidade, falha a dobra do central, e permite a Salvio movimentar-se à vontade no lance do primeiro golo do SLB. João Pereira, no segundo golo, desorienta-se na marcação e deixa-se antecipar por Jiménez. É cada vez mais evidente que os nossos laterais são as peças mais fracas no onze titular leonino.

 

De Bryan Ruiz. O costarriquenho é hoje uma pálida sombra do que foi na última temporada. Lento, apático, previsível, sem intensidade competitiva, anda a necessitar de uma prolongada cura no banco dos suplentes. Teve responsabilidade directa no lance do segundo golo, em que desistiu de acompanhar Nelson Semedo e parou, ficando a observar o jogo. Um comportamento inaceitável num desafio desta importância.

 

Das substituições. Jorge Jesus deixou Bruno César no balneário ao intervalo, mantendo em campo o inoperante Bryan Ruiz. Depois trocou o costarriquenho pelo inócuo Alan Ruiz, quando devia ter feito avançar André. Finalmente, quando mandou enfim entrar o brasileiro, trocou-o por Bas Dost, desguarnecendo assim a nossa frente de ataque quando precisávamos mais que nunca do ponta-de-lança holandês para marcar um golo. Não consegui entender.

 

 

Gostei

 

Da atitude dos nossos jogadores. Sem complexos nem temores, o Sporting dominou o jogo - sobretudo na segunda parte, remetendo o Benfica para o seu meio-campo. Quase todos os profissionais leoninos merecem uma palavra de elogio. As excepções já foram referidas mais acima.

 

De Campbell. Queriam um reforço? Aí o têm. Só não entendo por que motivo Campbell não alinhou de início. Jesus deu-lhe ordem para avançar na segunda parte e mal entrou o campo o costarriquenho abanou o jogo, criando sucessivos desequilíbrios. Serviu exemplarmente Bas Dost em dois primorosos lances da ala esquerda - um dos quais deu origem ao nosso golo. Foi pena que tivesse jogado só 45 minutos. Para mim foi o melhor em campo.

 

De Bas Dost. Voltou a marcar: já soma oito golos neste campeonato. E ainda mandou um petardo ao poste, na sequência de um centro de Campbell. Merecia que este lance também tivesse terminado em golo.

 

De Adrien. O nosso capitão voltou a ser o dínamo da equipa, demonstrando uma fibra e uma garra dignos de aplauso e elogio. Pareceu sempre o mais inconformado com o resultado negativo: nunca foi por ele que o Sporting baixou os braços. Aos 88', foi derrubado por Luisão à entrada da grande área do SLB: daria um livre muito perigoso contra o Benfica, que o árbitro não assinalou.

 

Do espectáculo. Foi um jogo intenso, emotivo e bem disputado, apenas estragado pela péssima actuação da equipa de arbitragem. Espero que Jorge Sousa não volte a arbitrar tão cedo uma partida do Sporting.


comentar
76 comentários:
De Simão a 11 de Dezembro de 2016 às 23:50
Também gostei do jogo de ontem. Quem andava esperançado em chegar ao primeiro lugar e sair do jogo em terceiro é que não deve ter achado muita piada.
Mas enfim, o Natal é sempre que um homem quiser.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 00:43
Você também lá estava a atirar cartolinas ao Jorge Jesus? Não me admirava nada.


De Simão a 12 de Dezembro de 2016 às 00:53
Não viu que aquilo não eram cartolinas, eram vouchers!
Vouchers para o Bruno de Carvalho, o JJ e o Otávio, irem passar o Natal relachados num SPA para aliviar o stress em que andam...


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 14:52
'Vouchers' para a Baiúca da Bejeca? Nem os lampiões as querem, como ficou demonstrado. Antes uma mosca na sopa.


De Carlos Silva a 12 de Dezembro de 2016 às 09:57
O Natal é sempre que um homem quiser,...desde que seja o apitador.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 10:25
O Natal lampiónico este ano foi a 11 de Dezembro.


De Carlos Silva a 12 de Dezembro de 2016 às 11:20
O carnide é fértil em natais. São vários todos os anos. Eles lá têm um pai natal, um avô natal e um bisavô natal. Sempre em festa.
Quando chegar o video árbitro, será um anti-natal


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 11:27
Este ano o Natal lampiónico coincidiu com o Carnaval. Com o senhor Sousa como Rei Momo.


De Carlos Silva a 12 de Dezembro de 2016 às 11:38
O prato do dia no restaurante do carnide foi maozinhas de coentrada. Receita do mestre Sousa.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 14:01
Manápulas de Coentrão? Safa!


De Cansado de Carvalho a 12 de Dezembro de 2016 às 00:27
É impressão minha ou li esta semana que a escolha deste árbitro era do agrado do Sporting?

É impressão minha ou ouvi e li, na segunda jornada do campeonato, que este ano as nomeações e as arbitragens estavam muito melhor que no ano passado?

É impressão minha ou o Vitor Pereira, a besta negra do ano passado, está esta hora a rebolar-se a rir com as críticas dos sportinguistas?

Deve ser defeito meu...


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 00:32
É impressão sua. Talvez por andar tão cansado.


De Simão a 12 de Dezembro de 2016 às 00:36
E nem uma palavrinha sobre a trivela do Rafa?
A bem dizer, até percebo: aquilo não foi uma TRIvela, foi uma TETRAvela!


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 00:40
Exibição de luxo foi a do Djaló peruano, uma vez mais. Ninguém como ele consegue driblar tão bem as moscas que esvoaçam à volta do banco.


De Simão a 12 de Dezembro de 2016 às 00:57
Tem razão, e ainda faltou o Carrillo.
Tinha previsto uma vitória do Benfica por 2-1, com golo de Carrillo aos 92 minutos, e o Rui Vitória nem me deu hipótese de acertar no marcador do segundo golo.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 10:26
O Djaló peruano já merece o "título" de Turista do Ano.
Rima e é verdade.


De Corvo a 12 de Dezembro de 2016 às 01:38
E nem uma palavrinha sobre a arrancada do Guedes.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 08:23
A melhor exibição foi a do Ederson. A segunda melhor foi a do Djaló peruano.


De Luis Moreira a 12 de Dezembro de 2016 às 01:14
Uma coisa é certa. Não é por ter perdido este jogo que o Sporting não será campeão.
E, sim, a força de Campbell é necessária no ataque do Sporting. Quem sai? Não sei.
Os nossos laterais chegam atrazados aos lances de golo mas o de João Pereira é uma lástima.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 08:25
Joel Campbell tem de ser titular nesta equipa do Sporting. O Bryan Ruiz - como se viu frente ao Boavista - só funciona nas fases do jogo em que estamos a defender o resultado.
Derrota tangencial na Luz é resultado normal. Nada está perdido. Desde logo o SLB ainda tem de ir a Alvalade.


De LEOA MARIA a 12 de Dezembro de 2016 às 01:20
Afinal o ace ventura sabia do que falava, em relação à tatuagem, e a cara de gozo do derrotas na antevisão do jogo tinha razão de ser, pois o "caldinho" já estava preparado...

SL


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 08:26
Quando este árbitro é considerado o "segundo melhor" apitador português, fica tudo dito sobre a matéria-prima do nosso campeonato.


De Pedro a 12 de Dezembro de 2016 às 09:40
Nem sei se a culpa é do árbitro, qualquer ser humano que entrasse em jogo sabia que se fizesse um erro crasso contra o benfica era crucificado. Ele provavelmente até jogou pelo seguro.

E nem acho que são lances escandalosos, bem sei que as regras mudaram, mas na minha óptica nem deveriam de ser penalti (nenhum me parece intencional e são muito à queima). Também sei que se as cores fossem ao contrário os penaltis tinham sido marcados, sem espinhas.

Enfim é por essas e por outras que uma pessoa tem orgulho em não ser lampião.

Outra gira, vai ser ver imagens de boa qualidade desses lances (penaltis).

Uma dúvida, sabem se as imagens do jogo que existem são exclusivas do benficaTV? ou o facto de terem sido imitgidas por esse canal, não implica que outros canais tivessem os seus proprios camaras-men no local para posteriormente fazerem o que quiserem das imagens?


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 10:28
As imagens são exclusivas do canal benfiquista. Tão exclusivas que esse canal demorou hora e meia a libertar as que permitiriam desfazer qualquer dúvida nos lances dos penáltis não assinalados pelo árbitro.


De l.rodrigues a 12 de Dezembro de 2016 às 13:02
Ainda assim, muito melhor que a Sport TV, que tende a guardar a sete chaves tudo o que esclareça dúvidas a favor do Benfica. Ou contra os rivais. Essas nem uma hora nem um mês depois.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 14:08
"Guarda as imagens a sete chaves"?! Ninguém diria, a avaliar pelas incontáveis horas semanais de análise à lupa e ao microscópio das imagens da Sport TV, com o berra e o gosma e o gamorra aos berros a usarem-nas na tentativa de demolir o Sporting e alvejar Jorge Jesus.
Imagino só o cafarnaum que não seria se as tais imagens não estivessem "guardadas a sete chaves"....


De Corvo a 12 de Dezembro de 2016 às 01:36
Já só faltam 133 dias, mais dia menos dia.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 10:28
Faltam 133 dias para quê?


De Corvo a 12 de Dezembro de 2016 às 12:56
Para a segunda dose.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 14:09
Não perdem pela demora. Por enquanto, desde que JJ foi para o Sporting, continuam com saldo negativo.


De rudolfodias a 12 de Dezembro de 2016 às 08:04
Gostei
-do resultado
-da exibição arbitral
1-o vosso treinador reconheceu que Pizzi toca a bola involuntariamente com a mão, logo não é penalti.
2-Nelson Semedo joga com o ombro, nada a assinalar
-das substituições: colocámos dois defesas quando precisávamos de defender (ruiz e o balada) e alguém teve a óptima ideia de retirar o jogador potencialmente mais perigoso do adversário, o seu ponta de lança.
Não gostei:
-Dos centrais do Benfica: do pré-reformado Luisão e de Lindelof que não pára de pensar na Lindelofa.
-da exibição arbitral
1-a interrupção da jogada do Gonçalo Guedes, deixando o puto literalmente aos papéis, numa jogada que normalmente dá golo ao Benfica.
2- do triplo das faltas que o Scp fez, algumas merecedoras de amarelo(WC e Zeeglaar não deviam ter acabado o jogo) e outras interrompendo jogadas e limitando claramente a acção atacante do Benfica.
Resumindo, resultado justíssimo.


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 22:05
Só lhe faltou dizer que gostou da chuva de cartolinas no pré-fabricado. Talvez você lá estivesse também, a bombardear o banco do Sporting e os marcadores dos cantos com aquilo - demonstração máxima do 'fair play' lampião.


De rudolfodias a 13 de Dezembro de 2016 às 08:45
Não gostei da chuva de cartolinas que poderá fazer com que o Benfica na próxima fique impedido de apresentar tão deslumbrante coreografia, ímpar no nosso futebol e que deslumbra os rivais visitantes e demais espectadores e telespectadores.
Estou numa zona do estádio que, mesmo que tentasse, não conseguiria atingir o relvado com o objecto cartolónico, nem que trouxesse e embrulhasse com aquela fita adesiva para curativos com que o BdC embrulhou a outra cartolina.


De Pedro Correia a 13 de Dezembro de 2016 às 08:48
Começo a suspeitar que você adorava receber uma cartolina do presidente do Sporting. Ou, em alternativa, um vaporzinho.


De SportingSempre a 12 de Dezembro de 2016 às 08:51
Não vou falar de arbitragem nem do comportamento ordinário daqueles benfiquistas que enviaram as cartolinas para o relvado. Estão ao nível dos paineleiros.

Vou falar de uma pessoa que me está a desiludir profundamente, Jorge Jesus. Sobre Varsóvia já falámos.

Ontem perante o Benfica mais fraco dos últimos anos, mas que alinhava com jogadores muito rápidos na frente, colocou a equipa a jogar para a nota artística. Futebol ofensivo, alas subidos, pressão à frente, B.Ruiz no meio. Veio o primeiro contra-ataque, um sprint pela zona central, toda a equipa desposicionada e a correr atrás do prejuízo, outro sprint pela esquerda, centro, um golo. E voltámos ao futebol ofensivo, guarda-redes deles a brilhar, outro golo sofrido e um milagre do Patricio.

Entrou um Campbell inspirado que inventou um golo. Quando finalmente se percebeu onde estava a chave do cofre, deixar o jogo frontal, ida á linha e centro para a cabeça do Dost, mete o A.Ruiz para jogar pelo centro e depois tira o Dost. O jogo terminou nesse instante.

Que se passa com Jorge Jesus ???








De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 09:05
Sublinhei tudo isso no meu texto. Decepcionante actuação de Jorge Jesus no segundo jogo consecutivo. Depois dos clamorosos erros de formação da equipa e de análise do jogo em Varsóvia, repetiu ontem a dose na Luz.
Bryan Ruiz não está em condições de ser titular: com ele em campo, jogamos com dez e meio. Primeiro erro.
Campbell, pelo contrário, já deu sinais evidentes de que merece ser lançado de início. Segundo erro.
Desta vez JJ deixou no banco o protegido Markovic. Mas lançou outro protegido sem mérito, o Alan Ruiz, que nada fez - como era de prever. Terceiro erro.
Trocar Bas Dost por André, em vez de somar o brasileiro ao holandês, quando precisávamos de marcar a poucos minutos do fim, é de bradar aos céus. Quarto erro.


De LEOA MARIA a 12 de Dezembro de 2016 às 12:38
Concordo com o Pedro Correia, JJ não esteve bem nas substituições, mas conhecendo todos os esquemas de corrupção, usados pelo "benfas", e agora com a agravante da vitória estrondosa que a UEFA concedeu aos "vouchers", acha mesmo que nos deixavam conquistar o 1º lugar?
Algumas substituições de JJ foram falhadas, mas mesmo assim se a arbitragem tivesse sido isenta não tínhamos perdido o jogo.
Se as substituições tivessem sido mais benéficas ao Sporting, pode ter a certeza, que ia haver novas invenções do árbitro, no sentido de nos prejudicar, afinal a UEFA "legalizou" os "vouchers" ou não?

SL


De Mike a 12 de Dezembro de 2016 às 09:18
Viva o JJ e BdC! Que ficam muitos anos!!!

ATENÇÃO, hoje é sorteio das competições europeias... hahahaha


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 18:10
Boa sorte com os alemães. hahahaha


De Schmeichel a 12 de Dezembro de 2016 às 10:17
Caro Pedro,

Concordo com a sua análise, em particular a critica às substituições.... acrescento que foi precisamente no nosso melhor momento, que JJ estragou tudo, com a entrada do Alan Ruiz.

Acho que ficou evidente a razão de perdermos este tipo de jogos... eficácia.... quem para além do Bas Dost sabe marcar golos?!


De Pedro Correia a 12 de Dezembro de 2016 às 10:31
Pelo segundo jogo consecutivo, más escolhas e más opções de Jesus.
1. Bryan não se justifica no onze titular excepto que queiramos "segurar a bola" desde o primeiro minuto.
2. Campbell já deu sobejas provas de que merece ser escalado para o onze inicial.
3. Retirar Bruno César de campo, mesmo já com um amarelo, foi para mim inexplicável enquanto se mantinha Bryan.
4. A entrada de Alan Ruiz foi para mim um mistério. Este jogador arrisca-se a ser o maior 'flop' leonino após a contratação do inenarrável Barcos.
5. Cereja em cima do bolo: tirar Bas Dost - que já tinha marcado, atirado ao poste e lutava como um Leão - para fazer entrar André "chuta no ar" Balada - já roça o anedótico.

Tudo isto aconteceu. E nada disto foi culpa de Jorge Sousa, mas de Jorge Jesus.


Comentar post

Autores
Pesquisar
 
Posts recentes

'Nunca lutes com um porco...

A luso-portuguesa Jéssica...

22 de Abril

Um pedido singelo

A minha visão do derby

Rescaldo do jogo de hoje

Pérolas de Ribeiro Cristó...

Viva o Benfica!

Os nossos comentadores me...

Vale tudo na boatovisão (...

Arquivo

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Tags

sporting

comentários

memória

bruno de carvalho

selecção

leoas

prognósticos

jorge jesus

vitórias

há um ano

balanço

slb

campeonato

arbitragem

benfica

jogadores

rescaldo

eleições

mundial 2014

taça de portugal

liga europa

godinho lopes

ler os outros

clássicos

golos

árbitros

nós

euro 2016

futebol

comentadores

crise

marco silva

cristiano ronaldo

scp

análise

humor

formação

chavões

liga dos campeões

slimani

todas as tags

Mais comentados
158 comentários
155 comentários
152 comentários
136 comentários
136 comentários
132 comentários
Ligações
Créditos
Layout: SAPO/Pedro Neves
Fotografias de cabeçalho: Flickr/blvesboy e Flickr/André
blogs SAPO
subscrever feeds